quarta-feira, abril 13, 2016

8

Lamento sobre o Brasil



Por Hermes C. Fernandes

Ai de ti, Brasília! Ai de ti, Brasil! Porque, se nos dias que precederam o golpe de 64 a população tivesse acesso a tantas informações quanto se tem atualmente, certamente teria se mobilizado e impedido que a democracia fosse ultrajada e o país mergulhasse em vinte e um anos de ditadura militar. Portanto, que sejamos menos rigorosos em julgar os brasileiros daquela época que saíram às ruas clamando por um golpe, do que em julgar os que hoje, mesmo alertados pela história, seguem coniventes com o que está sendo engendrado contra a jovem democracia brasileira. A primeira vez é tragédia. Mas a segunda, farsa.

E tu, República Federativa do Brasil, que te levantaste até o céu para desfrutares da liberdade de uma pungente democracia, tornando-se a quinta economia mundial, terás teu orgulho abatido até o inferno ao vires o retrocesso a que serás submetida por aqueles que se unem para devorá-la e negociar tuas riquezas.

Os brasileiros que enfrentaram a ditadura e que saíram às ruas nas “Diretas Já” se levantarão e condenarão tua letargia e cinismo. As grandes democracias do mundo olharão com desdém e te censurarão por haver permitido tal descalabro, deixando-se seduzir por teus próprios algozes. As gerações futuras se envergonharão ao descobrirem a maneira como esta geração se deixou manipular por aqueles que almejavam retomar o lugar que ocuparam por quinhentos anos.

Não há desculpas para esta geração. Não depois da internet. Não depois que o Brasil se tornou protagonista no tabuleiro político e econômico internacional. Não depois que 36 milhões de cidadãos brasileiros deixaram a miséria. Não depois que o analfabetismo foi quase inteiramente banido. Não depois que o fluxo migratório foi revertido. Em 64, o número de jovens que ingressavam na universidade era ínfimo, na casa dos milhares. Hoje são quase oito milhões, incluindo negros e outras minorias que antes eram excluídos.

Não se trata de ser a favor de um governo ou de um partido em particular, mas de ser a favor da democracia, contrariando interesses econômicos dos que se locupletam da opressão exercida sobre as camadas mais humildes.

Não chegamos ainda à terra prometida. Quando muito, encontramos um oásis ou outro no meio do caminho. Mas, ainda há meio deserto pela frente. Mas não se pode dar ouvidos aos que pretendem nos levar de volta para o Egito.

Você pode até torcer o nariz para a mulher negra que Moisés arrumou, ou pelo fato de ter língua presa, ou por ele se demorar tanto no alto do monte, a ponto de seu próprio irmão ceder à pressão popular e confeccionar um bezerro de ouro para ser cultuado pelos hebreus. Mas não pode se esquecer de que estar neste deserto a caminho de Canaã é melhor do que retroceder e viver como escravo a serviço de Faraó.

Você pode não gostar da presidente, de sua maneira de discursar, das alianças que fez em nome da governabilidade, e até da corrupção cometida por membros de seu governo, mas daí se prostrar diante de um enorme pato amarelo em frente à sede de uma instituição que pretende acabar com os direitos trabalhistas conquistados a duras penas pelas gerações que nos antecederam… isso é inadmissível.

As próximas gerações não nos perdoarão. Nossos filhos e netos colherão o que hoje está sendo plantado sob a justificativa de se combater o comunismo e a corrupção, a mesma usada para desmoralizar Getúlio, destituir Jango, exilar Juscelino e decretar o AI-5.


Que o Senhor da História tenha compaixão da nossa geração durante a travessia desta encruzilhada. Que Sua providência nos guie na direção da justiça, da liberdade e da esperança.

8 comentários:

  1. Texto perspicaz, como sempre!!

    ResponderExcluir
  2. Nada a acrescentar. Tudo a aplaudir. Parabéns por sua coragem e inspiradora reflexão desprovida de paixão ou paixonites, antes lúcida e equilibradíssima.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo11:35 PM

    "A primeira vez é tragédia. Mas a segunda, farsa."

    Que mundo esse pastor vive ? A primeira vez foi um mal necessário para impedir que o Brasil se transformasse em uma Cuba, que a mais de 50 anos foi transformada de uma ilha paradisíaca em uma ilha prisão, e se formos mais longe e estudarmos sobre a história do socialismo/comunismo, veremos que nas mais de 700 vezes que tentaram implantar o mesmo, os países em questão foram destruídos, e holocaustos maiores do que acontecem na Alemão de Hitler aconteceram, fazendo o Nazismo parecer brincadeira de criança perto dos horrores dessa doutrina vermelha assassina.

    E atualmente, estamos presenciando simplesmente o governo mais corruPTo da história da humanidade, isso porque a caixa preta do BNDS ainda não foi aberta, e ao que tudo indica superaria inclusive o Petrolão.

    Que mundo esses vermelhinhos vivem ? É assustador serem incapazes de enxergar a realidade, até por não conseguirem reconhecer os erros da seita vermelha que fazem parte, mataram por baixo mais de 100 milhões de pessoas sem estarem em Guerra com outra nação, mas em guerra com quem não era da seita, é ASSUSTADOR ler um texto desse tão sem noção, ou por ser ingênuo, ou por saber bem o que está fazendo ao escreve-lo, espero que seja a primeira opção, e que Deus possa abrir os olhos dos que ainda cegamente seguem essa ideologia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lá vem a loka contra o comunismo....poderia ter ficado calada miga! a carapuça serviu né Gata!

      Excluir
    2. Anônimo11:26 AM

      Você queria que eu ficasse calado porque a verdade lhe dói ? E será que foi pra mim que a carapuça serviu ? Eu que sou a "loka" ? rs

      Excluir
    3. Anônimo11:33 AM

      Quem fala as verdades sobre o comunismo = loka.

      Quem fala as mentiras sobre o Regime Militar (sendo a favor de ditaduras comunistas e de terroristas que lutaram não pela democracia, mas para implantar a ditadura do proletariado), que o PT está sofrendo um golpe e não o contrário, o PT que deu um golpe em nós = Texto perspicaz, como sempre ... e as verdadeiras loka vão a loucura ... kkkkkk

      Excluir
  4. É dificil validar comentários de quem se esconde no anonimato!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo11:27 AM

      Sim é difícil validar comentários que se esconde no anonimato, refutar o conteúdo do mesmo pra que né ? rs

      Excluir