domingo, março 08, 2015

279

ORDENAÇÃO FEMININA: 7 razões favoráveis a mulheres pastoras



Por Hermes C. Fernandes

Aproveitando o mês em que se comemora o Dia Internacional da Mulher, resolvi escrever um artigo sobre o tão polêmico tema. Respeitando os discordantes, quero expor aqui as razões pelas quais defendo a ordenação feminina, tanto ao pastorado, quanto ao diaconato.

1 – Em Cristo acabam as distinções étnicas, sociais e sexistas
“Nisto não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.” Gálatas 3:28
Se Deus pode incluir judeus e gentios no ministério, por que não incluiria tanto homens quanto mulheres? Se vamos manter a distinção entre sexos, deveríamos também manter a distinção entre dias, meses, anos, entre judeus e gentios, entre animais limpos e impuros, etc.

2 – A atividade pastoral é, antes de tudo, um dom – O argumento usado por Pedro para justificar a inclusão dos gentios na igreja foi o dom do Espírito que lhes fora concedido da mesma maneira como aos judeus. Como os apóstolos poderiam impedir a sua inclusão? Semelhantemente, a igreja deve reconhecer o dom pastoral que tem sido concedido a indivíduos do sexo feminino. Ordenar nada mais é do que reconhecer o dom. Negar-se a reconhecer o dom conferido por Deus é o mesmo que resistir a Deus. Confira:
“Portanto, se Deus lhes deu o mesmo dom que a nós, quando havemos crido no Senhor Jesus Cristo, quem era então eu, para que pudesse resistir a Deus? E, ouvindo estas coisas, apaziguaram-se, e glorificaram a Deus, dizendo: Na verdade até aos gentios deu Deus o arrependimento para a vida.” Atos 11:17-18
Se os líderes atuais reconhecessem o dom pastoral que Deus tem concedido à mulheres, toda discussão cessaria. Alguns, mesmo reconhecendo do dom, negam o título. Algumas denominações preferem chamá-las de ‘missionárias’, ‘doutoras’, mas jamais ‘pastoras’. Chega a ser ridículo. Em contrapartida, encontramos muitos homens que ostentam o título sem jamais terem sido vocacionados para o desempenho do pastorado. Patético e lamentável.

3 – O Dom de Profecia é dado tanto a homens quanto a mulheres
“E há de ser que, depois derramarei o meu Espírito sobre toda a carne, e vossos filhos e vossas filhas profetizarão, os vossos velhos terão sonhos, os vossos jovens terão visões. E também sobre os servos e sobre as servas naqueles dias derramarei o meu Espírito.” Joel 2:28-29
De acordo com o discurso de Pedro no dia de Pentecostes, tal profecia cumpriu-se cabalmente quando o Espírito foi profusamente derramado sobre os 120 discípulos reunidos no cenáculo. Ora, se as mulheres devem manter-se caladas na igreja, conforme interpretam alguns a instrução paulina, logo, como elas poderiam profetizar? Por linguagem de sinais? Lemos em Atos 21:8-9 que Filipe, um dos sete diáconos originais, também reconhecido como evangelista, tinha quatro filhas que profetizavam. E o que seria “profetizar” dentro do contexto neotestamentário? Paulo responde: “o que profetiza fala aos homens, para edificação, exortação e consolação” (1 Coríntios 14:3). Os mesmos que se manifestam contrários à ordenação feminina dizem que o exercício do dom de profecia está ligado à atividade pastoral. O pastor é o profeta da igreja. Através da pregação, ele edifica, exorta e consola. Ora, ora… Seguindo a mesma linha de raciocínio, uma mulher que tenha recebido de Deus tal dom, estaria habilitada pelo Espírito a exercer o ministério pastoral.

4 – O sacerdócio universal dos crentes

Alguém poderá argumentar que embora encontremos profetizas nas Escrituras, jamais encontramos sacerdotisas. Mas peraí… Cristo não substitui o sacerdócio levítico por um eterno, onde todos somos igualmente sacerdotes?
“Vós também, como pedras vivas, sois edificados casa espiritual e sacerdócio santo, para oferecer sacrifícios espirituais agradáveis a Deus por Jesus Cristo (…) Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz.” 1 Pedro 2:5,9
Eis um dos pilares da reforma protestante. Todos os crentes são sacerdotes, sem importar seu gênero. Manter a distinção entre clero e leigos é um ranço indesejável que herdamos do romanismo. E como sacerdotes, temos duas atribuições: a) oferecer sacrifícios espirituais a Deus b) anunciar as virtudes d’Aquele que nos chamou das trevas para a luz. Homens e mulheres estão igualmente incumbidos disso. Ora, por que razão deveríamos privar mulheres de celebrar os sacramentos/ordenanças (Leia-se Ceia e Batismo)? Conheço denominações em que as mulheres podem ensinar, pregar, trabalhar na secretaria, evangelizar, mas não podem celebrar a ceia ou o batismo. Isso não faz o menor sentido. Quem está habilitado a anunciar as virtudes do Deus vivo e a oferecer sacrifícios espirituais também está habilitado a partir o pão e batizar. Questão de coerência. O problema é que os homens não querem abrir mão da proeminência. Durante a celebração da primeira eucaristia, Jesus despiu-Se diante dos discípulos, cingiu-se de uma toalha e lavou-lhes os pés. Alguns entendem que o lava-pés seria uma cerimônia complementar da Ceia do Senhor. Mesmo que não encaremos como uma ordenança, não podemos fazer vista grossa ao fato de que foi durante a Ceia que Ele nos deu tal exemplo. Escrevendo a Timóteo, Paulo diz que antes de inscrever uma viúva para ser socorrida pela igreja, dever-se-ia verificar se a mesma praticou toda a boa obra, inclusive lavar os pés aos santos (1 Tm.5:10). À esta altura, o lavar os pés dos irmãos havia se tornado numa prática constante na igreja. Jesus deixara o exemplo aos Seus discípulos homens, porém, mesmo as mulheres a observavam. Isso fazia parte da diaconia, exercida tanto por homens quanto por mulheres.

5 – Foi a uma mulher que Jesus confiou o primeiro “ide” após Sua ressurreição

Jesus poderia ter aparecido primeiramente aos Seus discípulos homens, mas preferiu aparecer primeiro a uma mulher, a quem confiou Seu primeiro “ide” (Jo.20:17). É possível que os discípulos tenham se sentido desprestigiados por isso. - Por que a uma mulher, e não diretamente a nós? Talvez isso indicasse a importância que Jesus atribuía ao gênero feminino na difusão do Evangelho.


6 – Há evidências de que havia liderança feminina na igreja primitiva
“Recomendo-lhes nossa irmã Febe, serva da igreja em Cencréia. Peço que a recebam no Senhor, de maneira digna dos santos, e lhe prestem a ajuda de que venha a necessitar; pois tem sido de grande auxílio para muita gente, inclusive para mim. Saúdem Priscila e Áqüila, meus colaboradores em Cristo Jesus. Arriscaram a vida por mim. Sou grato a eles; não apenas eu, mas todas as igrejas dos gentios. Saúdem também a igreja que se reúne na casa deles. Saúdem meu amado irmão Epêneto, que foi o primeiro convertido a Cristo na província da Ásia. Saúdem Maria, que trabalhou arduamente por vocês. Saúdem Andrônico e Júnias, meus parentes que estiveram na prisão comigo. São notáveis entre os apóstolos, e estavam em Cristo antes de mim.” Romanos 16:1-7
Quanta informação valiosa numa simples saudação! No texto original, Febe é chamada “diaconisa na igreja em Cencréia”. De acordo com o testemunho do autor patrístico Teodoreto de Ciro (393 – 466 d.C.), Febe era uma pregadora itinerante cuja fama correu o mundo todo. “Ela era conhecida não apenas entre os Gregos e Romanos, mas entre os bárbaros também”. E Febe não foi a única. Uma pedra tumular foi achada em 1903 no Monte de Oliveiras com esta inscrição: "Aqui jaz a serva e virgem noiva de Cristo, Sofia, a diaconisa, a segunda Febe". Isso demonstra que Febe tornou-se numa espécie de referência de liderança feminina na igreja primitiva.

Em sua recomendação, Paulo dá testemunho de que Febe teria sido de grande auxílio para muita gente, inclusive para ele mesmo. O texto original nos fornece uma compreensão um pouco mais acurada: "Porque ela tem sido indicada, realmente por minha própria ação, uma oficial presidindo sobre muitos."

O termo traduzido como “auxílio” é prostatis (Rom. 16:2). Esta palavra não é traduzida dessa maneira em nenhum outro lugar nas Escrituras gregas. Foi uma palavra comum e clássica que significava "padroeira ou protetora, uma mulher colocada por cima dos outros". É a forma feminina do substantivo masculino prostates, que significa "defensor" ou "guardião" quando se refere aos homens. Em 1 Timóteo 3:4-5,12 e 5:17, o verbo proistemi é usado a respeito das qualificações dos bispos e diáconos quando Paulo ordenou aos homens a "governarem" bem as suas casas, que incluiu cuidar das suas necessidades. O que foi que significou para homens, deve significar o mesmo para as mulheres. O que foi que estes bispos e diáconos fizeram para as suas casas, Febe fez para a igreja e Paulo. As posições foram idênticas.

Se nós recusarmos a admitir que Febe "governou", ou "liderou", ou foi uma "defensora", ou "guardiã", então nós precisamos rebaixar os diáconos para qualquer nível em que Febe estava ministrando. Se Febe só "auxiliou”, então é só isso que os diáconos fizeram. Seria muito inconsistente traduzir a palavra como "governador" quando se refere aos homens e "auxílio" quando se refere as mulheres.

Entre os que recebem a saudação paulina, destacam-se Priscila e Áquila, responsáveis por ensinar o Evangelho com mais precisão a Apolo, um dos mais eloquentes pregadores da época. Propositadamente, Paulo menciona Priscila antes de Áquila, o que poderia soar indelicado, para indicar sua importância ministerial. Um pouco mais adiante, Paulo nos revela dois personagens curiosos, a saber, Andrônico e Júnias, “notáveis entre os apóstolos”. Se, de fato, ambos, marido e mulher, eram considerados “apóstolos”, não sobre margem pra discutir sobre a legitimidade da liderança feminina na igreja primitiva.

7 – Porque está comprovada a capacidade feminina em exercer qualquer papel antes atribuído somente aos homens


Tenho sido testemunha do flagrante sucesso obtido por mulheres no exercício do ministério pastoral. Algumas obtiveram êxito onde homens falharam. Eu poderia citar vários casos do meu conhecimento. Depois de todas as conquistas da mulheres na segunda metade do século XX pra cá, seria, no mínimo, anacrônico acreditar em sua incompetência para a liderança eclesiástica. Muito antes da revolução cultural, em tempos bíblicos elas já demonstravam suas habilidades como rainhas, juízas, profetizas, e, diga-se de passagem, até pastoras. Vide Ester, Débora, Ana e Raquel. Por que razão Deus as privaria do privilégio de serem instrumentos do Seu amor para cuidar do Seu rebanho particular?

279 comentários:

  1. Respostas
    1. acho engraçado vocês que falam com esta falta de respeito , não sabendo diferenciar bem e mau ,então agora precisa de 7 razoes favoráveis a mulheres pastoras , rapaz isso é de chorar , que pobreza espiritual , de conhecimento , de temor , e conhecimento de DEUS os brasileiros tem.....
      isso não é dom isso é ordenação eclesiástica nada a ver com dom , é por isso que estão raquíticos espiritualmente falando , se perdem por falta de conhecimento , falam de que não conhecem .....

      Excluir
    2. Discordo do texto do site.
      Ele mal interpretou todas as passagens! verifiquem!
      O primeiro exemplo é um contraste com as leis/fé! mas ele omitiu isso!
      Segundo é relativo a dons do espirito santo e não fala nada sobre pastorear ou cargo ministerial
      Terceiro Se trata de uma profecia do antigo testamento ,que foi lembrada em atos!
      Que Deus faria o povo ter sonhos e visões,linguas para a mensagem poder se espalhar na nova aliança!
      pq ninguem acreditaria se n viesse desses acompanhado desses dons.
      Quarto sobre o "ide",Deus deu essa ordenança a todos..homens,mulheres,crianças! é propagar o evangelho.
      mas nunca isso entrou em contradição sobre as mulheres não poderem ser pastoras.
      FEBE n era pastora,poderia ser diaconisa,menos pastora...tb n entra em contradição .
      Muuito pobre e falha essas interpretações!
      Leiam com atenção,não torçam a verdade para seus desejos pessoais!
      VocÊs já colocam na mente que aquilo é certo,mesmo sabendo que não é!
      Os líderes tem medo de perder membros,por maioria são compostas de mulheres!
      Tem medo da revolta se seguir a palavra!
      Mas a palavra deve ser seguida,mesmo q n fique ninguem na igreja!
      tudo para a gloria de Deus! estão enchendo os templos com egos humanos!
      Preferindo nossas escolhas pessoais do que as da biblia!
      há uma penca de mulher que não ve problema nenhum em seguir essa parte das escrituras!
      Sabem o lugar que Deus as atribuiu!
      Outras falam tanto de machismo,que estão chegando ao cumulo do feminismo de até mesmo afrontar a palavra de Deus
      para estar de igualdade com os homens! coisa absurda! Daqui a pouco estarão mijando em pé!
      Vamos respeitar a palavra de Deus! mulher pode passar a palavra adiante,orar,profetizar,ensinar outras mulheres e crianças,
      dar conselhos! mas o cargo,o oficio separado é para o homem capacitado que cuida bem da sua familia e ama a sua esposa!
      Vamo parar com essa ignorancia de querer torcer os textos para fins próprios!
      Deus abençoe a todos e as mulheres que são excelentes auxiliadoras no trabalho de Deus!

      Excluir
    3. Estou começando a estudar muito sobre o assunto, até agora os texto bíblico que chega perto da questão é o que Paulo estabelece a hierarquia entre homens e mulheres em função do ocorrido no Eden,... talvez esse texto seja a chave, precisamos saber se o assunto tratado por Paulo está relacionado a uma questão pontual, mediante a cultura, ou se o assunto tratado por Paulo for doutrina bíblica, então a ordenação feminina é algo contrário a Palavra de Deus ou existem regras que regem a ordenação feminina,...

      Excluir
    4. Anônimo2:34 PM

      Era melhor vc pegar esses textos separados nas cartas de 1º Hermes e em 2º Hermes da sua bíblia , como vc pega textos Bíblicos para defender sua tese anti-Bíblica dessa forma, vc tem toda a Bíblia falando da submissão feminina e de que ela não tem autoridade e nem chamado pastoral, ai vc vem com textos bíblicos e muda totalmente o seu significado para defender a linha de pensamento de milhares de pessoas que não estudam a Bíblia e que usam ela para distorcer o que verdadeiramente ela fala...aff, tem misericórdia Senhor...

      Excluir
    5. Anônimo10:32 AM

      Que coisa maravilhosa Pastor era tudo o que eu queria ler. Deus colocou "um Ministério Pastoral" em minhas mãos. Usou muitos vasos para falar comigo, no início tentei não aceitar, mas Deus foi mais duro comigo. E aí me rendi. Para a honra e glória do Senhor Jesus, a igreja tem crescido muito, muito, em número de membros e espiritualidade, batizado crentes com Espírito Santo (minha filha e demais). Está uma bênção. E com apenas 01 ano já estamos com mais uma Congregação. Tá lindo Pastor, como Deus tem sido fiel para Conosco. Deus nos deu terreno para construir a Sede Própria e também um veículo para "uso da Igreja". Deus tem abençoado muito a Obra neste lugar, para a honra e glória D'ele. Lindas e edificantes essas Palavras. Que Deus continue te usando poderosamente, pois se "Deus fosse contrário ao Ministério Pastoral Feminino, não estaríamos sendo tão abençoados!!! Glórias a Deus!!! Aleluias!!! DEIXA DEUS TE USAAAAAAAAAARRRRRR!!!!

      Excluir
    6. Anônimo12:43 PM

      MARCOS CAP 16
      1.
      E, passado o sábado, Maria Madalena, e Maria, mãe de Tiago, e Salomé, compraram aromas para irem ungi-lo.


      2.
      E, no primeiro dia da semana, foram ao sepulcro, de manhã cedo, ao nascer do sol.


      3.
      E diziam umas às outras: Quem nos revolverá a pedra da porta do sepulcro?


      4.
      E, olhando, viram que já a pedra estava revolvida; e era ela muito grande.


      5.
      E, entrando no sepulcro, viram um jovem assentado à direita, vestido de uma roupa comprida, branca; e ficaram espantadas.


      6.
      Ele, porém, disse-lhes: Não vos assusteis; buscais a Jesus Nazareno, que foi crucificado; já ressuscitou, não está aqui; eis aqui o lugar onde o puseram.


      7.
      Mas ide, dizei a seus discípulos, e a Pedro, que ele vai adiante de vós para a Galiléia; ali o vereis, como ele vos disse.


      8.
      E, saindo elas apressadamente, fugiram do sepulcro, porque estavam possuídas de temor e assombro; e nada diziam a ninguém porque temiam.


      9.
      E Jesus, tendo ressuscitado na manhã do primeiro dia da semana, apareceu primeiramente a Maria Madalena, da qual tinha expulsado sete demônios.


      10.
      E, partindo ela, anunciou-o àqueles que tinham estado com ele, os quais estavam tristes, e chorando.


      11.
      E, ouvindo eles que vivia, e que tinha sido visto por ela, não o creram.


      12.
      E depois manifestou-se de outra forma a dois deles, que iam de caminho para o campo.


      13.
      E, indo estes, anunciaram-no aos outros, mas nem ainda estes creram.


      14.
      Finalmente apareceu aos onze, estando eles assentados à mesa, e lançou-lhes em rosto a sua incredulidade e dureza de coração, por não haverem crido nos que o tinham visto já ressuscitado.


      15.
      E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.


      16.
      Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.


      17.
      E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas;
      Temos que entender que quando paulo referiu as mulheres,é porque elas estavam agindo de maneira desordenada na igreja,ai paulo colocou ordem mas em momento algum disse que elas não podem sr pastora,Débora foi uma juiza que dirigiu o povo,tinha ,dorcas,Ana ra profetisa,erramos porque não conhecemos as escrituras.

      Excluir
  2. Teve uma entrevista do teologo Waldyr Carvalho Luz sobre esse tema e deu o que falar.

    Disponível em:

    http://www.ultimato.com.br/revista/artigos/329/ordenacao-feminina

    ResponderExcluir
  3. GRAÇA E PAZ AMADOS !!!

    Me perdoem a sinceridade mas, discordo completamente o post, apesar de estimar muito o nosso amigo e irmão Hermes.

    1) Gálatas 3:28 - Este texto não fala de ministério nenhum, o contexto aqui é sobre a lei, sobre a lei como tutela para nos levar a cristo, logo, todo, sejam judeus, gregos, mulher homem, livre ou escravo, todos são filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus.

    2) Atos 11:17-18 - Este texto também não fala de ministério pastoral, mas fala de como Deus queria que, não só aos Judeus fosse pregado o evangelho. O dom falado aqui, é o dom do Espírito Santo, e não o dom ordinário de pastor dito em Efésios 4:11.

    3) Joel 2:28-29 - Aqui também não é dito nada sobre o ministério pastoral, mas a promessa de que Deus derramaria seu Espírito sobre os seus.

    4) 1 Pedro 2:5,9 - Este texto é bem claro, diferencia o "povo de Deus" que rejeitou a pedra angular, e o POVO, RAÇA ELEITA. . . . . que agora, em Cristo Jesus, é o verdeiro povo de Deus, o que não era antes (verso 10) pela misericórdia, e isso não tem nada a ver com ministério pastoral feminino, mas da salvação do povo de Deus.

    5) João 20:17 - O ide de Jesus é para todos os salvos nEle, e não apenas para o pastor, presbítero, logo, este texto também não fala de ministério pastoral feminino.

    6) Romanos 16:1-7 - Febe pode ter sido um grande pregadora, e eu espero que haja hoje mulheres pregadoras do evangelho da graça, no entanto, não há nada no texto acima que confirme o ministério pastoral feminino pois, pregar, todos nós temos que estar preparado para isso um dia, independente de sexo e idade.

    7) Porque está comprovado a capacidade feminina em exercer qualquer papel antes atribuído somente aos homens.
    Em nenhum lugar das Escrituras a mulher é desvalorizada ou colocada como inferior ao homem.
    Não é uma questão de VALOR, mas uma questão de FUNÇÃO.

    As Escrituras não atribui à mulher a FUNÇÃO de pastor, e isso não é por causa do VALOR da mulher pois, debaixo do céu, todos somo pecadores e dependentes da graça e misericórdia de Deus.

    Amados irmãos em Cristo, a questão do SACERDÓCIO UNIVERSAL, nada tem a ver com ministério pastoral, mas com o véu rasgado. Antes, só os sacerdotes tinham ACESSO, agora, depois da obra perfeita de Cristo, todo crente tem acesso, ou seja, todo crente é um sacerdote, O VÉU RASGOU !!!!

    SOLI DEO GLORIA !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amado, você me poupou um trabalho enorme! Obrigado, Luis.

      Excluir
    2. Prezado Eduardo, parabéns pela clareza!

      Só para apimentar o tema - já que pouco poderia acrescentar ao que foi esclarecido por você - quero apenas indagar se estes que tão veementemente (ou veladamente) defendem o ministério pastoral feminino estariam também dispostos a entregar seus ministérios nas mãos de futuras pastoras que venham eventualmente consagrar... ou às que já o tenham feito???

      É fácil falar por detrás de um púlpito, principalmente quando já se está estabelecido num ministério pastoral - quase sempre vitalício...

      Conheço, se muito, dois ou três pastores apenas cujas esposas são presidente do ministério, estando aqueles submetidos à autoridade destas...

      E aí?!

      Excluir
    3. concorcordo plenamente com vc varao ,as mulheres sao instrumentos nas maos do senhor como o homem,mas nao para o ministerio temos que ter fundamento em toda a biblia nao so em parte pois a letra mata e nao acrecentar coisas q nao existem ,ex:os gays tentam alegar q davi era gay ,ora o diabo tem causado confusao no meio da igreja pois usou a palavra para tentar a jesus ,ele disse esta escrito q ao teus anjos dara ordem ,satanas faz parte da biblia e tenta enganar o povo de Deus com a letra ,mais a letra mata e o espirito vivifica ,oseia 4:6 o meu povo foi destruido por q lhe faltou conhecimento ,satanas tem enganado o povo de deus com a biblia com a letra,com um evangelho materialista falsas doutrinas ,aconselho os irmaos a buscar fundamentos no espirito e nao na letra ,a bliblia ensina q os sinais seguiriam aos que crer,buscar primeiro o reino de DEUS ,os lideres das igrejas tem ensinado o povo a buscar primeiro a materia ,a biblia relata como guia cegos ,quem sou eu para julgar o proximo,somente nao podemos acrescentar nem tirar senao seremos julgados pelo senhor ,nao se deixem enganar meus irmaos estamos nos ultimos tempos,em que surgiram falsos mestres, falsos doutores,marcos 13:22 por q se levantarao falsos cristos e falsos profeta e farao sinais e prodigios para enganarem,mateus 7:22 no dia do juizo dirao nao profetizamos nos em teu nome,e em teu nome nao expulsamos demonios e fizemos muitas maravilhas ,e o senhor dira apartaivos de mim malditos,cuidado meu irmao com as falsas doutrinas que Deus lle abençoe e lles de discernimento desses momentos que vivemos...

      Excluir
    4. Graça e Paz!

      Ainda bem que pessoas sensatas já respoderam com propriedade exegética apropriada, visto que o artigo em questão se propunha defender o ministério feminino acabou de derruba-lo com argumentos frágeis. Falta estudo serio e compreensão espiritual das Escrituras.

      Excluir
    5. Parabéns Eduardo Monteiro, por sua ótima resposta!

      Excluir
    6. Muito boa resposta.

      Excluir
    7. CAROS IRMÃOS.EU NÃO CONCORDO COM A ORDENAÇÃO POR UM MOTIVO BEM SIMPLES DE ENTENDER.VEJA,AS ORDENAÇÕES BÍBLICAS DE PRESBÍTERO,BISPOS, DIÁCONOS INSTITUÍDOS NA PALAVRA,SEMPRE VENS SEGUIDA DE CONDIÇÕES,QUE É SER SÓBRIO,EXEMPLAR E UMA DELAS É,MARIDO DE UMA MULHER,E ELE ESCLARECE PORQUE.PORQUE SE O HOMEM NÃO GOVERNA BEM A SUS CASA COMO GOVERNARA A CASA DE DEUS?E NA BÍBLIA,A MULHER É TIDA COMO REVERENCIA AO MARIDO,E NÃO O MARIDO A MULHER.NÃO QUERO FALAR AQUI COMO MACHISTA,JAMAIS,MAS LEMBREM-SE,A MULHER FOI CRIADO POR CAUSA DO HOMEM E NÃO O HOMEM POR CAUSA DA MULHER.ENTÃO,SE DEFENDEMOS QUE A MULHER PODE SER PASTORA,TEMOS QUE DEFENDER QUE ELA,E NÃO O MARIDO,TEM QUE GOVERNAR SUA CASA, JÁ QUE É UM DOS REQUEZITOS,E SE ELA GOVERNAR A SUA CASA E NÃO O MARIDO, JÁ SE TORNA UM DESCUMPRIMENTO NATURAL NA BÍBLIA DO HOMEM.

      Excluir
    8. Anônimo1:55 PM

      O que vejo é apenas expressões do Liberalismo Teológico, pessoas querendo justificar seus erros usando a Bíblia de forma errada, sem conhecimento da exegese e da hermeneutica. O espirito do Eden continua em ação, enganando a muitos. Por qoe não nos precocupamos em restaurar a doutrina da igreja, um viver justo e santo, o amor, os frutos do espirito e outras coisas assim. Por que esta insistência insana de querer colocar a mulher onde Deus não a colocou ? Será que não basta as implicações atinentes às suas responsabilidades como esposa, como dona de casa, como mãe e esposa?Por que querer colocar mais cargos nas costas delas ? Vc assumiria as responsabilidades atribuidas à ela ? VC acha pouco ? Irmão, volte-se para a Palavra e busque a iluminação para aquilo que vc não entende e se jacta em querer demonstrar que sabe o que não sabe. Veja bem as considerações do Italo Cesar, analise ! Que o Espirito Santto nos ilumine para que possamos ter um melhor entendimento da Palavra de Deus. By

      Excluir
    9. concordo com vc Eduardo,
      quero fazer uma pergunta aqueles que se dizem donos da verdade, eu sou uma missionária, auxiliar de uma Reverenda, somos dirigentes de uma igreja em minha cidade, nunca pensei em pregar a palavra de Deus, uma porque morria de vergonha e outra pq não conhecia a palavra o suficiente, mas de uns 3 anos pra ca, Deus mudou a minha vida maravilhosamente do vinho pra agua. eu comecei participando todos os dias do grupo de consagraçao e intercessão , e a partir dai, comecei a ter vida de submissão a Deus, em oração, jejuns, adoração e busca de conhecimento da palavra de Deus,
      de repente meu entendimento se abriu e a palavra de Deus já não era mais um enigma pra mim, tudo se esclareceu.
      um belo dia, foi me dado a palavra e dai pra frente está fazendo um ano que estou como pregadora de nossa igreja, já que os homens,poucos
      não se dispuseram a ajudar, ou não estão preparados ainda.
      E ai eu lhes pergunto, se Deus não faz acepção de pessoas, porque é que vocês fazem, nós precisamos parar de julgar, porque se Deus dá os dons a quem Ele quer, então, não julguem o que Deus tem feito.
      Procurem conhecer mais a palavra de Deus e ter um relacionamento diário com Ele que assim nosso entendimento se expandirá e Ele próprio nos revelará qual a sua perfeita e maravilhosa vontade, conhecereis a verdade e a verdade vos libertará de toda ignorância.
      obrigada e que Deus abençõe a todos.

      Excluir
    10. voce tem tanta convicção do que fala que nem tem coragem de mostrar sua cara?
      se tivesse tanta certeza e fosse tão sábio como se acha, deveria se mostrar, ou tem medo se ser julgado com a mesma medida que julgas?

      Excluir
    11. Anônimo8:07 PM

      O asunto é polemico e mexe com as feministas,entretanto Jesus disse:Errais por não conhecer as Escrituras,Concordo com o irmão Eduardo Medeiros.Precisamos conhecer as tres linguagens espirituais da Bíblia ,são elas:Alegórica,figurativa e literária.Queremos usar a Bíblia para justificar o que pensamos ou achamos.Transformamos o que é alegórico em figurativo e o figurativo em literário quando na verdade existe uma ordem divina no significado espiritual.Falta submissão da nossa parte,pois quando discordamos,não do homem,mas do que a Bíblia diz nos tornamos rebeldes.O diabo que inculcar essas coisas na nossa mente como fez com Eva,não podemos ser como Adão e compactuar com essas coisas.Não sou machista,mas sim Biblista,não se engane.Deus sendo sábio colocou a mulher como auxiliadora,não como cabeça.Ela não foi feito da cabeça,para não ser cabeça,nem dos pés para não ser pisada,mas da costela para estar ao lado e perto do coração para ser amada.Amo minha esposa,mas procuro respeitar a posição que o Senhor a colocou,sem mais DEUS em CRISTO vos abençoe!

      Excluir
    12. Pequeno leitor9:48 PM

      Sou de acordo com Eduardo e acrescento: Alguns teólogos feministas — de maneira precipitada e infeliz — afirmam que Paulo era machista, contrário às mulheres, em razão de sua formação. Isso não resiste a uma exegese, pois nenhum machista aconselharia os homens a amarem a sua própria mulher, como em Efésios 5.25. Nenhum machista citaria tantas mulheres, como em Romanos 16. Paulo, como imitador de Cristo (1 Co 11.1), tratou as mulheres da mesma maneira que o Senhor. E, quem dentre nós, tem autoridade para dizer que Jesus era machista?
      Se Paulo era machista, o que dizer de Jesus, que escolheu doze homens para compor o ministério da igreja nascente, de acordo com Mateus 10.2-4? Ele teria se enganado? Ou o Mestre tinha algum vínculo com fariseus, saduceus, escribas ou quaisquer grupos machistas de sua época? Quando fazemos valer a nossa própria vontade ou a de outras pessoas à nossa volta, e não a vontade de Deus, corremos o risco de enquadramento no que o Senhor Jesus disse em Mateus 7.21-23.

      Excluir
    13. Anônimo2:03 PM

      É, estamos realmente no fim dos tempos... a Bíblia é agora o livro das polêmicas. Mas interessante é que Paulo, escrevendo aos Filipenses 1:18 nos convida e até diz '' que importa?'' uma vez que Cristo de qualquer modo está sendo pregado, quer por pretexto, quer por verdade....
      Vejam bem srs. polêmicos, se mulheres estão se levantando para pregar a Palavra, para ensinar e condizir rebanhos aos pés de Cristo, enquanto ficamos no computador discutindo textos e mais textos, achando isso ou achando aquilo, porque a Bíblia não mencionou, ''e não fazemos nada''. Se mulheres estão tomando nossos lugares, porque não dar o espaço ?, se Deus tem dado Dons à élas, quem somos nós de proibir, estamos no seculo 21, o tempo passa e o pecado cresce, o título de Pastora está te incomodando meu irmão ? vá reclamar com Deus, pergunte à Ele, porque ele deu o Dom de pregar,conduzir, ensinar e arrebanhar para mulheres, só porque a Bíblia não comentou, só porque a Bíblia não explicitou, vamos proibir que essas valorosas irmãs façam a função que não foi dada por nós mais comprovadamente por Deus.

      Excluir
    14. Anônimo12:44 AM

      Ordenação de Pastora : O que a Bíblia diz?
      A bíblia não diz nada, nada mesmo, que der suporte ou base pra isso. o resto é arranjo plenamente humano através de de textos que nada tem fala sobre ordenação de pastoras.
      Concluindo, com base biblica não tem

      Excluir
    15. Graça e Paz, aos santos em Cristo.

      Quando li essa matéria, fiquei triste em ver a pobreza teológica em que a igreja no Brasil vive, sempre com textos sem contexto e segundo sua própria interpretação, mas, quando desci e vi o esse meu irmão Eduardo Medeiros, me alegro em ver cristãos com a palavra de Deus em seus lábios não segundo seus próprios interesses.

      Parabéns pela excelente defesa das escrituras.

      Deus o abençoe meu filho e a paz do Senhor.

      Excluir
    16. parabéns meu querido e amado irmão, Eduardo Medeiros, pela defesa bíblica teológica com coerência e não segundo seus próprios interesses.
      Quando vejo matérias assim lamento pela pobreza teológica em que a igreja esta nas mãos, chegamos a níveis de crentes analfabíblicos em nossas igrejas e estamos precisando de mais profetas.

      Deus o abençoe e a paz do Senhor.

      Excluir
    17. Anônimo3:11 PM

      Parabéns!! uma prova de entendimento biblico e de valores que nao buscam distorcer a palavra para seus proprios interesses, é lamentável a forma como muitos distorcem a verdade de Cristo.

      Excluir
    18. Eis aqui a chave hermenêutica. A bíblia foi escrita numa sociedade machista e patriarcal onde a mulher não tinha vez nenhuma, imagina se teria ministerialmente. Ainda assim é o texto da antiguidade que mais dá importância à mulher. Imagine que se a Bíblia fosse escrita em nossa época veríamos alguma restrição em relação à mulher? faça outra BÍBLIA PRA VOCÊ MIZAEL !!!

      Excluir
    19. Discordo do texto do site.
      Ele mal interpretou todas as passagens! verifiquem!
      O primeiro exemplo é um contraste com as leis/fé! mas ele omitiu isso!
      Segundo é relativo a dons do espirito santo e não fala nada sobre pastorear ou cargo ministerial
      Terceiro Se trata de uma profecia do antigo testamento ,que foi lembrada em atos!
      Que Deus faria o povo ter sonhos e visões,linguas para a mensagem poder se espalhar na nova aliança!
      pq ninguem acreditaria se n viesse desses acompanhado desses dons.
      Quarto sobre o "ide",Deus deu essa ordenança a todos..homens,mulheres,crianças! é propagar o evangelho.
      mas nunca isso entrou em contradição sobre as mulheres não poderem ser pastoras.
      FEBE n era pastora,poderia ser diaconisa,menos pastora...tb n entra em contradição .
      Muuito pobre e falha essas interpretações!
      Leiam com atenção,não torçam a verdade para seus desejos pessoais!
      VocÊs já colocam na mente que aquilo é certo,mesmo sabendo que não é!
      Os líderes tem medo de perder membros,por maioria são compostas de mulheres!
      Tem medo da revolta se seguir a palavra!
      Mas a palavra deve ser seguida,mesmo q n fique ninguem na igreja!
      tudo para a gloria de Deus! estão enchendo os templos com egos humanos!
      Preferindo nossas escolhas pessoais do que as da biblia!
      há uma penca de mulher que não ve problema nenhum em seguir essa parte das escrituras!
      Sabem o lugar que Deus as atribuiu!
      Outras falam tanto de machismo,que estão chegando ao cumulo do feminismo de até mesmo afrontar a palavra de Deus
      para estar de igualdade com os homens! coisa absurda! Daqui a pouco estarão mijando em pé!
      Vamos respeitar a palavra de Deus! mulher pode passar a palavra adiante,orar,profetizar,ensinar outras mulheres e crianças,
      dar conselhos! mas o cargo,o oficio separado é para o homem capacitado que cuida bem da sua familia e ama a sua esposa!
      Vamo parar com essa ignorancia de querer torcer os textos para fins próprios!
      Deus abençoe a todos e as mulheres que são excelentes auxiliadoras no trabalho de Deus!

      Excluir
    20. seja mais autentico, vc respondeu copiando do eduardo...

      Excluir
    21. A paz do Senhor, meus queridos quero lembrar ao anonimo de
      2:03 PM, que ele não conhce as Escrituras, pois quem deu o dom de Ensinar as mulheres foi ele e não Deus, pois o Apostolo Paulo escrevendo a Tm, disse eu proibo que a mulher ensine na Igreja.

      Excluir
    22. Pastora Francy Almeida2:01 AM

      O senhor usa quem ele quer quem levanta é o Espirito Santo para o Ministério o fato de eu ser uma pastora do rebanho d Deus não quer dizer q vou mandar no marido ou tomar o lugar do meu pastor o anjo da igreja nė queridos até porq o rebanho deve ser apascentado sem vangloria ou contenda mas com amor, eu não consigo imaginar Jesus dando autoridade só pra homens até porq no meio daqueles 120 e dos 500 que viram ele subir ao céu e receberão ordem d pregar o evangelho e fazer disvipulos d todas as nações não tinha só homens foi dado a todos sem acepção d sexo.

      Excluir
  4. GRAÇA E PAZ AMADOS

    Me perdoem a sinceridade em discordar, apesar de estimar o nosso querido irmão Hermes.

    1) Gálatas 3:28 - Este texto não fala de ministério nenhum, o contexto aqui é sobre a lei, sobre a lei como tutela para nos levar a cristo, logo, todo, sejam judeus, gregos, mulher homem, livre ou escravo, todos são filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus.

    2) Atos 11:17-18 - Este texto também não fala de ministério pastoral, mas fala de como Deus queria que, não só aos Judeus fosse pregado o evangelho. O dom falado aqui, é o dom do Espírito Santo, e não o dom ordinário de pastor dito em Efésios 4:11.

    3) Joel 2:28-29 - Aqui também não é dito nada sobre o ministério pastoral, mas a promessa de que Deus derramaria seu Espírito sobre os seus.

    4) 1 Pedro 2:5,9 - Este texto é bem claro, diferencia o "povo de Deus" que rejeitou a pedra angular, e o POVO, RAÇA ELEITA. . . . . que agora, em Cristo Jesus, é o verdeiro povo de Deus, o que não era antes (verso 10) pela misericórdia, e isso não tem nada a ver com ministério pastoral feminino, mas da salvação do povo de Deus.

    5) João 20:17 - O ide de Jesus é para todos os salvos nEle, e não apenas para o pastor, presbítero, logo, este texto também não fala de ministério pastoral feminino.

    6) Romanos 16:1-7 - Febe pode ter sido um grande pregadora, e eu espero que haja hoje mulheres pregadoras do evangelho da graça, no entanto, não há nada no texto acima que confirme o ministério pastoral feminino pois, pregar, todos nós temos que estar preparado para isso um dia, independente de sexo e idade.

    7) Porque está comprovado a capacidade feminina em exercer qualquer papel antes atribuído somente aos homens.
    Em nenhum lugar das Escrituras a mulher é desvalorizada ou colocada como inferior ao homem.
    Não é uma questão de VALOR, mas uma questão de FUNÇÃO.

    As Escrituras não atribui à mulher a FUNÇÃO de pastor, e isso não é por causa do VALOR da mulher pois, debaixo do céu, todos somo pecadores e dependentes da graça e misericórdia de Deus.

    Amados irmãos em Cristo, a questão do SACERDÓCIO UNIVERSAL, nada tem a ver com ministério pastoral, mas com o véu rasgado. Antes, só os sacerdotes tinham ACESSO, agora, depois da obra perfeita de Cristo, todo crente tem acesso, ou seja, todo crente é um sacerdote, O VÉU RASGOU !!!!

    SOLI DEO GLORIA !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo6:13 PM

      interessante muitos parabenizam o texto escrito,não é que não mereça mas o homem parabeniza a mula e a nomenclatura de mulher ser pastora é contra, como alguns criticam neste blog http://www.hermesfernandes.com/2012/03/ordenacao-feminina-7-razoes-favoraveis.html o homem esta muito preocupado em quem vai mandar e só pensa na razão e esquece da unção. quando Deus quer ele usa ate a mula e porque não ungiria a mulher a pastora, Deus faz como ele quer, da maneira que ele quer e quando quer e quando ele decide a consagrar e ungir uma mulher a pastora e ai quem somos noz para julgar a Deus ou as mulheres.Não se esqueçam que existe o Espírito Santo de Deus e quando ele fala consagra, unge todos devem se calar e fazer o que Deus manda, esqueça os julgamentos devemos agir não pela razão mas sim pela unção.

      Excluir
    2. Anônimo2:56 PM

      Concordo plenamente,pois sabemos que Deus usa quem Ele quer,aonde Ele quer e na hora que Ele quer.
      Eu sou uma pessoa com pouco estudo,o que talvez me torne inferior aos doutores da lei,que pelo jeito não foi extinguida com a morte e ressurreição de Cristo.
      Os homens "pessoas do sexo masculino "estão deixando de se preocupar com a propagação do evangelho de Cristo,para se preocuparem em deixarem de ser "o cabeça ",o que fala mais alto.
      Eu conheço pastores,homens inteligentes,quem se julgam o tal,mas não se esvaziam para deixar Deus entrar e ,assim possam se preocupar mais com as ovelhas desgarradas da seara do Senhor;deixam de fazer o IDE de Jesus,para viver se preocupando em uma geração que não existe mais ou seja,há quantos anos sabemos que as mulheres não podiam nem ao menos sorrir na rua que era vergonhoso para Ele,no entanto,eu pergunto : Por que Jesus,ao ressuscitar não foi diratamente anunciar aos Seus discípulos que Ele havia ressuscitado,se Ele já tinha adquirido o poder para está onde quisesse ?
      Por que,Ele usou uma ex pecadora para fazer o ide,o primeiro de,que foi o de anunciar a Sua ressurreição aos seus discípulos ?
      Se hoje a mulher ainda é tão discriminada pelos homens ,imagine naquela época.
      O Senhor Jesus mostrou para Pedro que não fazia acepção de pessoas ,e porque os pastores que teriam que imitá -lo,fazendo como Ele pediu que todos fizéssemos,o de levar o evangelho a toda criatura,continuam fazendo acepção de pessoas ?
      Última pergunta : em qual dos 4 evangelhos o próprio Jesus Cristo cita a mulher como ser incapaz de se por a Sua disposição ?
      Ou seja,onde está nos 4 evangelhos que Jesus não autoriza a mulher pastorear uma igreja ?
      O homem continua sendo como aqueles farizeus que se julgavam acima de qualquer suspeita.
      Ps. Eu não pedi para pastorear nenhuma igreja ,sou até meio tímida e não tão entendida na palavra do Senhor .
      Pois é,só tem uma coisa,eu tive uma visão da parte de Deus,em que Ele descia com a Sua mão,me entragava uma chave de puro ouro,me dizia que aquela chave da Sua igreja ,e que eu seria a SUA IGREJA ? Que Ele poria a Sua igreja sobre a minha responsabilidade. Eu falei para Ele que não podia,e Ele insistiu e me entregou a chave. Alguém quer entrar em contenda com Ele ?
      Alguém quer discordar Dele,do fato Dele não fazer acepção de pessoas.
      A sabedoria do homem para Deus é loucura.
      Nem todos que dizem Senhor...Senhor ,estão servindo ao Senhor,fazendo as Suas vontades.
      Cada um tem que seguir a doutrina de sua igreja e deixar as outros igrejas seguirem as suas .
      O certo seria todos se unirem em um só propósito,levar o evangelho do reino do Pai a toda criatura,e deixarem de se preocupar com quem vai levar.
      Em outra ocasião o Senhor me levou até a porta do céu e me mandou de volta ...então surgiu a oportunidade de eu levar a sua palavra .
      Glória a Ele,somente a Ele.

      Excluir
  5. Bom, como diria Jack, o estripador: vamos por partes.
    O texto de Gálatas 3.28 em nada tem a ver com ordenação sacerdotal, mas com salvação.
    Profeta não é ofício ordenado.
    O sacerdócio universal também não é ofício ordenado, mas uma dádiva divina. Significa que todos nós temos acesso a Deus, por meio de Cristo Jesus, de forma direta. Se considerarmos isso Ipsis Literis, não há mais cabimento algum para nenhum tipo de oficialato ou ordem na igreja, o que não considero bíblico com base em At 11.30; 14.23; 15.2; 15.4; 15.6; ITm 5.17-19, Tt 1.5 dentre muitos outros textos.
    Jesus foi realmente um homem que quebrou inúmeros paradigmas em sua época. Comia com pecadores, era chamado de glutão e bebedor de vinho, falava com mulheres (e samaritanas inclusive), sem o menor receio de ser rechaçado por seus compatriotas, o que inúmeras vezes ocorreu mesmo. No entanto, parece que o autor não quer distinguir os fatos. Não há nada que corrobore para uma suposta ordenação feminina no fato de o Ressureto ter aparecido primeiro à mulheres. Isso em nada dá força para a argumentação proposta. Se formos considerar a ausência de medo ou receio de Jesus em quebrar todos esses paradigmas, e levando em consideração a proposta do autor em autenticar a ordenação feminina, fica ainda uma pergunta: Porque Jesus não escolheu dentre as muitas mulheres que o seguiam, e que até sustentavam a obra dele, uma que pudesse compor o colégio apostólico. É deveras estranho que dentre as inúmeras mulheres valorosas que se renderam à fé, nenhuma se mostrasse apta para o apostolado. Problema de cultura de certo não era, já que muitos iletrados foram inseridos ao apostolado. O que seria senão a diferença entre “todos são iguais para a salvação” do que todos tem as mesmas funções. Da mesma forma como Deus escolheu a mulher para a dádiva da maternidade e da amamentação, não podendo o homem jamais cumprir tal papel, a liderança espiritual do corpo de Cristo foi reservada exclusivamente, na sua forma ordenada, ao sexo masculino.
    No caso de Romanos 16, o substantivo διάκονον (diáconon) que se aplica à Febe, nesse contexto, não quer dizer que ela era “diaconisa” ordenada, mas que simplesmente servia, protegia, abençoava, o que, aliás, todo verdadeiro convertido deve praticar na família da fé. Inclusive, o texto de Atos 6.3 diz que os apóstolos escolheram sete homens para cuidar da assistência às mesas das viúvas. É um tanto estranho tal asseveração, levando-se em conta que seria muito mais natural que sete mulheres pudessem cuidar das necessidades das outras mulheres nessa área. Príscila e Áquila também não prova muita coisa, pois, embora o nome da esposa (Priscila) venha sempre primeiro, isso só denota, na melhor das hipóteses, qu8e ela era mais ativa do que seu marido no que tange o sacerdócio universal, esse sim, disponível para homens e mulheres.
    A capacidade feminina em realizar e fazer é verdadeiramente mais do que comprovada. Na minha denominação, elas são mais de 68% do total de membros. Sem a força da mulher a igreja não pode caminhar, isso é fato. Mas, no entanto, isso não pode ser fator determinante para que se abra as portas daquilo que a Bíblia não autoriza por simples base histórico-social. Não há autorização bíblica para isso, não há caso bíblico em que podemos nos apoiar para defender tal conduta. Assim sendo, prefiro as Santas Escrituras do que as “modernas técnicas” da exegese contemporânea.
    Que Deus nos ajude a sermos bíblicos e relevantes ao nosso tempo, mas sem ferir princípios eternos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rendo louvores e Glória a Deus por sua tão nobre sensatez. Almocei hoje com duas "pastoras" e fiquei constrangido por não ter formação para justificar minha negativa diante delas, senão a de Paulo em I TT 2.10-12

      Excluir
    2. Anônimo8:42 PM

      Me espanta ler e ver que a Igreja de Cristo ainda discuta questões tão irrelevantes e tão apegadas a pré-conceitos. A mulher na época de Jesus era pouco valorizada, no entanto o Mestre não fez distinção. Quando os evangelhos falam q elas mantinham a obra com valores, isso significava dizer q eleas eram discípulas, pq esta era a função do discípulo. O colégio apostólico não era formado só pelos 12. Havia outros e outras, tanto q as testemunhas do caminho de Emaús são chamados de discípulos e eles não contavam entre os 12. Matias, escolhido no lugar de Judas também era discípulo, desde a época de João Batista, e também não estava entre os 12. Paulo se diz um apóstolo abortivo e ninguém contesta. Mas como não há um nome feminino entre os 12, isso vira regra pra dizer q mulher não deve participar do ministério????? Se fala + sobre Maria Madalena, Marta, Maria, mãe de Tiago e Salomé do que de Natanael, por exemplo, ou Matias.
      Engraçado, todos quererem desconstruir o texto de Paulo onde ele diz q não há mais diferenças entre homens e mulheres. Este têm q ser visto o contexto, o texto e fora do texto. Mas qnd Paulo, que estava inserido em uma comunidade machista ( e isso é fato HISTÓRICO) diz q a mulher deve ficar calada, ninguém argumenta ou olha pelo viés da História. Aí, vale.O texto não precisa de um novo olhar. Isso não é um pouco PRECONCEITUOSO??? MACHISTA???? Outro ponto interessante e q pastor nenhum comenta: A Igreja primitiva se reunia nos lares, local de predominância FEMININA, já q às mulheres era negado mto convívio social. Era em seus lares q elas discipulavam outras e outros, tanto é assim q Paulo saúda a Niinfa e à congregação de sua casa ( que devia ser "pastoreada pela mesma, do contrário Paulo saudaria o Pastor da casa de Ninfa).
      Outro ponto interessante é pensar q de pensar é q Paulo não tinha nenhum problema com o ministério feminino, se o tivesse não faria menção a tantas mulheres e enalteceria seu valor e trabalho. Se ele toma uma atitude mais conservadora qnt às mulheres é como disse Jesus a respeito do divórcio, por causa da dureza dos corações. De hoje isso ainda levanta esta celeuma, imagina há 2000 anos atrás, rsss.
      No mais, irmãos, amai, pq o verdareiro amor lança fora os medos e receios. Se Jesus quebrou tabus por que não nós??? A bem da verdade, Jesus não instituiu nenhum pastor, ele mandou foi q fizéssemos discípulos, então...

      Excluir
    3. Anônimo8:59 PM

      Um pouquinho de conhecimento histórico não faz mal a ninguém. Estudar tb a época ajuda a elucidar razões da ausência de um pastorado feminino, embora Jesus tivesse, sim DISCÍPULAS. Basta estudar um pouquinho pra ver q aquelas q o seguiam e serviam o faziam por serem dsicípulas; este era o papel do discípulo. Elas participavam das refeições ( vide Maria e Marta ) entre os homens, coisa nãoa ceita na sociedade judaica.E se não fosse por elas, como instrumentos divinos, o mundo jamais saberia da ressurreição, pois os homens estavam acovardados demais pra acompanhar a crucificaxão ou ir ao sepulcro. Desculpe falar assim, mas depois de ler q as mulheres agora só faltam " mijar em pé", como um comentador escreveu, o outro perguntar se vc aceitaria ser comandado por mulher me faz pensar que mentalidade é essa q no século XXI nos coloca ainda como cidadãos de segunda classe num local onde fomos chamados para liberdade e igualdade??

      Excluir
  6. Cacá7:58 PM

    Hermes, descordo com este texto completamente.
    Febe era auxiliadora na obra de Deus com os apóstolos e cristãos e os recebiam em sua casa.
    Agora por favor me mostre na bíblia onde diz que a mulher é pastora!
    Pelo pouco que sei da bíblia porque ela é profunda demais sem limites, eu nunca vi em nenhum lugar dizer a palavra pastora.
    Então meu caro Hermes, se não está na bíblia eu descordo e não aceito.
    Para mim o que não está na bíblia é heresia.
    Olha que nem no seminário eu encontrei esta palavra pastora para mulheres.
    Mas isto não impede que a mulher ensine e pregue o evangelho nas igrejas e etc.
    Agora essa de pastora é o fim da picada.
    Esta é uma jogada, ser mulher de pastor automaticamente vira pastora, bispa,o que é isto?
    Esse evangelho da Nova Era que está sendo pregado nas igrejas evangélicas está valendo tudo, até cantores gospel está fazendo parceria com bruxos da Rede globo?
    É o fim mesmo.
    O errado está virando o certo nas igrejas evangélicas, o mundo e seus prazeres carnais já faz parte das igrejas, os dois andam juntos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo10:53 PM

      Querido,é certo que a palavra de Deus é santa e inerravel mas a unica verdade em que podemos aprofundar é na vida de jesus,e na sua salvação,mas existe muitas informações subtraidas da biblia... a elaé uma coletanea de alguns livros que o canone catolico aceitou,e que tambem foi reduzida pelos protestantes...acorda rapaz...

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Querido Cacá Leia Gênesis 29:9. Encontrarás a palavra PASTORA. Raquel era Pastora de ovelhas, tomava conta do rebanho do pai.
      Queridos eu como mulher reconheço a autoridade Eclesiástica que DEUS deu á alguns homens, mas como já foi dito DEUS nos fez da costela do homem para sermos auxiliadoras.Nesta passagem Raquel estava auxiliando seu pai no campo e foi reconhecida por DEUS como Pastora de ovelhas.Isso ñ quer dizer jamais que ela era maior do que o pai mas andava lado a lado como auxiliadora para o ministério que no qual foi chamada e creio que andava em obediência e submissão ao pai. Não é pq algumas mulheres recebem o título tão discutido de Pastora, que ela seja maior que o Pastor, até pq mulheres comprometidas com o reino sabe que o homem foi chamado por cabeça. Logo a função de levar a casa ao altar do Senhor é sua varão !

      Excluir
    5. Querido Cacá Leia Gênesis 29:9. Encontrarás a palavra PASTORA. Raquel era Pastora de ovelhas, tomava conta do rebanho do pai.
      Queridos eu como mulher reconheço a autoridade Eclesiástica que DEUS deu á alguns homens, mas como já foi dito DEUS nos fez da costela do homem para sermos auxiliadoras.Nesta passagem Raquel estava auxiliando seu pai no campo e foi reconhecida por DEUS como Pastora de ovelhas.Isso ñ quer dizer jamais que ela era maior do que o pai mas andava lado a lado como auxiliadora para o ministério que no qual foi chamada e creio que andava em obediência e submissão ao pai. Não é pq algumas mulheres recebem o título tão discutido de Pastora, que ela seja maior que o Pastor, até pq mulheres comprometidas com o reino sabe que o homem foi chamado por cabeça. Logo a função de levar a casa ao altar do Senhor é sua varão !

      Excluir
    6. Foi removido. Sera meu tambem? Quem nao sabe diferenciar animais limpos de impuros...quero dizer...nao sabe o pk existe esta diferenca nao sabe tambem nada sobre mulheres!

      Excluir
  7. Querido bispo Hermes, li seu texto e discordo fraternalmente do senhor.
    Os textos citados comprovam que através do batismo as mulheres são recebidas como membros do corpo de Cristo (Gl 3:26-29), participavam no ministério apostólico de evangelização e plantação de igrejas (Rm 16:6-7 e 12; Fp 4:2-3), serviam no diaconato da igreja (Rm 16:1-2) e profetizavam (At 21:9). O exercício do dom de profecia está ligado à atividade pastoral, mas não restrito .Embora todos os discípulos tivesse recebido o Espírito Santo em Pentecostes, o anúncio oficial da mensagem feito por “Pedro e os onze” (At 2:14). O pastoreio das igrejas é confiado a homens qualificados chamados de Bispos-Presbiteros (At 20:17, 28; 1Tm 3:1-7; Tt 1:5-9; 1Pe 5:1-4).
    As experiências “do flagrante sucesso obtido por mulheres no exercício do ministério pastoral” não devem ser descartadas, mas colocadas dentro dos limites bíblicos. É importante uma participação mais ampla de mulheres nos ministérios que podem exercer biblicamente: ensinar, pregar, liderar diversos departamentos e ter um ministério de tempo integral. Devido ao sacerdócio universal dos crentes, entendo que podem ser autorizadas a ministrar os sacramentos do batismo e ceia, podem ser denominadas diaconisas, Ministras e/ou Reverendas (como são chamadas as freiras). Mas o título e o oficio de pastora não é bíblico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade, Jesus não instituiu pastores, mas discípulos. Hierarquias surgem pra atender uma demanda humana e necessidades de organização. Qual seria a função de um pastor?? Ensinar, profetizar, orientar, discipular??? Tanto homens como mulheres exercem tais funções. O problema é a nomenclatura?? A questão é o receio de ter uma mulher na liderança e ser "submisso" a sua autoridade? Realmente não entendo. Quer dizer q a mulher pode e deve exercer todas as funções de um pastor, mas não pode receber o título?? Vandim, desculpe, mas isso é machismo!!! Volto a dizer, Jesus fez discípulos e discípulas ( aquelas q o serviam eram discípulas). Não coloque na conta de Cristo o desejo de homem de não querer ser liderado por uma pastora. Esta postura na época de Jesus é tolerável, mas hoje, chega a ser feio.

      Excluir
  8. Irmão Hermes...
    Nesta discordo, assumo que não sou nenhuma teóloga, más amo a palavra e busco muito acertar, já tive no passado pastoras e excelentes pastoras!
    Hoje, congrego em uma IPB e como é de conhecimento de todos a denominação ainda não ordena mulheres, más no futuro depois de um amplo estudo tudo pode acontecer, más não é por causa da denominação que não apoio, mais, o pastorado feminino 2 motivos pra mim são bem fortes, são eles:
    1° Jesus poderia ter" escolhido ordenado" uma mulher más não o fez e não foi por falta de opção-2° os apóstolos também poderiam e não o fizeram - existe um 3° más é só minha opinião, creio que Deus não nós deu este" trabalho"por amor a nós, tanto homens como mulheres estão cheios de afazeres os tempos modernos são tão cruéis quanto os antigos, pois embora não tenhamos que moer o trigo - fazer o pão - assar o pão pra ai, sim, depois de horas poder jantar-lo! Em nossos dias os afazeres não acabam e tirando o beneficio da questão que hoje, como a mulher trabalha e teoricamente pode se" libertar" de um marido mal, no mais estamos mais enroladas do que nunca!
    Temos que ter profissão + somos esposas + mãe no meu caso de duas crianças + casa + mercado = uma dor nas costas enorme !
    Isso porque tenho um marido super participativo, agora já pensou ter responsabilidade espiritual da comunidade também, pois ser pastora não anula nenhuma das obrigações acima.
    Acho que foi MAIS UMA PROVA DE AMOR DE JESUS, não nós deixar tal dever, tenho certeza que podem e já existem pastoras, más é mesmo pra nós?! Eu me sinto tão amada por Ele, que sinto que não, pois Ele sabia de nosso futuro e da luta que é continuar sendo o bastião da família, aquela que tem o dever de manter a moral os bons costumes e a palavra de Deus guardada como um tesouro no coração de sua própria família!
    Dani Lima

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este numero 3 da Dani e imbativel!

      Excluir
    2. Anônimo10:33 PM

      querida Dani lima temos que acompanhar a historia e aprender e não decorar, naquela época seria difícil juntar as mulheres aos homens por precaução enviar homens e mulheres juntos ia dar o que falar, e se enviasse duas mulheres também teríamos problemas sabe porque os homens não as respeitavam então era perigoso mas hoje e diferente as mulheres podem andar com mais liberdade. ate entendo por você prensar assim quem, crucificou a cristo na época foram crentes que se diziam cristãos, mesmo assim votaram em sua crucificação.
      eu sei que não este não e o assunto no momento mas se te perguntasse do trabalho em grupos nos lares que chamamos de célula o que você diria,que e heresia procure mais entendimento procure ver mais o que acontece no mundo alargue a sua visão e estreite seu caminho julgar é fácil quero ver fazer o que o senhor jesus fez. o evangelho não cresce mais do que deveria porque existem pessoas que não fazem um esforço para entender o que, o porque, e quando da época.a intenção não e ofender mais sim orientar graça e paz querida Deus abençoe

      Excluir
  9. 1 - O fato de não concordar com o pastorado feminino, não é porque acho que um é superior ao outro, mas apenas que cada um tem um papel diferente. Ora, podemos aceitar que alguns sejam chamados para pastores porque Deus assim o quer, mas não podemos aceitar que Deus chama os homens para pastores porque assim o quer?
    2 - Concordo. É um dom, que Deus dar a quem quer e, de acordo com a Bíblia, é um dom dados a homens, e a apenas alguns homens.
    3 - O dom da profecia realmente é dado a mulheres também, mas isso não tem relação direta com o chamado para pastor.
    4 - Mais uma vez, o sacerdócio universal não tem nada a ver com os pastores. Os sacerdotes do antigo testamento tinham um chamado específico, e eram apenas os levitas que o exerciam. O chamado pastoral é outro, completamente diferente.
    Aliás, se aceitamos que Deus chamava apenas os levitas, mesmo tendo tantas pessoas capazes em outras tribos, para sacerdote, por que não aceitamos que Deus chama apenas homens para o ministério pastoral?
    5 - o "ide" é um dever de todos os cristãos, não só dos pastores. Então esse argumento não tem ligação direta.
    6 - O texto apresentado apenas mostram mulheres que trabalharam arduamente e com muito êxito na obra do Senhor. Ele não mostra necessariamente mulheres na liderança.
    7 - Veja bem, mulheres são tão capazes quanto os homens. Talvez até mais. Mas nem um nem outro são capazes, por si mesmo, de se tornarem pastores. Esse é um chamado que Deus dá e, de acordo com as cartas à Timóteo, é um chamado para homens.
    Então ser pastor não significa ser mais capaz. Apenas ser chamado. Por isso discordar do chamado pastoral feminino nada tem a ver com duvidar da capacidade das mulheres. Se Deus quisesse chamar as mulheres, Ele as tornaria capaz.

    ResponderExcluir
  10. 1 - O fato de não concordar com o pastorado feminino, não é porque acho que um é superior ao outro, mas apenas que cada um tem um papel diferente. Ora, podemos aceitar que alguns sejam chamados para pastores porque Deus assim o quer, mas não podemos aceitar que Deus chama os homens para pastores porque assim o quer?
    2 - Concordo. É um dom, que Deus dar a quem quer e, de acordo com a Bíblia, é um dom dados a homens, e a apenas alguns homens.
    3 - O dom da profecia realmente é dado a mulheres também, mas isso não tem relação direta com o chamado para pastor.
    4 - Mais uma vez, o sacerdócio universal não tem nada a ver com os pastores. Os sacerdotes do antigo testamento tinham um chamado específico, e eram apenas os levitas que o exerciam. O chamado pastoral é outro, completamente diferente.
    Aliás, se aceitamos que Deus chamava apenas os levitas, mesmo tendo tantas pessoas capazes em outras tribos, para sacerdote, por que não aceitamos que Deus chama apenas homens para o ministério pastoral?
    5 - o "ide" é um dever de todos os cristãos, não só dos pastores. Então esse argumento não tem ligação direta.
    6 - O texto apresentado apenas mostram mulheres que trabalharam arduamente e com muito êxito na obra do Senhor. Ele não mostra necessariamente mulheres na liderança.
    7 - Veja bem, mulheres são tão capazes quanto os homens. Talvez até mais. Mas nem um nem outro são capazes, por si mesmo, de se tornarem pastores. Esse é um chamado que Deus dá e, de acordo com as cartas à Timóteo, é um chamado para homens.
    Então ser pastor não significa ser mais capaz. Apenas ser chamado. Por isso discordar do chamado pastoral feminino nada tem a ver com duvidar da capacidade das mulheres. Se Deus quisesse chamar as mulheres, Ele as tornaria capaz.

    ResponderExcluir
  11. Cacá8:52 AM

    Hermes esta mulherada vem com este papo de sempre,querendo se defender com erro e mentiras.
    Por favor minha querida Dane Lima me mostre na bíblia onde está escrito que tem pastora, pode sere que a sua bíblia e das demais mulheres tem, ou como vc diz no futuro terão.
    Como eu disse, na bíblia da Nova Era que hoje estão nas igrejas evangelicas deve ter escrito que a mulher é ordenada pastora como fazem.
    Que na bíblia original a Verdadeira eu nunca vi e nunca fizeram isto no passado.
    Igual eu disse: Eu pesquisei no seminário nos manuscritos original e nunca vi mulher pastora bispa.
    Heresias não dá!
    Vou mais fundo lugar de mulher é lavar roupa, passar roupa, fazer comida para o marido e arrrumar a casa.
    E o mais importante para mulher é interceder para a obra de Deus. só!
    Esta de mulher pastora, bispa, vespa etc, aí o nível de espiritualidade abaixou demais no conhecimento da bíblia.
    Por favor só quero que me mostre na Verdadeira Escritura Sagrada a bíblia, onde está escrito que a mulher é ordenada a pastora.
    Jesus também disse Dane Lima: "Errais por não conhecer as Escrituras e nem o poder de Deus".
    Não somos idiotas, não nos faça de idiotas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Cacá...
      Pelo que entendi você não terminou de ler meu comentário e já foi logo tirando conclusões e erradas, se você completar a leitura e interpretar o texto corretamente, vai ver que NÃO sou a favor do pastorado feminino.
      Embora isso não tenha nada haver, com competência e sim com ordenança o fato de no passado ter tido pastoras e boas pastoras não altera que agora mais madura na fé me posicione de forma diferente, nesta questão!
      Sugiro, que no futuro antes de utilizar tais palavras "erro e mentiras" tenha certeza que não esteja cometendo uma injustiça, como claramente foi o caso!
      Dani Lima

      Excluir
    3. Ahhh!
      E vou mais fundo Cacá, errais por NÃO ser em todos os sentidos...
      Educado,agradável,gentil e finalmente uma qualidade,(fruto) imprescindível que todo cristão homem ou mulher, deve buscar( mansidão)
      Dani Lima

      Excluir
    4. Anônimo11:00 PM

      dani, podes crer,este irmão é frustrado,todos aqueles que são contra a liderança da mulher ,e porque tem medo,nos temos mais capacidade do que eles,vão se converte e aceitar jesus

      Excluir
    5. Jjoana4:13 AM

      Cacá, fui tocada pelas suas palavras. A bíblia e todo o amor cristão transbordam em vc. Vou além, quando vc diz q lugar de mulher é arumando casa, fazendo comida, cuidando do marido percebo o quanto vc tem discernimento das coisas, rsss.Mas preciso te dizer uma coisa. Acho q Deus não concorda tanto com vc porque Ele levantou Debora como juíza para libertar o povo de Israel. Acho que ela devia ter coisa mais importante pra fazer do que arrumar a casa. Depois levantou Ester como rainha. E Ester tinha voz nas decisões do reino. Será q ela tinha tempo de lavar cueca? Além delas, temos no Novo Tetamento Priscila q comandava JUNTO com seu marido uma comunidade cristã. Eu sei q ela fazia tendas, mas acho q ñ tinha tempo de pilotar fogão. Ainda lemos sobre Febe, diaconisa, Ninfa q pastoreava a igreja em sua casa e outras tantas a quem Paulo saúda em suas cartas pelo trabalho e dedicação à obra.
      Fico mesmo mto, mto triste que a Igreja q devia ser lugar de igualdade seja onde estes discursos feios ainda têm lugar. E usam Deus pra justificar seu pré-conceitos. Não foi este o exemplo q Jesus deixou.
      Depois os crentes querem saber por que os incrédulos os chamam de ignorantes.
      Vergonha!

      Excluir
  12. Anônimo8:57 AM

    Muito bom ler isso.... acho ke acima de tudo é lembrar que DEUS quer usar a todos, independente do sexo. Sempre apoiei, achei lindo uma mulher ser "Pastora". Tenho orado e pedido confirmação do Senhor pois este é o meu sonho e espero que seja os sonhos de DEUS pra minha vida também. Há espaço para todos na obra de DEUS. Acho muito mais "bonito" homens apoiando do que "procurando bases bíblicas" contrárias. Há uma linha muito tênue entre "machismo e permissão de Deus"... se Deus quer usar homem ou mulher como PASTORES, amém.... o importante é a obra de Deus sendo realizada. Com amor. Michelle Cavalcanti (não consegui entrar pelo google...) mas deixo meu twitter @mii_cavalcanti

    ResponderExcluir
  13. Olá. Fico muito feliz que o povo de Deus pensa e toma decisoes segundo a palavra. Criticar, questionar e determinar situacoes e pensamentos é prova que não há preguica de pensar e faz parte do condicionamento humano.
    Fiquei maravilhada com o post e tambem com os comentarios. Respeito cada um deles e, com humildade, venho deixa minha marquinha aqui...Vou escrever em tópicos porque sei que essa questão gera opinioes contrárias.

    1. O que é pastor, pastorear, etc? É aquele que guia o gado ao pasto. O que cuida e protege o rebanho.

    >> Minha tia [ que,por sinal, concorda com a maioria dos comentarista] me disse que sou uma pastora. Como assim? Voce voce é uma menina de 18 anos! e ainda por cima sua tia tá em contradicao? A questão é que eu cuido de amigos, falo a palavra de Deus, prego, ministro sobre a vida deles e, em muitos cados, cuido cuido de feridas espirituais. Tudo isso faço graças a Deus e para honra dEle.
    Sobre o título de patora, é uma honra, mas o peso é enorme.
    Nâo almejo esse titulo em uma consagração em seja a igreja qual for, mas me sinto honrada por ajudar pessoas e a expandiro reino de Deus na face da terra.
    Creio que Deus tem derramado essa unção sobre a vida de muitos, inclusives de mulheres.

    #### Todos que pregam e discipulam, mesmo sem títulos, nada mais fazem que PASTOREAR.###

    2. A biblia é verdade e nela eu creio. A palavra de Deus nos liberta do mal e nos faz fortes em Deus.

    * ITimoteo 2:9-12.
    >> Sobre o verso.9 --- Fala que a mulher tem que se vestir humildemente/modestia.
    Adoro me arrumar, esmaltes escuros são meus preferidos, brincos eu amo.
    Muitas igreja nao aceitam isso....algumas assembleianas, por exemplo, mas a batista, a qual faco parte, permite. São elas mais ou menos "de Deus"? NÃO. SÃO BENÇAÕ E O REINO DE DEUS, A QUESTAO É A DOUTRINA.

    >> sobre o verso 11 e 12 --- A mulher deve ser submissa a seu marido, ele é o cabeça da casa [ glória Deus por isso]... e é sobre isso que Paulo fala: respeito, submissao,etc.

    A mulher naquela época e até a metada o século XX, nao tinha forca suficiente para liderar em massa.
    Agora ela tem, mas, que fique claro, ela DEVE CONTINUAR SENDO SUBMISSA À SEU MARIDO.

    ###Imagina eu, cabelo curto channel, unha grande de cor, com brinco [ tudo com descencia e ordem PARA GLÓRIA DE DEUS] numa Assembléia? NÃO ficou legal, né? Pois bem, se estou nessa doutrina eu tenho que obedecê-la e respeitá-la... Sou da bastista e nela sou 'normal", dentro dos "parametros", se assim posso dizer.

    Agora imagina eu no periodo biblico... cabelo curto significa prostituta :O

    #######O que quero dizer com isso é o seguinte: há coisas que parte da consciencia de cada um para com Deus. Um titulo de pastora nao vai a fazer mais ou menos mulher de Deus assim como meu cabelo curto nao vai ditar em mim a presença ou ausencia do Espirito Santo de Deus na minha vida.
    Não discordo da maioria dos comentarista, mas tambem nao me oponho a essas grandes mulheres que tem sido tremendamente usada por Deus para ministrar a palavra dEle para o mundo inteiro.

    A QUESTÃO É DOUTRINA E NAO DESOBEDIENCIA

    ***No final, o que enteressa mesmo é o amor de Deus em nossas vidas,é pregar o evangelho a toda criatura, fazer e amar a vontade de Deus.
    Sobre uma questao nenhum de voces vai discordar: SÓ JESUS SALVA e nEle que devemos confiar e doar nossas vidas. Amem! [?] rs

    Com carinho, muito respeito e humildade,
    MARIA TEREZA- RJ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom Maria Tereza eu penso assim também, Ordenação e para nós os homens o dom e para todos.

      Excluir
    2. muito bom Maria Tereza, ordenação e para os homens mas o dom e para todos, concordo plenamente.

      Excluir
  14. Anônimo10:33 AM

    Quero saber mais sobre esse assunto, por favor me envie o texto todo. Obrigada. claudinhaemcristo@hotmail.com

    ResponderExcluir
  15. Cleber12:25 PM

    Michele, prove a nós os homens que voces querem, e estão tentando nos fazer de idiotas, onde está escrito pastora mulher na bíblia só isto que queremos saber.
    Lugar de mulher é cuidar do marido e interceder para o ministério dos pastores e obreiros.
    Esta de pastora não cola.
    Se voces mulheres quizerem pastorear tenho algumas ovelhas animal para voces guia-las,tem muita lã para voces cortar.
    Agora ovelha de Jesus os cristãos, é ele que pasotorea e aqui na terra o postor homem conforme a bíblia não a pastora mulher que não está escrito na bíblia.
    Que heresia é está, qual a igreja que voces frequentam!
    A do anticristo?
    Até agora só bla,bla bla, ninguém provou onde está na bíblia escrito pastora mulher.
    AH! Me poupe por favor!
    É lógico que as mulheradas vão chiar esperniar, mas o pastorado conforme a bíblia e conforme os mandamentos de Jesus é o postor, bispo, evangelista etc só homens.
    Podem chorar mulheres que voces são apenas intercessoras que já está bom demais para voces; podem até pregar em alguma igreja que não é proíbido, mas ser líder de uma igreja aí não!
    A obra de Deus não vai para frente mesmo com esta heresia que estão empondo nas igrejas, inventos do evangelho da Nova Era que está sendo pregado, porque Deus não contituiu a mulher para ser líder de igrejas.
    Aliás ao invés de voces mulheres quererem desfazer o que Deus constituiu que são pastores, vão lavar as cuecas dos seus maridos que está no tanque esperando para ser lavada por favor! he,he,he.
    Não fiquem iradas não! ok?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cleber "Cacá" não importa ambos se não são o mesmo, partilham da mesma falta de amor...
      A leitura de Tiago faria bem a você e já que tem" conhecimento da bíblia" e gosta de se manifestar, deveria saber que podemos falar tudo que julgamos verdade, más em amor, suas palavras tornam-se amargas e hipócritas!
      Uma das maiores acusações que Jesus fazia contra os fariseus era o de serem hipócritas.
      Pensemos nisso, pois ser hipócrita e tentar mostrar uma espiritualidade, e agir com desprezo durante o resto do texto , esta não é uma atitude que agrada a Jesus.
      Ahh, embora não apóie o pastorado feminino tenho certeza, que uma pastora que ama ao próximo, está mais no centro da vontade de Deus do que o crente que esta no templo agradecendo a Deus por não ser injusto e "homem" Lucas 18:10
      Cacá, a obra de Deus não vai pra frente por causa de crentes como você, tremendo tumulo caiado!
      Dani Lima

      Porventura deita alguma fonte de um mesmo manancial água doce e água amargosa?Tiago3:11

      Quem dentre vós é sábio e entendido? Mostre pelo seu bom trato as suas obras em mansidão de sabedoria Tiago3:13

      Se alguém entre vós cuida ser religioso, e não refreia a sua língua, antes engana o seu coração, a religião desse é vã. Tiago1:26

      Quem dentre vós é sábio e entendido? Mostre pelo seu bom trato as suas obras em mansidão de sabedoria
      Tiago 1:26

      Excluir
    2. Anônimo11:06 PM

      voce precisa conhecer o dom do amor,jesus usou uma jumenta,vc é muito machista e deve ser daquele,que só sabe da ordem na sua casa e talvez ate bater na sua esposa,que pelas suas palavras grossas ao nosso favor foi orrivel,em nossa igreja tem mulheres que são lideres e fazem um trabalho excelente para Deus,deixe que DEUS TRABALHE NO SEU CORAÇÃO

      Excluir
    3. Anônimo8:56 AM

      cleber vc tem que aceitar JESUS,e deixar de ser machista,vc deve ser daquele obreiro encubado na igreja que mostra o que não é,e esse tipo de obreiro é lobo no meio das ovelhas e tem medo das mulheres de Deus ficar no lugar de homens que não tem capacidade que só está a frente de igreja por causa de dinheiro,ou por serem adulteros encubados,se arrependa e busque o frutos do Espirito na sua vida,vc é obreiro encruado

      Excluir
    4. Anônimo4:53 PM

      Não sou evangélico, nem tenho religião ainda. Mas adorei o post e concordo com tudo nele. Gosto de ler sobre a bíblia e parabenizo o autor Hermes pelos dizeres. E quanto ao Sr Cléber Cacá (q deveria ser chamado de Cáca, pois só fala m...), a minha opnião é q ele deve ser gay embutido, queria ter nascido mulher e como não foi o q aconteceu, fica tentando provar q é macho sendo machista. Além de tudo, esse ataque pessoal q ele faz as mulheres, só mostra a inveja e a raiva q ele tem delas, pelos simples fato dele não ter nascido com uma perereca. Cáca, pára de fingir q é crente e sai do armário! Agora ficar ofendendo a mulherada cáca... faça-me o favor! Muitos aqui discordaram sem com isso ofender as mulheres. Se vc não é chegado a mulher, tudo bem cara... é só assumir, não precisa atacar!

      Excluir
    5. Anônimo3:34 AM

      JA QUE QUERES SABER ONDE ESTA ESCRIRO O NOME PASTORA NA BIBLIA,SO PROVA QUE VC NÃO A LÊ MAIS SO MATAR SUA CURIOSIDDE LEIA GENESIS 29 VERSO 9.QUANTO AOS SEUS COMETERIOS TEMHO CERTESA QUE VC NÃO PASSA MESMO E DE UMA BICHONA!PRA TER TANTA RAIVA DE MULHER DE TER NASCIDO DE JEGA PALHAÇO.

      Excluir
  16. Sensacional! Parabéns pelo post, Hermes! Não é à toa o nome do seu blog.

    ResponderExcluir
  17. Sensacional! Parabéns pelo post, Hermes. Não é à toa o nome do seu blog.

    ResponderExcluir
  18. Anônimo3:14 PM

    Adoraria concordar com o pastor, pois pessoalmente sou a favor.
    Agora biblicamnete perdemos feio pastor, o que o Senhor fez foi um silogismo, aliás muito bem feito.
    Mas *Cá entre Nós* não temos argumentos biblicos, históricos, teologicos suficientes. Como falei perdemos feio....
    Mas sou a favor sim...
    Carlos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a favor?, mesmo sem base Bíblica? agora fiquei preocupado

      Excluir
  19. Anônimo3:20 PM

    Respondi no impulso nem li os posts, agora estou dando uma olhada.
    Percebi que a maioria concorda com meu pensamento, como falei eu queria...
    Assim como eu sou a favor da pena de morte para crimes bárbaros, mas sei que Deus não é...
    Carlos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ...tô entendendo, Deus e contra mas você e a favor, que submissão a Palavra de Deus.

      Excluir
  20. Segunda Parte:
    Em breve estará disponível nas livrarias o meu segundo livro no português sobre o tema da MULHER. Adianto uma revelação que o Senhor me deu e que a nova Obra contém, e provo pela Bíblia: Deus dividiu o Planeta Terra em CINCO departamentos de AUTORIDADE DELEGADA que os ajudem a administrar a Terra: 1. O homem sobre a mulher (no matrimônio); 2. O casal sobre os filhos; 3. Os Patrões sobre os trabalhadores; 4. O Governo Civil sobre o povo da humanidade em geral incluído os cristãos; 5. Os pastores sobre a Igreja do Senhor.
    Todo o Novo Testamento mostra claramente que o ministério da igreja Local "UMA", conforme o desenho de Cristo, o Fundador dela, e universalmente UMA, em tempo e espaço é plural e nunca singular. Nele estão os cinco ministérios de Efésios 4:11, e nele entram todos os chamados e capacitados com os Dons, que, com o seu cultivo se transformam em ministérios.
    A Família precisa de um homem e uma mulher para ser família. A Igreja precisa de homens, mulheres, gregos, judeus, gentis, negros, brancos, mestiços, indígenas e estrangeiros, para ser igreja, onde o Pastor, o Apóstolo, Mestre, Evangelista e Profeta é principalmente o Senhor Jesus, e nós, homens e mulheres cooperadores de sua Obra e membros da NOIVA dele que integramos todos.
    Deus chama, unge e capacita com o Espírito Santo que fora prometido já no Antigo Testamente para homens e mulheres. Qual é a dificuldade em entender isto? Não seria, por caso, uma forte marca da Queda ainda nos controlando, na qual menosprezamos a Obra da Criação de Deus e da Redenção de Cristo?
    Se os cristãos fossem apenas cidadãos da Terra, poderiam votar somente em homem, ou só em mulher. Como além de cidadãos da Terra também somos cidadãos dos Céus, do Reino ETERNO que vem de antes da criação de homem e da mulher, somos os principais em NÃO DISCRIMINAR e nos direitos civis humanos, deveríamos votar nos melhores candidatos, independente de sexo, e nos nossos direitos cidadãos celestiais deveríamos apenas RECONHECER a quem Deus chame, capacita e autoriza e envia para nos pastorear, mesmo sem ver antecipadamente o seu rosto, ou tendo a informação do sexo.
    Pelo efeito da própria QUEDA no Éden, há um ciúme extremamente doentio em muitíssimos pastores (e o ciúme contagia rapidamente, por isso os membros também são maioria que não aceita outra teologia diferente das dos seus pastores), levando-os, e levando ao povo de Deus perder tempo em discussões aparentemente bíblicas e bem intencionadas, não deixam de envergonhar ao Mundo por estarem saturadas de discriminações.
    Nessa doença, já crônica, e altamente endêmica no nosso meio se amarram com toda classe de correntes filosóficas mundanas e biblicamente doentias, aos seus púlpitos, e as suas "igrejas” os vigiam para que não escapem, fazendo das mulheres e dos apóstolos TRAIDORES de seus reinos e complicando até ao próprio Deus, com palavras ou pensamentos como este: ‘Senhor. Deixei tudo pelo Senhor, e agora vai chamar mulheres e apóstolos para a Seara? Por favor, Senhor, não mecha comigo!
    Respeito a opinião de cada um, mas em termos da Verdade de Deus que foi planificada antes mesmo de existir homem e mulher no Planeta, me perdoem, sou inflexível!
    www.cesbal.com
    titoberry@hotmail.com

    ResponderExcluir
  21. Segunda Parte:
    Em breve estará disponível nas livrarias o meu segundo livro no português sobre o tema da MULHER. Adianto uma revelação que o Senhor me deu e que a nova Obra contém, e provo pela Bíblia: Deus dividiu o Planeta Terra em CINCO departamentos de AUTORIDADE DELEGADA que os ajudem a administrar a Terra: 1. O homem sobre a mulher (no matrimônio); 2. O casal sobre os filhos; 3. Os Patrões sobre os trabalhadores; 4. O Governo Civil sobre o povo da humanidade em geral incluído os cristãos; 5. Os pastores sobre a Igreja do Senhor.
    Todo o Novo Testamento mostra claramente que o ministério da igreja Local "UMA", conforme o desenho de Cristo, o Fundador dela, e universalmente UMA, em tempo e espaço é plural e nunca singular. Nele estão os cinco ministérios de Efésios 4:11, e nele entram todos os chamados e capacitados com os Dons, que, com o seu cultivo se transformam em ministérios.
    A Família precisa de um homem e uma mulher para ser família. A Igreja precisa de homens, mulheres, gregos, judeus, gentis, negros, brancos, mestiços, indígenas e estrangeiros, para ser igreja, onde o Pastor, o Apóstolo, Mestre, Evangelista e Profeta é principalmente o Senhor Jesus, e nós, homens e mulheres cooperadores de sua Obra e membros da NOIVA dele que integramos todos.
    Deus chama, unge e capacita com o Espírito Santo que fora prometido já no Antigo Testamente para homens e mulheres. Qual é a dificuldade em entender isto? Não seria, por caso, uma forte marca da Queda ainda nos controlando, na qual menosprezamos a Obra da Criação de Deus e da Redenção de Cristo?
    Se os cristãos fossem apenas cidadãos da Terra, poderiam votar somente em homem, ou só em mulher. Como além de cidadãos da Terra também somos cidadãos dos Céus, do Reino ETERNO que vem de antes da criação de homem e da mulher, somos os principais em NÃO DISCRIMINAR e nos direitos civis humanos, deveríamos votar nos melhores candidatos, independente de sexo, e nos nossos direitos cidadãos celestiais deveríamos apenas RECONHECER a quem Deus chame, capacita e autoriza e envia para nos pastorear, mesmo sem ver antecipadamente o seu rosto, ou tendo a informação do sexo.
    Pelo efeito da própria QUEDA no Éden, há um ciúme extremamente doentio em muitíssimos pastores (e o ciúme contagia rapidamente, por isso os membros também são maioria que não aceita outra teologia diferente das dos seus pastores), levando-os, e levando ao povo de Deus perder tempo em discussões aparentemente bíblicas e bem intencionadas, não deixam de envergonhar ao Mundo por estarem saturadas de discriminações.
    Nessa doença, já crônica, e altamente endêmica no nosso meio se amarram com toda classe de correntes filosóficas mundanas e biblicamente doentias, aos seus púlpitos, e as suas "igrejas” os vigiam para que não escapem, fazendo das mulheres e dos apóstolos TRAIDORES de seus reinos e complicando até ao próprio Deus, com palavras ou pensamentos como este: ‘Senhor. Deixei tudo pelo Senhor, e agora vai chamar mulheres e apóstolos para a Seara? Por favor, Senhor, não mecha comigo!
    Respeito a opinião de cada um, mas em termos da Verdade de Deus que foi planificada antes mesmo de existir homem e mulher no Planeta, me perdoem, sou inflexível!
    www.cesbal.com
    titoberry@hotmail.com

    ResponderExcluir
  22. Primeira Parte:
    Li atentamente a matéria principal publicada aqui, e superficialmente os comentários e achei demais! Os comentários são ricos em exercício da mente humana, enquanto a matéria sobre a MULHER PASTORA me cabe, pela honra do Senhor Jesus, afirmar que é PERFEITAMENTE ILUMINADA E CORRETAMENTE INTERPRETADA.
    Apenas acresceria, não modificando a seguinte expressão do irmão Hermes: "O problema é que os homens não querem abrir mão da proeminência", senão apenas consolidando ainda mais a realidade de um machismo inconsistente desde a expulsão de Deus do casal em pecado no Éden, dizendo que creio como uma das maiores impossibilidades dos seres humanos em entender adequadamente a MULHER entre os HOMENS, é a falta do conhecimento que as diferenças humanas são para a vida humana, e a IGUALDADE é para o cumprimento da Missão dada a ambos no Éden: VIDA. Comemos da árvore proibida, a do CONHECIMENTO DO BEM E DO MAL, e a partir dai, julgamos tudo entre "certo vs errado", enquanto que se tivéssemos comido somente da ÁRVORE DA VIDA, não haveria em nossa psique humana (homem-mulher) conflitos de nenhuma classe, porque só fluiria por nós a VIDA DIVINA onde o casal Adão-Eva é a figura de CRISTO-IGREJA, um casal eterno, onde não há qualquer diferença.
    É inegável que ao longo da história humana, o homem assumiu a preeminência em quase tudo. Este é problema da Queda, assim como a mulher se converteu historicamente no símbolo da tentação para o homem, mas Antropologia não pode julgar a Bíblia, nem a experiência humana tem qualquer autoridade sobre o ensino das verdades bíblicas.
    1) Se a pessoa interpreta a Bíblia desde a ótica da Teologia particular que crê, vai favorecer ao homem ou à mulher, ou aos gays.
    2) Se a interpreta desde a História (a Antropologia e as Ciências Sociais), homem tem que dominar mesmo, se possível, escravizar, e não somente às mulheres, senão também a outros homens, aos mais fracos.
    3) Mas se vamos interpretar a Bíblia desde uma COSMOVISÃO correta, a VISÃO DO PLANO ETERNO DE DEUS que fora elaborado antes da criação de homem e mulher, a interpretação do irmão Hermes diz tudo. Não precisaríamos agregar mais nada!
    www.cesbal.com
    titoberry@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joana4:23 AM

      Ainda há salvação!!! Finalmente uma colocação que tem bom senso e equilíbrio!!!!! Que alívio! Já estava pensando que o Pastor Hermes era a única exceção. Agradeço a Deus pelas suas palavras.

      Excluir
  23. A questão anterior e necessária ao deslinde dessa e outras questões (poligamia, véu na cabeça, dízimo, etc) é saber se a base normativa da biblia é supracultural (em tudo, em parte ou em nada)
    Respondendo a essa pergunta anterior e necessária, questões como essa (ordenação feminina) serão respondidas.

    ResponderExcluir
  24. Discutir a questão do alcance das normas inseridas na biblia quanto a sua supra-culturalidade (total ou parcial) é anterior e necessária para essa resposta.

    Exemplo:
    1) O véu na cabeça (I Co 11) é normativo para hoje? Não está escrito?
    2)O dízimo (Lev.11) é normativo para hoje? Não está escrito?

    O contexto histórico(sentido teleológico) é relevante ou não para tal definição?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas se a mulher quiser usar,a vontade, a Bíblia não e contra.quanto ao dizimo o Senhor Jesus nunca se posicionou contra. Ler Mateus 23 vs 23... deve fazer essas coisas sem omitir aquelas

      Excluir
  25. Um dos argumentos mais usados contra a ordenação feminina é o fato de Jesus não ter escolhido nenhuma mulher entre os Seus 12 apóstolos. Ora, ora... se partirmos daí, então, deveríamos ser contra a ordenação de qualquer gentio, haja vista que só havia judeus entre eles. E será que havia algum apóstolo negro? Logo, não deveria haver pastores negros hoje? Também não havia escravos entre eles, logo um escravo não poderia ser ordenado? Retomo aqui o argumento de que em Cristo se desfez todas as distinções, sejam étnicas, sociais ou sexistas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pr. Vandir Allas1:37 AM

      Amado Irmão HERMES, O seu raciocínio é totalmente equivocado. Não havia negros, nem escravos junto a Jesus. Logo, não havia como escolher algum deles como discípulo. Mas havia mulheres que O acompanhavam. E por que Jesus não escolheu alguma delas para ser discípula e depois apóstola? Seria Jesus um discriminador sexual?

      Excluir
    2. Fantástica sua resposta, caro Bispo! Deveríamos ter somente pastores judeus messiânicos então? Pastoreado eh um dom... Um lindo dom, assim como o profético... E o chamado do Senhor eh irresistível!

      Excluir
    3. Anônimo8:59 PM

      Caro Hermes começastes uma guerra sem armas e agora queres achar erros no agir do Mestre!. Lembre que Ele é cabeça da igreja e o HOMEM é cabeça da mulher. Vc estaria disposto a ir de encrontro com a vontade de DEUS?

      Excluir
    4. Joana4:36 AM

      Pastor Vandir Allas, creio q o sr está mto, mto equivocado. Primeiro q a respeito dos negros, devia haver e mtos, talvez alguns discípulos fossem negros, uma vez q no Oriente Médio as pessoas não são nem nunca foram brancas caucasianas. Pensar em um Jesus igual aos judeus de hoje, é falta de conhecimento histórico e preconceito.
      Segundo, em uma sociedade q tinha por hábtito ter escravos, é mta ingenuidade achar q Jesus não era seguido tb por escravos. A História mostra q no princípio, a Igreja cristã era conhecida como uma religião de escravos e mulheres. Ee isso não sou quem digo, é a História. É só pesquisar.
      Assim,nós não sabemos por que critérios Jesus escolheu A ou B, mas de uma coisa eu sei, não foi com base sexista q ele ñ chamou para estar entre os 12, mas as mulheres serviam e seguiam o Mestre., como discípulas. Um dos papéis do discípulo era sustentar seu Mestre e ao mencionar isso, Lucas deixa clara a posição daquelas mulheres. E o mais interessante, em uma sociedade onde a mulher não tinha valor algum, Lucas, Mateus, João fazem questão de citar seus nomes. Eles o fazem pq elas eram liderança ainda na Igreja Primitiva. E se é pra refutar o ministério de pastora, pq Jesus não instituiu pastora, devemos refutar tb o de pastor, pq JESUS mandou q fossem feitos DISCÍPULOS. Jesus não levantou nenhum pastor.

      Excluir
  26. O fato é que a Bíblia se lida de forma literal deixa claro que mulheres não eram ordenadas ao pastorado, diaconato etc. Agora lê-la usando a lógica,sociologia,psicologia etc. Ai sim, a mulher pode ser pastora e até deus. Não inventemos meus irmãos a bíblia é clara e simples, não precisa de adaptações a nossa cultura. Se alguém me provar utilizando a BÍBLIA e a história que houve mulheres pastoras eu aceito agora a ideia, mas o que passar disso seja considerado anátema. Graça e Paz!

    ResponderExcluir
  27. Caro Pr. Vandir,

    Embora não houvesse negros próximos de Jesus (pelo menos é o que você diz), havia gentios, e Ele não os convidou nem pra que fossem seus discípulos, quanto mais apóstolos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ...eles eram gentios, mas as mulheres eram judias,nesse momento estava valendo... veio para oque eram seus, mas os seus não o receberam.

      Excluir
  28. Gleydson,

    Você não acha que exagera um pouco ao declarar anátema (maldito) quem pensa diferente de você nesta questão? Se fosse uma questão que comprometesse a mensagem do Evangelho, talvez o anátema fosse justificável. Mas por uma questão secundária como esta, não vejo razão pra tanto.

    Anátema é quem adultera o conteúdo do Evangelho para benefício próprio.

    Já que você não faz distinção entre o que é realmente importante e o que é cultural, então, defendamos o uso contemporâneo do véu.

    ResponderExcluir
  29. Anônimo10:41 AM

    Porque quem não é contra nós, é por nós.
    Marcos 9:40

    Concerteza, Primeiro o crescimento do reino de Deus! Os preconceitos humanos, e as coisas da carne são coisas humanas, Jesus nunca agiu com preconceito mesmo em sua humanidade. Se elas favorecem o crescimento do reino o que as impede de servirem a Deus? Se é para Deus não é para o homem.
    Obridado, Deus abençoe.

    ResponderExcluir
  30. Anônimo10:44 AM

    Quem somos nós para limitar o modo que Deus quer agir?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deus jamais contradiz a sua Palavra (Bíblia)reflita

      Excluir
    2. "O menor de todos",

      Se até hoje não houve nenhuma base Bíblica definitiva que pudesse responder o assunto de forma conclusiva, ou seja, se há proibição ou a ordenança, então devemos estudar ainda mais a Palavra de Deus e buscarmos saber qual é verdadeiramente à Sua Vontade e o Seu agir para que não coloquemos impecílios ou aprovemos algo que Deus quer, ou não quer.

      Excluir
  31. Anônimo1:52 PM

    se um homem pastorea ovelhas, independente do que ele é "consagrado pelos homens" ele é indiscutivelmente PASTOR.
    se uma mulher "CUIDA DE OVELHAS" independente do que reonhece o homem, ele é ?
    é ridiculo essa marfia que tem medo das mulheres serem lideres, pois sabem que elas cuidam muito melhor de uma ovelha, pelo carinho que trata, e imaginam assim que perderam seus lugares LUCRATIVOS.
    MULHERES NO AT (MUITO MAIS MACHISTA DO QUE O NT) FORAM JUIZAS, RAINHAS OU SEJA GRANDES LIDERES, MAS NO "TH" "TESTAMENTO DE HOMENS", ELA NÃO PODE, SER CHAMADA D PASTORA "ESTANDO JUNTO DE SEU ESPOSO, OU SÓ "PASTOREANDO"

    MARFIOSOS DOS ULTIMOS TEMPOS, LOBOS DEVORADORES, SÃO ESSA RAÇA DE "HOMENS" QUE POR MEDO DE UMA MULHER, PREFERE FERÍ A REALIDADE, DE QUE SE ALGUEM ´PASTOREA É PASTORA' PARA PROTEGER SEUS BENEFICIOS (RAÇA DE LOBOS!)

    ResponderExcluir
  32. vç disse bem, febe era diaconisa não líder de igreja, ser pastora não tem fundamento bíblico,Jesus escolheu 12 discípulos,depois mais 70,homem,JESUS falou as sete igrejas da asia,Ele disse ao anjo da igreja.seria JESUS machista? esse negocio de pastora é porque virou moda, mulher de pastor, é pastora.. a palavra bispa nem se quer tem na bíblia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ...pois é se posicionar contra a ordenação pastoral feminina logo somos taxados como machista, e sempre assim, o nome disso e "falta de argumento"

      Excluir
    2. Anônimo11:02 AM

      Mas são machistas mesmo, porque não admitem, isso é hipocrisia, dizem mulher não pode fazer isso e aquilo, mulher não pode liderar, mulher não pode decidir, mulher tem que obedecer, mulher tem que ficar com os piores trabalhos em casa e na Igreja. Quem lava os banheiros de sua Igreja? Todavia, não sou machista, acho que mulher e homem tem a mesma dignidade, me poupe, meu filho, nem minha sobrinha de três anos engole isso. Mudem o discurso, pois isso é hipocrisia.

      Excluir
    3. Anônimo11:13 AM

      Todo homem que se coloca contrário a ordenação feminina, no fundo tem um sentimento de aversão a figura da mulher. Se pudéssemos conversar com as mulheres que os rodeiam, com certeza se elas tivessem liberdade e coragem para testemunhar, contariam histórias de humilhações por parte deles, autoritarismo, agressão verbal e até agressão física, isso me preocupa, pois essa visão misógina faz com que esses lobos em pele de cordeiro, com essa ideia de supremacia masculina maltratem as mulheres com as quais convivem, e estas a mercê desses homens de mentalidade tolhida, muitas vezes "morrem" a cada minuto com essa violência velada que discrimina um ser humano simplesmente pelo fato dele ter nascido mulher. Oro pela conversão de todos vocês e que deixem de maltratar e subestimar as mulheres que os rodeiam.

      Excluir
  33. Muito boa a defesa do pastorado feminino feito neste post, mas não conseque assim como outros redigidos por outras pessoas, provrar que ele ( o pastorado feminino ) seja biblico, este ponto só pode ser deduzido a partir de interpretações de alguns versiculos ou situações, pois ele não suporta uma análise mais profunda de toda a biblia.
    Não sou teólgo e não ocupo nenhum cargo em igreja, apenas estudo um pouco a palavra e pesquiso, e o resultado destes estudos e pesquisas publico em um site que mantenho, e este assunto foi um dos que abordei, caso queiram mais alguns argumento sobre o tema favor acessar o link:

    http://www.edigarcaires.com.br/ministerio_jezabel.php

    Fiquem na paz e que DEUS abençoe a todos nós

    Edigar Caires

    ResponderExcluir
  34. Irmão Hermes, não corcordo com o seu ponto de vista defendido neste post como disse em comentário anterior, apesar de ter conhecimento de seu trabalho, aprendo muito com ele e o repeito como homem de DEUS.

    Mas desta vez eu quero lhe parabenizar pela sua atitude democrática e respeitosa com seus leitores em publicar todos os cometários que defendem pontos de vista diferentes do seu, inclusive respondendo de forma lúcida e ponderada a alguns deles.

    Que DEUS o abençoe e lhe capacite cada vez mais pra difundir ate mesmo em forma de debate como foi neste caso o evangelho da salvação.

    Fiquem na paz

    Edigar acires

    ResponderExcluir
  35. Deus pode levantar uma mulher como pastora SIM !!!
    Deus é soberano, ele usa quem ele quer do jeito que desejar. Porém essa não é a regra é a exceção, são raras as mulheres com esse chamado, o resto é modismo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Bíblia e nosso manual de regras e praticas, entendeu

      Excluir
  36. Discordo dos argumentos colocados no blog, a única coisa que justificaria uma mulher ser pastora seria pela SOBERANIA DE DEUS (Deus faz o que quer). Milhares de mulheres sendo chamadas para o ministério pastoral quebra um princípio bíblico, esses casos devem ser exceção sempre.Parabéns para aquelas que realmente estão no ministério pela vontade soberana de Deus e não pelo modismo da sociedade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A vontade soberana de Deus esta na Bíblia, entendeu?

      Excluir
  37. Anônimo7:57 PM

    Concordo com o Eduardo Medeiros! Os argumentos do senhor Hermes C. Fernandes foram lançados sem nenhuma contextualização bíblica! Vejamos em 1 Timóteo 3:1-16 a qualificação dada por Deus através de Paulo que foi um homem cheio do Espírito Santo, para um homem ser um "pastor"(exercer qualquer liderança na igreja).
    1 Timóteo 3:1-16
    Esta é uma palavra fiel: se alguém deseja o episcopado, excelente obra deseja.
    Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar;
    Não dado ao vinho, não espancador, não cobiçoso de torpe ganância, mas moderado, não contencioso, não avarento;
    Que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com toda a modéstia
    (Porque, se alguém não sabe governar a sua própria casa, terá cuidado da igreja de Deus?);
    Não neófito, para que, ensoberbecendo-se, não caia na condenação do diabo.
    Convém também que tenha bom testemunho dos que estão de fora, para que não caia em afronta, e no laço do diabo.
    Da mesma sorte os diáconos sejam honestos, não de língua dobre, não dados a muito vinho, não cobiçosos de torpe ganância;
    Guardando o mistério da fé numa consciência pura.
    E também estes sejam primeiro provados, depois sirvam, se forem irrepreensíveis.
    Da mesma sorte as esposas sejam honestas, não maldizentes, sóbrias e fiéis em tudo.
    Os diáconos sejam maridos de uma só mulher, e governem bem a seus filhos e suas próprias casas.
    Porque os que servirem bem como diáconos, adquirirão para si uma boa posição e muita confiança na fé que há em Cristo Jesus.
    Escrevo-te estas coisas, esperando ir ver-te bem depressa;
    Mas, se tardar, para que saibas como convém andar na casa de Deus, que é a igreja do Deus vivo, a coluna e firmeza da verdade.
    POSSO AFIRMAR COM BASE BÍBLICA QUE PAULO CITOU AS CARACTÉTISTICAS DE UM HOMEM QUE ASPIRA O EPISCOPADO.
    A "Igreja" que segue os preceitos de Cristo, deve obedecer a vontade e a verdade de Deus dada através dos discípulos e apóstolos que foram homems cheios do Espírito Santo! Quem pensa diferente da palavra de Deus, deve se examinar e se arrepender, pois, segue um caminho errado! Rodney Corrêa. rodney@rrconect.com.br

    ResponderExcluir
  38. O que houve com o meu comentário, porque o irmão o tirou, à tarde eu vi que tinha publicado e agora ele não está mais aqui.
    Penso que o seu blog é democrático, sendo assim opiniões contrárias devem ser aceitas.
    Postarei novamente, crendo que o irmão não irá me decepcionar.

    Paz Seja Contigo!

    ResponderExcluir
  39. "NADA PODEMOS CONTRA A VERDADE, SENÃO EM FAVOR DA PRÓPRIOA VERDADE".

    O Apóstolo Paulo, discipulador dos gentios, no versículo 11 do capítulo 2 da primeira carta a Timóteo, exorta as mulheres incultas por tradição e de pouco conhecimento das Boas Novas, a não fazerem perguntas na igreja durante o culto, mas que aprendessem em silêncio com toda submissão, e deixassem que suas dúvidas fossem tiradas pelo marido em sua própria casa, sendo ele mesmo (o marido) o sacerdote do lar.
    A proibição do Apóstolo de não permitir que a mulher ensine e nem exerça autoridade de homem na igreja (governo pastoral) é categórica, pois segundo o Espírito Santo através de Paulo, a mulher não tem autoridade espiritual para tal cargo ministerial, conforme fundamentações a seguir:


    1ª FUNDAMENTAÇÃO: ( I Timóteo 2. 11 )
    A mulher aprenda em silêncio, com toda a submissão.

    2ª FUNDAMENTAÇÃO: ( I Timóteo 2. 13 )
    E não permito que a mulher ensine, nem exerça autoridade de homem; esteja, porém, em silêncio.

    3ª FUNDAMENTAÇÃO: ( I Timóteo 2. 13 )
    Porque primeiro foi formado Adão e depois Eva.

    4ª FUNDAMENTAÇÃO: ( I Timóteo 2. 14 )
    E Adão não foi iludido (seduzido), mas a mulher, sendo enganada caiu em transgressão.

    5ª FUNDAMENTAÇÃO: ( I Timóteo 2. 15 )
    Todavia, será preservada (salva) através de sua missão de mãe, se ela permanecer em fé, e amor, e santificação, com bom senso.


    MODISMO: Nos últimos dias percebe-se um crescente modismo no meio cristão, que se constitui numa espécie de "carona ministerial" de esposas de novos ministros do evangelho, as quais são ordenadas de forma automática, quando na consagração de seus maridos ao Ministério Pastoral .
    Isto só demonstra falta de conhecimento ou descaso bíblico daqueles que promovem esse tipo de "consagração conjunta."


    FALTA DE ENTENDIMENTO: Gostaria de enfatizar que toda mulher tem seu valor, e é essencial no Corpo de Cristo; haja visto, a importância de suas orações intercessórias a partir de sua própria família e estendendo-se aos demais membros da comunidade cristã.
    Todavia, é falta de entendimento das Escrituras o querer auto denominar-se "pastoras", pois quem as consagrou não tem autoridade espiritual para tal ato, já que não se pode validar aquilo que a PALAVRA (N.T.) desaprova.


    SÍNDROME DE EVA : Existe uma tendência das mulheres (feministas e insubmissas) de não aceitarem que seus maridos atuem como cabeça do casal; promovendo desta forma uma verdadeira inversão de valores na autoridade familiar, que resulta em má criação dos filhos e consequentemente deformação cristã no caráter dos mesmos.




    CONCLUSÃO:

    Nos dias atuais parece está "fora de moda" fazer tal comentário; posto que, a mulher tem acesso a todo ensino e cultura, podendo exercer neste mundo qualquer função masculina, inclusive presidir nações.
    Entretanto, na Igreja de Cristo, trata-se de Governo Espiritual e não humano.
    O IDE de Jesus é para todos, porém o assunto em questão é Ensino e Governo na Igreja e não evangelismo pessoal.
    Portanto, a continuação deste modernismo religioso: mulheres exercendo Governo na Igreja, é no mínimo prevaricar e desobedecer ao Espírito Santo e o que a Palavra nos ensina no Evangelho de Cristo.

    EXORTAÇÃO:
    Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas:
    Ao vencedor dar-lhe-ei que se alimenta da árvore da vida que se encontra no paraíso de Deus.
    Apocalipse 2. 7

    Paz Seja Contigo!
    J.C.de Araújo Jorge

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom, mas trocaria ou incluiria Jezabel, nessa historia.

      Excluir
    2. Anônimo12:15 PM

      Se a mulher não pode ser pastora por causa do pecado de Eva, então o batismo em nome de Jesus Cristo somente consegue salvar os homens? De que vale o batismo então? Se ele não consegue apagar nem os pecados que a mulher supostamente carregaria de uma ancestral, este batismo conseguiria apagar os pecados da própria pessoa? Faz sentido cobrar de uma mulher batizada que ele pague por um pecado que não cometeu? Se a própria bíblia diz que Deus não cobra o pecado dos pais aos filhos, por que insistir com esta teoria Anti-cristã de cobrar de uma mulher um pecado cometido por uma tatatatatatatatatatatatatatatatatatatatatatatatatatatataravó??? Pra que então batizar? Então a salvação de Cristo é só para os homens? Se após o batismo Deus não se lembra mais de nenhum pecado cometido pela pessoa, por que os cristãos insistem em continuar lembrando por séculos o pecado de Eva e ainda por cima querendo fazer com que nós paguemos por ele? Isto não é machismo? Ou vai me dizer que isto é amor?
      Liliane

      Excluir
  40. Meu irmão J.C.

    Não fui eu que removi seu comentário. Não sei o que se passou. Talvez você tenha feito o comentário no outro post sobre o mesmo tema. Dá uma conferida lá.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  41. Como lhe disse, seu comentário está em outro post. Confira: http://www.hermesfernandes.com/2012/03/ordenacao-feminina-respondendo-as.html

    ResponderExcluir
  42. Anônimo8:46 PM

    Vejo aqui 7 motivos para alguns que se intitulam pastores se converterem, AINDA QUE SEJAM TEOLOGOS, o dom é dado por Deus e não por homens nem por faculdades pastor é espiritual, não existe sabedoria secular maior que o dom espiritual hermenêutica e exegética, é muito importante, mas isso não significa interpretação subjetiva só porque sou pastor, o melhor é obedecer a Palavra de Deus e orar antes para entender, O Senhor tenha misecórdia dessas vidas enganadoras, a palavra diz: Até mesmo os escolhidos serão enganados.

    ResponderExcluir
  43. - Alô, é a irmã Luiza Ângela?
    - Sim. Quem fala?
    - É o reitor Aloísio Nicomedes?
    - Ah! Reitor. O que o leva a este telefonema?
    - Olha, é que a senhora fez uma inscrição para nosso Curso Superior de Teologia...
    - Ah! É verdade...
    - Bem, eu estou lhe contactando para fornecer algumas informações importantes. Ok?
    - Pode falar, estou ouvindo...
    - Então..., nosso curso tem nível superior. Dentro da denominação é o que melhor a senhora poderia fazer. Tem a duração de quatro anos. Não é nada, se a senhora vir o semblante dos formandos deste ano... Nossa grade curricular é bem recheada e visa proporcionar aos nossos alunos a melhor preparação possível para exercer a teologia dentro da igreja do Senhor... A maioria de nossos alunos são mulheres, de maneira que a senhora irá se sentir muito bem entre elas...
    - Ah! Que ótimo, quanto ao tempo, não tem problema, não é o que é necessário?
    - Para a carga horária, sim. Sabe, queremos dar peso ao nosso curso. Ele fica bem denso e se aprofunda bastante na Bíblia... bom a senhora poderá conferir pessoalmente nas aulas.
    - Eu estou eufórica para que iniciem...
    - Só tem um probleminha... precisamos saber qual seu intuito ao fazer o curso?
    - Como assim?
    - Qual a sua intenção ao fazer o curso? Ou seja, para que fins ele será usado na Igreja?
    - Ah! O que eu queria mesmo era dar um reforço no culto doméstico, sabe? Lavar panos e pratos com mais qualidade, enquanto recito os clássicos. Ensinar aos meus filhos um pouco de exegese. Compartilhar textos em grego e hebraico com minhas amigas no chá da tarde. Entrando no seminário, fazendo um Curso Teológico de nível superior, tudo terá muito mais densidade, acredito...
    - Ah! Muito bom. Eu pensava que a senhora havia aderido às novas tendências...
    - Quais, reitor, estou por fora?
    - As que reivindicam cargos como pastoras para as mulheres...
    - Qual nada, reitor, eu estava até preocupada com a grade que me foi fornecida na matrícula. Havia várias cadeiras sobre administração eclesiástica, liderança, exposição bíblica. Agora que o senhor me telefonou, ufa! Foi por pouco... Tirou um peso enorme das minhas costas.
    - Amém, minha santa. Não fique preocupada, aquelas aulas são para os homens. Sabe como é... Até as aulas...
    - Fique na paz, reitor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo11:32 AM

      Sensacional Deladier!

      Excluir
    2. Anônimo6:26 PM

      Argumentos bíblicos que é bom não ví nenhum por parte do deladier.

      Excluir
  44. um absurdo esse texto!!!!!!

    ResponderExcluir
  45. SABE O MAIS INTERESSANTE,É QUEM COMENTOU CONTRA MULHER PASTORA SOMENTE HOMENS?NOSSA!COMO TEM MEDO DA LIDERANÇA FEMENINA!!O QUE DE MAL VAI ACONTECER COM A RAÇA HOMEM A MULHER PREGAR?E VÃO SIM!E NÃO ADIANTA VIREM AQUI NESSE BLA BLA BLA, QUE EXISTEM ARGUMENTOS BIBLICOS QUE SABEM MUITO BEM,EVA A PRIMEIRA MULHER QUE DEUS CRIOU,ELA SOUBE MUITO BEM FAZER ADÃO OBEDECER E COMER A MAÇA,POR ISSO HOJE VOCÊS HOMENS SE CURVAM Á NÓS...PODERIA ATÉ SER O HOMEM COMO O PRIMEIRO QUE DEUS CRIOU,SER O LIDER,MAS QUANDO ELE OUVIU A EVA,ELE PERDEU DE SER O CABEÇA,TALVEZ FOI ESSE O CASTIGO AO HOMEM,SE DEVE SER CHAMADO DE CASTIGO,PRA MIM NÃO...

    ResponderExcluir
  46. Anônimo12:11 AM

    Percebi que o maior argumento das pessoas que são contra o pastorado feminino é o fato de não encontrar nada na bíblia que indique que uma mulher pode ser pastora. Bem, eu acredito que a bíblia é a chave do conhecimento do que é certo e errado. A bíblia diz que nós erramos por não conhecermos as escrituras. Sendo assim, ela me indica tudo o que eu preciso saber para não errar. Se ela não diz nada sobre determinado assunto, é porque ele não é importante, nem nos fará errar. Por isso, se a bíblia não diz nada sobre o ministério pastoril de mulheres, não pode ser considerado um erro. Isso é questão de cultura e doutrina da igreja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito interessante, seu comentário.

      Excluir
    2. Cheguei aqui agora mas alguém com um pouco de bom senso...estou estarrecida com os comentários e todos se achando doutores da lei...o mais importante é o que disse Jesus sobre isso? Nada, nem para homens e nem para as mulheres, deixou o mais importante o amor ao próximo e o Ide a todos os povos e nações. Não fiquem se baseando em doutrinas de época e de homens, o que me importa é fazer a vontade do Mestre! Seja pastor, presbítero, missionário, o que seja...façam a vontade de Deus!

      Excluir
  47. Anônimo9:22 PM

    Infelismente não podemos afirmar de algo que não consta nas escrituras ou são de vago esclarecimento, mas vejo algo interesante que no VT. Deus nunca escolheu uma mulher como sumosacerdote que seria a função do pastor hoje, claro que vimos mulheres com funções importantes até como profeta mas não é base sólida. Paulo diz que o homem é que é cabeça e a mulher auxiliadora da família e paulo emfatisa a família na lista de requisitos para aquele que deseja o episcopado perfigurando o pastor como o cabeça da igreja. Espero que tenha compreendido a minha linha de pensamento que Deus te abençoe! Fábio alcântara.

    ResponderExcluir
  48. Anônimo8:31 AM

    Que heresia é essa de mulher pastora. Se Paulo diz: n~~ao permito que a mulher ensine nem use de autoridade sobre o marido. Porque elas resolveram se rebelar contra Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente! Como você disse "sobre o marido". Precisamos prestar atenção enquanto lemos o versículo.

      Excluir
  49. Anônimo12:00 PM

    que medo é esse de uma mulher esta na liderança? pecar significa errar o alvo se é errado uma mulher pastorear isso é ensinar o evangelho das boas novas entao ela não pode ensinar em lugar nenhum pois se uma coisa é errada ela é errada em qualquer lugar e ocasião equero perguntar quando uma pessoa precisa de ajuda ela procura uma igreja nãoé mesmo e me parece incoerente uma pessoa precisar ouvir sobre o que Jesus fez por nos e é pra nos uma mulher não poder falar pois se é errado é errado em qualquer lugar ese acham que paulo disse que as mulheres fiquem caladas nas igrejaas elas não podemnem louvar nem serem tias de escolinhas etc.se é erradouma coisa aqui é tambem em outro lugar

    ResponderExcluir
  50. Caros, e amados irmãos em Cristo Jesus, sou Pr. pela Igreja Mãos do Oleiro, faço questão de me identificar para falar deste tema tão polêmico. Quero fazer menção de um texto bíblico, Juízes 4:4-8. Quem era Débora? Profetiza e Juíza de toda a nação de Israel. Será que o chamado desta mulher é menor que o de um pastor? Creio, eu, que o chamado de Deus não segundo a nossa vontade ou visão, Ele deixou isto claro na escolha de Davi. Pr. Luiz de Lima

    ResponderExcluir
  51. Saldo a todos em Cristo Jesus, amados gostaria de deixar uma a respeito deste tema tão polêmico. Quando eu leio Juízes 4:4-8, entendo que o chamado é de Deus, e quando medito em I Samuel 16:7, percebo que Deus não escolhe segundo a ótica humana. Pois qual é a diferença entre o chamado de Débora e de Samuel ou de um pastor. Romanos 8:16, diz, que O Espirito de Deus testifica com o nosso espirito, e o próprio Jesus Cristo Disse: " Pelos seus frutos os conhecereis..." Mateus 7:16. Não seria melhor ver o que Deus está fazendo por meio das Pastoras. Pr. Luiz de Lima

    ResponderExcluir
  52. Anônimo8:56 PM

    Eis a resposta de Deus através do amado Pr Luiz de Lima

    ResponderExcluir
  53. Anônimo1:12 PM

    A Palavra nos adverte para que não devemos contender, e sim, falar toda a verdade.
    Como o autor do artigo "acha" muitas coisas, "entendi" muitas outras, ficarei apenas com o que está escrito, e o Senhor fará justiça. Assim eu creio. Fiquem na paz.
    Porque nada podemos contra a verdade, senão pela verdade.
    2 Coríntios 13:8
    Não permito, porém, que a mulher ensine, nem use de autoridade sobre o marido, mas que esteja em silêncio. 1 Timóteo 2:12;
    As vossas mulheres estejam caladas nas igrejas; porque não lhes é permitido falar; mas estejam sujeitas, como também ordena a lei. 1 Coríntios 14:34;
    Esta é uma palavra fiel: se alguém deseja o episcopado, excelente obra deseja.
    Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar 1 Timóteo 3:1-2;

    ResponderExcluir
  54. em primeiro lugar queria lembrar a todos amados irmãos,que paulo falou.se viesse qualquer pessoa anusiando outro evangelho seria maldito.entao por favor parem com essa doutrina de balaao.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo11:12 AM

      Thyago meu querido, deixa de ser tapado, abra a sua mente! Procure todo o contexto por trás dessa ordem dada especialmente à essa igreja e nessa época. além do mais se não há mandamentos a favor pra ordenação de pastora na bíblia tbm não há mandamentos contra. Como eu disse a ordem de paulo foi uma ordem restrita. estude meu caro!

      Excluir
  55. Deus concedeu dons a cada um para o bem da igreja, apostolo, evangelista, profeta. pastores mestre, porém o pastorado Deus deu ao homem. Nós não podemos pegar texto e dizer o que ele não diz, não sou contra as mulheres, mas não existem bases para o pastorado feminino, dizer que devemos adequar a cultura é torcer a palavra, e o ensino é para transformar e não conformar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Da mesma forma que também não tem aprovando ou proibindo, não podemos impôr impecílios ou aprovações, como o Pr. Luiz de Lima falou. E, a propósito, muito bom o seu comentário Pr. Luiz. Parabéns!

      Excluir
  56. COM TODO RESPEITO, NENHUM DOS 7 PONTOS TEM SUSTENTAÇÃO.
    1 – Em Cristo acabam as distinções étnicas, sociais e sexistas
    O texto não tem nada a ver com funções na igreja ou mesmo eclesiologia em geral. Paulo fala da universalidade da salvação, não mais para um povo, mas para todo ser humano.
    2 – A atividade pastoral é, antes de tudo, um dom.
    De novo texto fora de contexto. Atos 11 está se referindo por dom ao dom do recebimento do E.S., o que caracterizava a aceitação dos gentios na Nova Aliança, o mesmo argumento do texto anterior em Gálatas: salvação ao alcance de todo ser humano.
    Contudo, mesmo sendo um dom, o pastorado em questionamento é uma função de liderança na igreja local. A qual, Paulo SEMPRE atribuiu a homens.
    3 – O Dom de Profecia é dado tanto a homens quanto a mulheres.
    A interpretação de dom de profecia reduzida à pregação é fruto da interpretação ultra-cecionista que nega totalmente a contemporâneidade dos dons "mais" sobrenaturais. Profecia pode ser falar da parte de Deus. Novamente, a questão é a função de liderança congregacional.
    4 – O sacerdócio universal dos crentes
    5 – Foi a uma mulher que Jesus confiou o primeiro “ide” após Sua ressurreição
    Ambas nada tem a ver com ministério pastoral, sem maiores comentários pois não são argumentos em si mesmos.
    6 – Há evidências de que havia liderança feminina na igreja primitiva.
    E quem jamais disse o contrário? O articulista dá um pulo de que se havia qualquer mulher trabalhando em qualquer coisa na igreja primitiva, PORTANTO, poderia ser pastora sobre toda a congregação. Certo? CLARO QUE NÃO! Usa uma logica incompleta para ignorar o texto de Paulo a Timóteo.
    7 – Porque está comprovado a capacidade feminina em exercer qualquer papel antes atribuído somente aos homens.
    É, pelas feministas. E apenas pelo fato de que uma coisa DÁ CERTO, não significa que ESTEJA CERTO. Se é assim, vou entregar meu ministério e ir pra uma dessas mega-pseudo-igrejas. Aparentemente estão dando certo. (só que não).

    ResponderExcluir
  57. Quem foi Débora?
    Débora foi uma Juíza de Israel (os Juízes eram líderes do povo de Israel quando eles estavam na Terra prometida, cuja função era liderar, guiar e moderar o povo de Israel) A Bíblia muito pouco fala sobre a vida de Débora, pois o foco se concentra no que ela fez e no que ela representou, que ela era profetisa, mulher de Lapidote.

    Isso não é um ministério ordenado???

    Uma mulher líder de um povo, e pior não cita um ministério do marido, só o dela, então ela era profetiza, guiando o povo no espiritual e Juíza, guiando o povo também como uma liderança.

    Imagine, como seria uma coisa quase que impossível uma mulher ocupar um cargo tão insólito, sendo que mulheres naquela época não eram nem contadas?

    Eu fico pensando...sera que Deus não permitiu um ministério feminino espiritual e secular dessa forma tão fora do comum (ela inclusive foi pro campo de batalha) pois sabia que em uma época futura ele precisaria de mulheres liderando na sua obra e se não existisse um exemplo na Bíblia isso seria um empecilho para sua obras? como disse Jesus a muito trabalho e poucos obreiros, quem quer trabalhar que trabalhe!!!


    ResponderExcluir
  58. Quem foi Débora?
    Débora foi uma Juíza de Israel (os Juízes eram líderes do povo de Israel quando eles estavam na Terra prometida, cuja função era liderar, guiar e moderar o povo de Israel) A Bíblia muito pouco fala sobre a vida de Débora, pois o foco se concentra no que ela fez e no que ela representou, que ela era profetisa, mulher de Lapidote.(pelo que parece ele não tinha o mesmo dom, então era bem pior ela uma juíza e o marido não era juiz)
    “mulher profetisa” busca a Deus e intercede por meio da sua Fé, inteligência e capacidade de julgar.
    Eu me pergunto, porque Deus levantou uma mulher cujo o marido aparentemente não era uma pessoa notável e nem tinha o mesmo ministério, então espiritualmente estava sob a autoridade dela (mas tinha autoridade com marido pois ela levava seu nome) numa época que as mulheres eram consideradas menos que gente (nem sequer eram contadas no censo) um ministério espiritual e secular, ela até foi para o campo de batalha!
    Talvez porque Ele já sabia que no fim dos tempos iria faltar obreiros e a seara ia ser muito grande, e o ministério feminino ia ser necessário, se não tivesse algo na Bíblia, o ministério feminino ia ser julgado como esta sendo agora!

    "Pelas frutos conhecereis a arvore!"


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo2:25 AM

      Juizes não lideravam, apenas julgavam o povo de Israel!

      Excluir
    2. Juízes 5:7 Cessaram as aldeias em Israel, cessaram; até que eu, Débora, me levantei, por mãe em Israel me levantei. Ela mesmo reconheceu o seu lugar ao homem em Juízes 4: 9. querendo que o homem tenha a sua legítima honra em vez de ela recebendo isso.

      Excluir
    3. Em nenhum episódio bíblico vemos a mulher como pastora, como líder espiritual. Débora, uma profetiza que julgou a Israel no período dos Juízes, foi usada por Deus como juíza e profetisa e nunca como um líder. Deus a usava como profeta, para entregar ao povo a Sua Palavra, mas Débora não era “pastora”. Baraque era quem liderava e estava no comando. Tanto que Deus usou Débora que disse para Baraque: “Levanta-te, pois esse é o dia que o Senhor tem dado a Sísera nas tuas mãos; por ventura, o Senhor não saiu diante de ti? Baraque, pois, desceu do monte Tabor, e dez mil homens após ele”. (Juizes 4.14)

      Excluir
    4. Jjoana8:52 PM

      Peraí, Gideão era juiz, Sansão foi juiz, Samuel foi juiz e ninguém contesta a liderança deles. Débora é juíza e ela foi só profetisa, não era líder, ñ. Alguém me explica a diferença??
      A palavra usada para Febe é DIACONISA mas vcs alegam q foi erro de interpretação. Ninfa tinha um grupo em sua casa e ela dirigia tal grupo. Se fosse homem, seria pastor, como é mulher, é outro nome.
      Em Filipenses Evódia e Síntique são mencionadas e Paulo pede que Sizigo as auxilie, logo a liderança era delas. Se isso não é pastorear, então não sei o q é.

      Excluir
  59. Anônimo1:44 AM

    Sou mulher,nao sou pastora,nem diaconisa, nem missionaria,nem bispa, sou pregadora da palavra de DEUS, estou obedecendo o Ide do Senhor Jesus,o mesmo Paulo que escreveu que a mulher ficasse calada , tambem deixou os versiculos galatas 3,26,27,28. Todos vocês são filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus pois os que em Cristo foram batizados, de Cristo se revestiram.
    Não há judeu nem grego, escravo nem livre, homem nem mulher; pois todos são um em Cristo Jesus.
    E, se vocês são de Cristo, são descendência de Abraão e herdeiros segundo a promessa....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Primeiro, esclarecendo escreverei sem adequada acentuacao por problemas de configuracao do teclado, peco desculpas desde ja.
      Bem, a questao se trata sobre governo.
      Queridos, nao me importo nenhum pouco em ter reconhecimento entitulado. Pastora? Nao, obrigada, nao preciso da nomenclatura. O governo pertence ao homem sim, segundo a palavra de Deus. Entao todos voces que amam deixar isto claro, discutindo sobre pastorado e "quem manda", assumam o papel de voces com muita sabedoria, para que nao afundem quem anda com voces. Nao adianta dizer que ha cuecas sujas a serem lavadas no tanque ou louca suja na pia, pois quem governa teria que dar conta dessa e de outras atividades posto estar- teoricamente - aprovado em tudo. Quem governa deveria e deve (vamos falar em relacao a Reino de Deus, que o maior deve SERVIR -segundo o ensinamento de Jesus, falando inclusive em nao esquecer que pastorado se trata de servico e nao holofotes, dinheiro, facilidades e massagem no ego) desde lavar banheiros sujos ate subir em pulpitos e dali ensinar, orientar e governar e pregar com excelencia.
      Agora, quanto a cargo, quem foi que disse que e necessario o nome para que sejam realizadas as atividades por ele atribuidas? Nao precisamos do nome PASTORA para realizar funcoes que por seculos temos realizado: educar (inclusive homens), enxergar de longe o perigo, o erro, ter sensibilidade para ensinar, falar, cuidar, orar (tantas e tantas oracoes, o Senhor e nossa testemunha), orientar, exortar, enxugar lagrimas, ouvir e ver dores e sofrer junto, visitar enfermos, limpar homens e mulheres apodrecidos em vida ainda e doentes - para isso nao ha acepcao tambem- medicar, passar noites em claro, aconselhar...Enfim tantas atividades e funcoes que certamente nao se restringem nao so a cuecas sujas...E todas elas realizadas por maos cujo corpos sao templo do Espirito Santo. Ah, sim sempre com muito cuidado em ouvir EXATAMENTE o que Deus diz, fazendo calar nossa carne, nao acrescentando nada alem do que Deus nos pede para falar. Se por acaso nos calassemos, certamente as pedras clamariam...Anos ensinando criancas e jovens ( mesmo dizendo que as mulheres nao tem permissao para ensinar nao e verdade?) que tal se o homens assumissem tambem isso? A verdade e que os bastidores sao movimentados pelas mulheres ha muito tempo e fazemos com excelencia e por amor, enquanto voces homens se perdem em discussoes tolas por poder. Amamos a Deus e fazemos tudo isso por amor a Ele e as vidas, pouco me importo com titulos, seja tudo para a gloria DELE, sempre. Para todos nos servos, livres, homens, mulheres, amarelos, negros, vermelhos, brancos, ricos ou pobres CONVEM QUE ELE CRESCA E QUE EU DIMINUA. Sob esta otica, o que seria o nome de um cargo, nao e mesmo?
      Homens, nao sejam bananas, 'onde existe a temida Jezabel, existe um Acabe". OU seja, se voces forem homens de Deus, suas esposas saberao reconhecer isto se forem mulheres de Deus. Saibam exercer o governo com amor, sabedoria, cuidado (pois Deus certamente cobrara de voces o que lhes delegou), SEM VIOLENCIA, muita muita sabedoria porque argumentos e respaudo biblico voces possuem, mas o facam de joelhos para que vencam, pois e uma grande responsabilidade o governo. E muito temor, porque certamente Ele ve todas as coisas.
      Titulo e so um detalhe.
      Ah, sim, sou casada, mae de dois filhos e sou submissa a meu marido que governa bem a casa e muito sabiamente. Gloria a Deus por ele, pelo marido que tenho, nao e peso para mim ser submissa a ele, espero que se diga o mesmo sobre voces em suas posicoes, seja somente de governo ou governo/pastorado etc...

      Excluir
    2. Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos. Provérbios 1
      Lí a sua postagem, muito sensata e bastante equilibrada nas sua explanação.
      Vivemos no sistema que a bíblia chama de Laodicéia onde impera o egoísmo, Antropocentrismo e tudo aquilo que alimenta a natureza caída adâmica e perversa que está dentro do homem. Crer no Verdadeiro evangelho é uma tarefa difícil para o cristianismo do presente século, onde o príncipe deste século tem convencido muitos a seguir doutrinas de homens.
      Por isto minha irmã continue firme no servir sem pretensão, com o coração cheio de gratidão e reconhecimento para quando o SENHOR JESUS voltar lhe encontrar de pé diante dele e ouvir a sua doce voz dizente: Servo bom e fiel foste fiel no pouco e sobre o muito te colocarei.
      Saudação em Cristo João Batista

      Excluir
  60. É UM GRANDE EQUÍVOCO A ORDENAÇÃO DE MULHERES
    E falaram Miriã e Arão contra Moisés, por causa da mulher cusita, com quem casara; porquanto tinha casado com uma mulher cusita (Nm.12:1)
    Boca a boca falo com ele, claramente e não por enigmas; pois ele vê a semelhança do SENHOR; por que, pois, não tivestes temor de falar contra o meu servo, contra Moisés? (Nm.12:8) Em toda a Escrituras dentro da economia de Deus, Ele sempre se utilizou-se de uma hierarquia, quer seja no céu (os anjos) quer seja na terra (os governadores e reis) e na sua Igreja não foi diferente em 1Cor.12:28 diz: E a uns pôs Deus na igreja, primeiramente apóstolos, em segundo lugar profetas, em terceiro doutores, depois milagres...
    Usar o texto de Gálatas 3:28 para justificar o ministério Feminino é porque tem uma péssima interpretação das escrituras ou não entendeu nada do Supremo propósito de Deus.
    Quando o apóstolo Paulo fala que em Cristo, não há Judeu nem Grego, não há servo nem livre,não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.”(Gl.3:28) Ele está falando da igreja como corpo em Cristo, mas este corpo tem o cabeça que é CRISTO, e este cabeça é representado por aqueles que o próprio Jesus estabeleceu. Quando se fala em presbitério ENTENDA, estamos falando de GOVERNO" Mas quero que saibais que Cristo é a cabeça de todo o homem, e o homem a cabeça da mulher; e Deus a cabeça de Cristo. 1 Coríntios 11:13
    A Bíblia nunca ensinou que o presbítero seja mulher de um só homem, pelo contrário que o homem seja Marido de uma só mulher (1Tm.3:2)
    Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar;
    Então como o presbitério de uma igreja representa o cabeça que é CRISTO, isto quer dizer que um presbitério conforme a bíblia sagrada no Novo Testamento, JAMAIS PODERÁ TER MULHERES, isto seria uma afronta a pessoa Bendita de JESUS CRISTO.
    Não tenho nenhum preconceito contra a mulher, reconheço que na sua grande maioria são melhores do que os homens naquilo que elas desempenham, mas não devemos de formas alguma abrir mão do que diz as Escrituras Sagradas

    ResponderExcluir
  61. mc. lima10:56 AM

    Sou mulher, e acima de tudo, a palavra do Senhor, dane-se o resto. Tudo isso são modismos atuais. Não existe ordenação para mulheres pastorear igrejas. É claro que todos temos valores tanto homens como mulheres diante do Nosso Senhor. Agora querem mudar a verdade da palavra? vamos acordar, chega de tanta birrzarrice dentro das igrejas. E isso que estamos presenciando nos dias atuais só é a ponta do iceberg.
    SOLI DEO GLORIA

    ResponderExcluir
  62. GLORIA DEUS IRMÃO! eu precisava ler isso, pois eu tenho o dom da palavra, e comecei a ficar muito triste ao ver em algumas igrejas a forma que as mulheres são "deixadas de lado", fiquei meio em duvida, pois como poderia servir um Deus que faz acepção? principalmente entre homem e mulher.. GLOOOOOORIA DEUS!

    ResponderExcluir
  63. Mas esta palavra não se refere a ministério e sim a salvação!!Mas, antes que a fé viesse, estávamos guardados debaixo da lei, e encerrados para aquela fé que se havia de manifestar.
    De maneira que a lei nos serviu de aio, para nos conduzir a Cristo, para que pela fé fôssemos justificados.
    Mas, depois que veio a fé, já não estamos debaixo de aio.
    Porque todos sois filhos de Deus pela fé em Cristo Jesus.
    Porque todos quantos fostes batizados em Cristo já vos revestistes de Cristo.
    Nisto não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.
    E, se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão, e herdeiros conforme a promessa.

    Gálatas 3:23-29

    ResponderExcluir
  64. O post está ótimo. Concordo com tudo mesmo, e apoio o ministério pastoral feminino sim.
    Nasci na Assembléia de Deus, e vi, aprendi, e cometi, muitas besteiras por causa de homens imaturos na palavra, no Espírito, e na sociedade.
    A bíblia não é clara quanto à mulher ser pastora, mas também não é de forma alguma, contra.

    Mas uma coisa digo aqueles que tanto pularam em suas cadeirinhas:
    Devemos tirar as pastoras que estão cuidando de milhares vidas hoje por causa de suas convicções desatualizadas?
    Devemos ir a China, onde há até meninas de 17 anos pastoreando igrejas ocultas, e até perdendo a vida, e dizer para elas para não se meterem nisso, porque vocês vão dar um jeito?
    Devemos dizer as pessoas, membras de uma igreja pastoreada por mulheres, que estão em desobediência, e deveriam ir apenas para igrejas onde há homens pastoreando, sem saber se estes homens estão desempenhando um ministério aprovado?
    No mundo cheio de desgraças, e pessoas ainda sem conhecer a salvação por Jesus, devemos estar aumentando nossos esforços para lutar contra o pastoreado feminino?
    Um homem pastor no mundo de hoje, pode entrar realmente em absolutamente qualquer lugar onde apenas mulher é ouvida? E este homem tem disposição para isso?
    Você homem que é contra, se acha mais capaz do que uma mulher? porque?

    Realmente como foi dito por uma pessoa com tom de ignorância aqui, nem precisava de 7 motivos para isso. E por outro lado, para algumas pessoas, nem adiantaria 70.
    O post está bem feito, claro, e só alimenta as mulheres a se esmerarem mais. (Digo as que já são pastoras, antes que algum afobadinho aqui diga que estou incitando qualquer uma).
    Acho que uma pessoa só pode ser contra, se estiver suprindo todas as carências de, no mínimo, sua região.
    Vamos orar mais, aprender mais, agir mais, e julgar segundo nosso nariz menos.


    Graça e paz.

    ResponderExcluir
  65. Anônimo10:22 PM

    Raquel foi pastora de ovelhas de seu pai! ( ovelhas animal), assim como Davi era, antes de ser escolhido a rei de Israel! Ordenança para pastorear uma Igreja, ser líder de uma Igreja é outra situação! é outra historia! ôh cacá e cleber, vc tem que amar a Deus sobre todas e a teu próximo como a ti mesmo! e estudar a Bíblia! se tiver dúvida pesquise!

    ResponderExcluir
  66. Anônimo10:34 PM

    Uns e outros ai devia ter mais cuidado ao fazer comentários! A palavra não é onde está escriro, e sim escrito! vc é outro que infelizmente também não lê a Bíblia, e se lê não entende!

    ResponderExcluir
  67. Anônimo2:06 AM

    O dom de profecia é dado por Deus, tanto para os homens como para as mulheres! no livro de Joel 2:28-29 O Senhor diz; E há de ser que depois, derramarei do meu espírito sobre toda a carne, e vossos filhos e vossas filhas profetizarão,... E também sobre os servos e sobre as servas naqueles dias derramarei do meu Espírito. A bíblia diz que tanto os homens como as mulheres porfetizarão, Não diz que as mulheres serão líder de nação ou congregação! Moisés foi escolhido para liderar o povo de Israel, depois Josué, depois Judá, depois o Senhor levantou aos filhos de Israel um libertador, Otoniel, e julgou a Israel e pelejou por Israel, depois; Deus levantou a Eude, que pelejou por Israel, depois; Sangar pelejou por Israel, depois Deus pois a Deborá como profetiza e juiza, julgou a Israel naquele tempo. Porém Deus chamou a baraque para liderar o exército de Israel e capiturar a Sísera, capitão do exército de Jabim, e depois Deus enviou um Anjo e ordenou a Gideão para livrar Irael das mãos dos midianitas, depois de abimeleque, se levantou para livrar a Israel, tola e julgou a Israel, depois se levantou Jair, depois Jeftá lidera o exército de Israel para combater contra os filhos de Amom, que pelejava contra Israel, Jeftá peleja contra os efrainitas, depois Ibzá, Elom, Abdom, e de uma mulher estéril, Deus fez conceber um filho e seu nome era Sansão, para defender Israel dos Filisteus, depois Samuel julgou a Israel, e Deus ordenou a Samuel que atendesse o pedido do povo de Israel, que queriam um rei, para governar e defender os israelitas dos filisteus, e Samuel escolheu a Saul, depois; Davi e Salomão, depois; Usias, depois; Jotão, depois; Acaz, depois; Ezequias, depois; Josias, depois; Jeolaquim, depois Zedequias, enfim foram escolhidos homens para liderar israel, homens e mulheres para profetizar, na época de Jesus, foram escolhidos, doze, apóstolos, e no livro de Efésios 4:11-13 o apóstolo Paulo diz; E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores. Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo; Até que todos cheguemos a unidade da fé, e ao conhecimento do filho de Deus, a varão perfeito, à medida da estatura completa de Cristo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joana9:26 PM

      Engraçado, acho q faltou um pouquinho de conhecimento histórico. Na Antiguidade a mulher tinha pouca relevância na sociedade. Isso não era culpa de Deus, mas dos homens q se sentiam no direito de se "adonar" do que diz respeito a liderança e religiosidade. Apesar disso, vemos q Deus usa Débora como líder, tanto é assim q Baraque disse q só iria à guerra se Débora fosse junto. Isso é um sinal de que ele reconhecia quem era a líder. Se um presidente dá uma ordem de guerra e seu general executa, quem é o líder, o presidente ou o general q cumpriu a ordem??
      E cada vez percebo mais o quanto apegados a conceitos a igreja está. Jesus nem instituiu pastor; ele só queria q as boas novas fossem pregadas.

      Excluir
  68. Anônimo12:32 AM

    ENGRAÇADO AS ASSEMBLEIAS NAO EXISTEM PASTORAS, ISSO E ERESIA, MAIS EXISTEM MISSIONARIAS. EONDE TEM MISSIONARIAS NE BIBLIA?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ide por tudo o mundo e pregai o evangelho. Marcos 16:3. Se nós pregamos o evangelho, cumprimos o "Ide" de Jesus; e, consequentemente, cumprimos essa missão, tornando-nos assim, missionários e missionárias.

      Há um equívoco muito grande sobre ser missionária/missionário.
      Para cumprir o "Ide", não é necessário ir à África. Não precisamos ir para o exterior. É só saírmos de nossa casa(e, por muitos casos nem é necessário pois, os que estão conosco podem não ser de Jesus ainda; e precisamos evangelizá-los através do nosso testemunho, através do nosso exemplo, de nossas atitudes, que fomos verdadeiramente salvos e redimidos por Cristo; nos tornando uma nova criatura, e deixando todas as coisas que se passaram para trás. Romanos 8:1) que estaremos no campo missionário, e nos tornamos missionários. Mas aí, cabe à nós cumprirmos ou não, o "Ide" de Jesus.

      Excluir
  69. Galatas 3.28. Imagina que se não fala de ministério nenhum, mas fala da salvação que é coisa muito maior e mais excelente que o ministério. Se na salvação somos todos iguais perante Deus, porque não seria no ministério que é inferior à ela e está condicionado às vicissitudes e condições socioculturais de uma dada sociedade? Eis aqui a chave hermenêutica. A bíblia foi escrita numa sociedade machista e patriarcal onde a mulher não tinha vez nenhuma, imagina se teria ministerialmente. Ainda assim é o texto da antiguidade que mais dá importância à mulher. Imagine que se a Bíblia fosse escrita em nossa época veríamos alguma restrição em relação à mulher? Ainda assim, Jesus, mesmo dentro de toda essa sociedade machista e patriarcalista deu um lugar privilegiado à mulher. Paulo conseguiu ver que na salvação somos todos iguais e que nela não há distinção de nenhuma ordem, assim, saindo do contexto do século I para o XXI nós como igreja deveríamos avançar na compreensão e interpretação da Bíblia? Uma interpretação fundamentalista não aceita o ministério feminino, mas uma interpretação que leve em consideração o espírito do evangelho mostrará que não somente as mulheres podem exercer o ministério quanto tem um papel de destaque no mesmo, o que já foi mostrado em relação à salvação e será mostrado à frente em relação aos dons espirituais.
    Quanto aos textos de At 11.17-18 e Jl 2.28-29 Vão na mesma linha hermenêutica que propus acima. Se nos dons do Espírito Santo não há distinção, porque haveria nos dons ministeriais? Somente uma interpretação fundamentalista e literalista das Escrituras Sagradas podem depor contra o ministério feminino. E aqui vai o meu argumento cabal e decisivo: se as mulheres tinham o dom de profecia como é mostrado no Novo Testamento, e a profecia é um dom maior que o dom de línguas e qualquer outro dom porque poderia ser diferente no ministério pastoral? Além disso, o dom de profecia está relacionado à fala e ao ensino daquele que é portador direto da Palavra de Deus, assim, realmente somente um costume e práticas humanas e culturais podem impedir que uma mulher ocupe uma posição de liderança. Se não há indícios suficientes no Novo Testamento acerca da posição da mulher em liderança não devemos nos assustar com isso, pois para a época isso jamais seria permitido.
    Já estou um pouco cansado de argumentar, pois tenho outras atividades no momento, mas penso não ser mais preciso falar de outros textos, pois o princípio hermenêutico já foi dado acima e vcs podem usá-lo à vontade à todos os outros textos.
    Ao Victor Correa respondo que não há nenhum indício na Bíblia de ordenação ou consagração, isso são coisas posteriores à igreja primitiva.
    Ainda tem o “simples fato” de que Junias era nome feminino e foi considerada como “apóstolo” por Paulo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eis aqui a chave hermenêutica. A bíblia foi escrita numa sociedade machista e patriarcal onde a mulher não tinha vez nenhuma, imagina se teria ministerialmente. Ainda assim é o texto da antiguidade que mais dá importância à mulher. Imagine que se a Bíblia fosse escrita em nossa época veríamos alguma restrição em relação à mulher?

      FAÇA OUTRA BÍBLIA PRA VC, PQ ESSA NÃO SERVE !!!

      Excluir
  70. Anônimo4:38 PM

    Prezado,
    As mulheres são santas, são fundamentais para o Ministerio, ajudadoras mas quanto a serem Pastoras, Bispas e Apostolas é muito diferença, a Biblia é muito clara " “A mulher aprenda em silêncio, com toda a sujeição. Não permito, porém, que a mulher ensine, nem use de autoridade sobre o marido, mas que esteja em silêncio” (I Timóteo 2:11-12). " e essas teses de que isso foi só para esta cidade é amesma coisa que rasgar a bilbica em pedaços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece que você não prestou atenção ao que escreveu:

      " “A mulher aprenda em silêncio, com toda a sujeição. Não permito, porém, que a mulher ensine, nem use de autoridade SOBRE O MARIDO, mas que esteja em silêncio” (I Timóteo 2:11-12)."

      Excluir
  71. Anônimo11:23 PM

    pastorado feminino nao é biblico, qualquer um deveria saber isso, mas hoje em dia tem mulher querendo fazer serviço de homem e vice-versa, é o fim da picada. A Biblia é cara quanto a posiçao da mulher perante homem, ou seja submissao, sendo o homem o lider, quem nao gostar disso, seja feminista ou que for, vá discutir com Deus e sugerir a Ele escrever outra biblia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. “Achei quase engraçado, e no mínimo curioso, que alguns defendam a ordenação de mulheres para o pastorado usando como base o fato de que Raquel é citada como pastora de ovelhas (Gen 29:9) e que as filhas de Jetro eram pastoras de ovelhas (Ex 2:16).
      Como se ovelhas e gente fosse a mesma coisa…!
      Ovelhas não são seres espirituais e morais, não tomam decisões, não estão caídas em pecado, não tem culpa, não tem consciência e muito menos uma alma imortal e um destino eterno pela frente. Qualquer pessoa pode ser pastor de ovelhas, cujo cuidado é apenas físico: alimentação e proteção.
      A analogia se resume num ponto apenas: pastores cuidam daquilo que lhes é confiado Ovelhas podem ser confiadas a homens, mulheres, meninos e velhos. Mas o povo de Deus, na Bíblia, é confiado aos cuidados de homens crentes qualificados. Embora houvesse profetisas e juízas no povo de Deus do Antigo Testamento, não havia sacerdotisas, pois os sacerdotes eram os responsáveis espirituais pelo povo de Deus, seus pastores. No Novo Testamento encontramos mulheres orando nas igrejas, profetizando, anunciando o Evangelho, mas não encontramos nenhuma apóstola, presbítera ou pastora: Jesus escolheu homens, os primeiros diáconos eram homens (Atos 6) e nas qualificações dos pastores Paulo claramente estabelece que tinham de ser homens que fossem marido de uma só mulher (1Tim 3 e Tito 1).
      Portanto, querer defender pastoras evangélicas com base no pastoreio de ovelhas feito por mulheres no Antigo Testamento é ir além do que a analogia permite”.
      Pr Moises

      Excluir
  72. Boa explicação mano!, sempre tive esse pensamento inclusive com estas referencias bíblicas, nunca tinha escrito sobre esse assunto e também nunca encontrei uma explanação tão bem explorada. O machismo ainda é muito grande, como bem definiu; "Ordenar nada mais é do que reconhecer o dom. Negar-se a reconhecer o dom conferido por Deus é o mesmo que resistir a Deus". Deus o abençoe mano ...

    ResponderExcluir
  73. Anônimo11:26 AM

    É uma questão de cultura! Os homens ainda são muito machistas e não se vêem liderados por uma mulher! Mas tem muita mulher apascentando melhor as ovelhas do que muitos "pastores"

    ResponderExcluir
  74. Segue um entrevista, muito bem respondida pelo teólogo, doutor e professor Waldyr Carvalho Luz, que também atuou no Seminário Presbiteriano do Sul em Campinas http://www.ultimato.com.br/revista/artigos/329/ordenacao-feminina

    ResponderExcluir
  75. Isto é ordenação eclesiástica e outra,se esqueceram da parte de se manter em autoridade sobre o marido.

    "Se Deus pode incluir judeus e gentios no ministério, por que não incluiria tanto homens quanto mulheres? " Desculpe,mas foi a pior desculpa que já vi. Comparar esse texto com cargo ministerial.

    ResponderExcluir
  76. Queridos sera que este fulano vai se convencer, por que já vimos que convertido ele não é. é um picareta, mentiroso, enganador e falsificador do evangelho.Pelo amor! para de enganar as pessoas fulano! vai estudar a bíblia.Não existe Pastora!

    ResponderExcluir
  77. A minha opinião é de que a mulher pode simplesmente desejar ser pastora pelo simples fato de querer. Diante das muitas versões apresentadas ví muitas opiniões e pouca base bíblica.
    Me perdoe minhas amigas pastoras, mas biblicamente falando a mulher não pode ser ordenada ao ministério pastoral.
    Lamentavelmente quem adota tal prática segue o que se chama de REVELAÇÃO: "Sou pastora porque Deus revelou".
    Pergunto: Deus vai contra a sua Palavra?
    Responda vocês.
    A Bíblia destaca mulheres exercendo grandes funções: Profetizas, Obreiras (alguns denominam de diaconisas), Missionárias, Juíza, Ensinadora... Menos pastora.
    Uma das mais errôneas teses apresentadas é a de que Raquel foi pastora. Realmente a Bíblia defende isso, mas tal situação não habilita mulheres a exercer o pastorado.
    O fato de Raquel ter sido pastora de ovelhas, não se tratava de outra coisa além de uma profissão. Mulher pode ser pastora, costureira, juíza, presidente...
    Ao se tratar do rebanho de Cristo a Bíblia já fala de sacerdócio, e de todas as referências que temos foi assumido por homens.
    Não encontro na Bíblia sacerdotisas.
    Muitas mulheres foram ordenadas à pastoras pelos simples fato de muitos pastores presidentes tratarem a igreja como um grande investimento e colocarem suas esposas como vices.
    Fico à disposição para maiores esclarecimento e para argumentos diferentes.
    Não um crítico desenfreado nem pessimista, mas entre ficar com uma revelação, fico com a Bíblia Sagrada - a maior revelação.
    Paz!

    Meu blog:

    pastordanielaguiar.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo11:34 AM

      Puro machismo, coitada de sua mulher! O quanto deve ser humilhada com um homem com uma visão misógina e patriarcal dessas. Vou orar por ela.

      Excluir
  78. Amados, vamos pregar a Palavra, e deixar de inócuos debates dogmáticos. Romanos 14:12. "Cada um dará conta de si mesmo a Deus". Façam a Obra, e deixem Deus julgar. Paz!

    ResponderExcluir
  79. Os que defendem o "pastorado femininio", é porque nunca estiveram debaixo do salto de uma mulher "pastora". Experimentem e veremos se não mudam de idéia ligeirinho.

    ResponderExcluir
  80. 1 Timóteo 2:11,12 – “A mulher aprenda em silêncio, com toda a sujeição. Não permito, porém, que a mulher ensine, nem use de autoridade sobre o marido, mas que esteja em silêncio.”

    ResponderExcluir
  81. Laura Freitas10:53 PM

    Muito boa a colocação do Pr. Daniel Aguiar.
    Sou mulher e reconheco a minha posição.
    Sei que se tratando de pastora o correto seria sacerdotiza, o que nao existe na biblia.
    Não tem para onde fugir.

    ResponderExcluir
  82. Auxiliadora é o primeiro e o mas alto nível da mulher perante Deus mediante ao homem! Genesis 2:18 E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele.

    ResponderExcluir
  83. É óbvio que todos escolhidos por Jesus foram homens por ser esta uma exigência fundamental que O Mestre estabeleceu para ser um modelo de liderança na igreja. Isso não significa que Jesus não admitiu mulheres discípulas, muito pelo contrário. Muitas delas foram mulheres formidáveis que O serviam, mas não eram líderes.

    ResponderExcluir
  84. Pergunta para Deus se a mulher pode ser homem!

    ResponderExcluir
  85. É vergonha para um homem consagrar uma mulher de pastora ou apostola isso é moda não é Bíblico!

    ResponderExcluir
  86. Presta bem atenção na Senhora Dilma Rousseff e suas entrevistas! se você é um homem de discernimento espiritual verás algo manifestado nela quando se expressa!

    ResponderExcluir
  87. Quem conhece a historia da líder Jezabel? aquilo é um espírito de feminismo!

    ResponderExcluir
  88. Lembre-se de Miria, a profetisa em (Números 12:02) como se sentia sobre si mesma e falou contra o homem de autoridade espiritual e como ela foi corrigido por Deus para permanecer em seu lugar.

    ResponderExcluir
  89. Em nenhum episódio bíblico vemos a mulher como pastora, como líder espiritual. Débora, uma profetiza que julgou a Israel no período dos Juízes, foi usada por Deus como juíza e profetisa e nunca como um líder. Deus a usava como profeta, para entregar ao povo a Sua Palavra, mas Débora não era “pastora”. Baraque era quem liderava e estava no comando. Tanto que Deus usou Débora que disse para Baraque: “Levanta-te, pois esse é o dia que o Senhor tem dado a Sísera nas tuas mãos; por ventura, o Senhor não saiu diante de ti? Baraque, pois, desceu do monte Tabor, e dez mil homens após ele”. (Juizes 4.14)

    ResponderExcluir
  90. Graça e Paz a todos! O presente artigo descrito é de se pensar com coerência e simplicidade, pois se atentarmos para os ditos de Paulo quanto aos dons ministeriais, podemos observar no texto de Efésios 4.11 que não há definição sexual apresentada e especificada para o exercício e ordenamento ministerial se só homem deve ser Pastor ou não, e menos ainda que a mulher não o possa ser. Quem concede o dom é Deus, quem levanta pra ministério é Deus e quem faz e opera tudo em todos é Deus. Devemos atentar que os escritos de Paulo se dirigia ora aso Judeus e ora aos gentios convertidos, mais o intuito era apenas um só, o ganhar almas para cristo. Só para atermos a definição de pastor a palavra grega traduzida como Pastor é de significa literal Pastor de ovelhas.De acordo com o dicionário "UNS" é um artigo indefinido, "OUTROS" é um adjetivo, que tem por finalidade: diferentes,distinto etc. Em face o disposto se Deus quer levantar mulheres como pastoras ele o fará, pois quem somos nós para contender com o Senhor e lhe instruir com conselhos nossos. Sigamos tão somente um grande conselho auferido na própria escritura que diz: 38 E agora digo-vos: Dai de mão a estes homens, e deixai-os, porque, se este conselho ou esta obra é de homens, se desfará, Mas, se é de Deus, não podereis desfazê-la; para que não aconteça serdes também achados combatendo contra Deus. Atos 5: 38-39 aos da exegese, podem até dizer que o contexto não se atém ao assunto, porém não é o objetivo aqui de tal, e sim de seguir um conselho já registrado há muito tempo. A obra é de Deus, pastores(AS), profetas(isas), Cristo é o cabeça e nós o corpo. Deus abençoe.

    ResponderExcluir
  91. Texto fora do contexto é pretexto para heresias.

    Ordenação feminina não tem respaldo bíblico. O que está em questão não é a capacidade e sim o fato de exercer autoridade eclesiástica.

    Veja esse artigo e tire suas conclusões: http://www.opregadorfiel.com.br/2014/05/ordenacao-feminina-mulheres-pastoras.html

    ResponderExcluir
  92. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  93. Graça e paz!
    Caro irmão Hermes a sua exegese e hermenêutica além de incoerente, inconsistente, arbitrária e poeria, é deplorável e desprovida dos princípios elementares da hermenêutica . Em suma, não passa de uma eisegese e hermenêutica tendenciosa da teologia da
    conveniência.

    ResponderExcluir
  94. Acho muito importante que a mulher também possa exercer o pastoreado assim como os homens.
    Que Deus vos abençoe!

    ResponderExcluir
  95. Anônimo9:29 PM

    Discordo , pois os textos citado são universais e não no sentido de liderança feminina. Princípios Cristãos não se mudam com as convenções sociais e culturalização pós moderna pois "mais importa obedecer a Deus do que aos homens" Atos 5.29

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo9:05 PM

      Se é pra obedecer a Cristo, então acabemos com o pastorado pq Ele não instituiu pastores, mas discípulos e discípulas.

      Excluir
  96. Pr. Carlos Alberto Ferreira12:48 PM

    O Rev. Hermes está ligado a uma igreja de tradição anglicana, o que certamente contribui para seu pensamento a favor da ordenação feminina, visto que o anglicanismo, em quase todo o mundo, já adotou esta posição, embora haja muitos anglicanos contrários. A mesma coisa ocorre nas igrejas de tradição reformada. Há denominações onde se adotou a ordenação feminina em todos os níveis de ministério ordenado, como a minha igreja, por exemplo (IPI do Brasil), mas nem todos os membros e pastores são favoráveis, inclusive na IPI sabe-se de pelo menos um presbitério que não aceita a ordenação feminina no âmbito de sua jurisdição, contrariando a constituição, mas mantendo-se coerentes com suas convicções. Na IPB não se ordena mulheres nem ao diaconato, mas tem gente que defende essa prática com muita veemência. Inclusive deve voltar à mesa de discussão, por meio de comissão designada para isso, a questão da ordenação de diaconisas na IPB em sua próxima reunião ordinária, agora em julho em Natal - RN. A ordenação ao presbiterato regente e docente tem muitos defensores dentro da IPB, embora esta seja uma etapa que talvez nem chegue a ser discutida e votada tão cedo. Então, amados, a discussão é boa e interminável. Eu sou da IPI e não tenho nada contra a ordenação feminina e nem a favor, muito pelo contrário. Rsrsrsrs. Querem saber minha posição??? Não será dessa vez ainda...

    Pr. Carlos Alberto Ferreira. Secretário de Missões do Presbitério Sudoeste de Minas da IPI do Brasil.

    ResponderExcluir
  97. Anônimo10:48 PM

    A maioria dos textos mencionados, mostram O homem como o cabeça da mulher, submissa, do lar, em esposa – Deus falou com Adão como cabeça do lar e responsável pelas ações do lar. Gên 3:9. Quando Deus fez a Eva foi para ser esposa de Adão, sua família
    Paulo também refere várias vezes homem esposo, sua esposa Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao Senhor;
    Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele próprio o salvador do corpo.
    De sorte que, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo sujeitas a seus maridos.
    Efésios 5:22-24
    E ele é a cabeça do corpo, da igreja; é o princípio e o primogênito dentre os mortos, para que em tudo tenha a preeminência” Colossense 1:18
    A mulher aprenda em silêncio, com toda a sujeição.
    Não permito, porém, que a mulher ensine, nem use de autoridade sobre o marido, mas que esteja em silêncio.
    1 Timóteo 2:11-12
    O homem como cabeça da mulher é dentro da família que ele formou, o cabeça da igreja sempre será Cristo, Quando o texto fala de submissão da mulher referente ao seu marido, ilustra o relacionamento de CRISTO com sua noiva, a submissa igreja e neste caso ambas partes , o homem queira ele ou não !!! Ele é a noiva !!! é esposa !!! é a igreja submissa
    Cristo é a cabeça de todo o homem, Esse todo generalizou ( ser humano ) e o homem a cabeça da mulher; (da mulher, não de toda mulher, restringiu) e Deus a cabeça de Cristo. 1 Coríntios 11:13 (De Cristo, restringiu )
    Quanto ao sacerdócio, o Levítico já passou !!! O Oficio do sacerdote, função essencial a seu cargo era a de mediador entre Deus e o homem, Jesus já fez isso !!!
    Ora, a suma do que temos dito é que temos um sumo sacerdote tal, que está assentado nos céus à destra do trono da majestade,
    Ministro do santuário, e do verdadeiro tabernáculo, o qual o Senhor fundou, e não o homem.
    Hebreus 8:1-2
    Jesus Cristo, Ele não é da ordem dos Levitas Sua tribo nunca serviu ao altar
    Deus o constituiu sumo sacerdote, ordenado por outro Ministério
    Porque este Melquisedeque, que era rei de Salém, sacerdote do Deus Altíssimo, e que saiu ao encontro de Abraão quando ele regressava da matança dos reis, e o abençoou;
    Hebreus 7:1
    Sem pai, sem mãe, sem genealogia, não tendo princípio de dias nem fim de vida, mas sendo feito semelhante ao Filho de Deus, permanece sacerdote para sempre.
    Hebreus 7:3
    Porque aquele de quem estas coisas se dizem pertence a outra tribo, da qual ninguém serviu ao altar,
    Visto ser manifesto que nosso Senhor procedeu de Judá, e concernente a essa tribo nunca Moisés falou de sacerdócio.
    E muito mais manifesto é ainda, se à semelhança de Melquisedeque se levantar outro sacerdote,
    Hebreus 7:13-15
    Mas vòs sois a geração eleita, o sacerdòcio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz;
    1 Pedro 2:9
    Temos ou não temos um sacerdócio Real, constituído não por homens ?Se Deus constituiu, quem é o homem que possa desfazer
    Vòs também, como pedras vivas, sois edificados casa espiritual e sacerdòcio santo, para oferecer sacrifícios espirituais agradáveis a Deus por Jesus Cristo.
    1 Pedro 2:5

    ResponderExcluir
  98. essas estruturas denominacionais são bíblicas com essas hierarquias? Cristo pregou isso? ou pregou um caminho ao céu?

    ResponderExcluir
  99. Anônimo12:14 AM

    Na igreja primitiva e até hoje só vive por meio de uma hierarquia deixada pelo proprio Jesus. e o que consta todos homens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo9:01 PM

      Estuda um pouquinho de história da igreja primitiva antes de falar.

      Excluir
  100. Existe a Palavra Pastora na Bíblia?
    "Aos presbíteros (πρεσβυτερους), que estão entre vós, admoesto eu, que sou também presbítero com eles, e testemunha das aflições de Cristo, e participante da glória que se há de revelar: Apascentai o rebanho de Deus, que está entre vós, tendo cuidado dele, não por força, mas voluntariamente; nem por torpe ganância, mas de ânimo pronto; Nem como tendo domínio sobre a herança de Deus, mas servindo de exemplo ao rebanho. E, quando aparecer o Sumo Pastor, alcançareis a incorruptível coroa da glória." I Pedro 5:1-4
    "Tu, porém, fala o que convém à sã doutrina. Os presbíteros (πρεσβυτας), que sejam sóbrios, graves, prudentes, sãos na fé, no amor, e na paciência; As presbíteras (πρεσβυτιδας), semelhantemente, que sejam sérias no seu viver, como convém a santas, não caluniadoras, não dadas a muito vinho, mestras no bem; Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos, A serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada." Tito 2:1-5

    ResponderExcluir
  101. Anônimo6:15 PM

    Por acaso o Espírito Santo foi dado somente para os homens?

    ResponderExcluir
  102. Anônimo9:52 AM

    O que me chama a atenção em todos os comentários acima, inclusive o post do pastor é que as questões abordadas, não influenciam em nada na nossa salvação, são questões de pouca relevância no mundo espiritual. precisamos nos preocupar com as coisas concernente a salvação, a propagação do evangelho de Cristo.

    ResponderExcluir
  103. Anônimo5:06 PM

    A GRAÇA E A PAZ ,estive observando cada comentario e aqui deixo o meu irmão Antonio concordo com vc, se muitos desses estivessem no amor de cristo estariam fazendo a diferença e não sendo multidão estariam pregando a SALVAÇÃO,porque muitos tem só pregação bonita ,e não vive o que prega dessa maneira conheço muitos que querem ser reconhecido pelo homem e esquecendo que primeiramente tem que ser reconhecido por DEUS,pois vou lhe dizer algo para os doutores da lei se prepare para realizar casamentos de pessoas do mesmo sexo. SIRVO A UM DEUS QUE TUDO PODE. Sou dona de casa tenho 5 filhos os quais tem sido uma benção nas mãos do senhor,o mais velho tem 22 anos e o mais novo tem 7 anos ; sou professora onde trabalho com crianças de toda natureza ou seja das que ja são usuarias de drogas ;das ditas normais e também crianças especias.e também pela misericordia do SENHOR sou pastora e vivo para anunciar a volta do SENHOR NOSSO DEUS.NÃO SOU MELHOR E NEM PIOR QUE NINGUEM,MAS FAÇO A DIFERENÇA,E SOU SUBMISSA AO MEU ESPOSO RESPEITO OBEDEÇO E DOU TESTEMUNHO,no meu trabalho em casa e na igreja e sempre digo que sou a menor na casa do pai porque o maior é DEUS .Muitos querem estar só na igreja ,enquanto a seara está ai ,temos mais é que nos somar para anunciar a volta o SENHOR e resgatar as vidas das garras de satanas.Como muitos são doutores da lei outros advogados e juizes dos irmãos; vamos fazer o ide ,uma coisa eu lhe digo estou aqui para saquiar o inferno e povoar o céu. NÃOVOU ME IMPORTAR COM O QUE O MUNDO DIZ O IMPORTANTE É O QUE O MEU DEUS PENSAR DE MIM.

    ResponderExcluir
  104. Anônimo5:31 PM

    irmão, sei o quanto é difícil convencer as pessoas sobre trabalhar para Deus. Os homens estão também a cada dia fivando abismado em relação aos trabalhosfemininos nas igrejas. Então apresento algumas motivações:
    1 - as mulheres buscam a Deus e jejuns e orações;
    2 - as mulheres estão sempre fazendo campanhas e orando a favor da igreja que irá ser arrebatada;
    3 - as mulheres estão se organizando e também defendendo a sua capacidade e o seu valor social e cristão;
    4 - as mulheres estão conquistando o espaço que antes deveria o homem ocupar, mas muitos estão alheios a chamada e o chamado de Deus;
    5 - as mulheres estão sempre a ouvir e a escutar o qaue acontece detro e fora das igrejas evangélicas , e são elas mesmas que agerm para agradar a Deus, embora muitos e muitas estão a desagradar;
    6 - as mulheres estão bem classificadas na sociedade e o que estamos a falar é de mulheres sábias, fiéis hábeis e com o dom e talentos que Deus entregaram as mesmas, então somente falta usar até ir para glória, pois a salvação é individual e muitos querem tomar a sua, nossa coroa.
    7 - as mulheres não estão ligando para o que dizem às pessoas que não asseitam as mesmas falrem a verdade de Deus, mas elas estãop a anuciar, a pregar essa verdade, e vidas estão sendo transformadas, restauradas e resgatadas para Deus. avate mulheres de Deus, cumpre o teu minsitério.

    ResponderExcluir
  105. Anônimo5:39 PM

    a salvação é individual. Todos nós vamos comparecer perante o tribunal de Cristo. Deus fez a mulher por causa do homem e esta passou a ser a sua adjuntora (auxiliadora). Os pensametos de Deus ão são os nossos pesamentos. Devemos analisar o que é de Deus, o que é do homem e o que é do maligno. A Bíblia, no at e nt fala a respeito da mulher, e fala de muitas mulheres que estiveram à frente como líder, não esqueçamos disso, pois é Deus que comanda tudo e tanto usa o homem como a mulher, não esqueçamos disso. Não importa o que as igreas defendem, o que importa é a quem Deus defende. E as igrejas são igreas, Deus é Deus. Importa sim, uma igreja que agrada a Deus e age conforme a sua ordenança, mas em Cristo Jesus, conforme a doutrina das escrituras, conforme a vontade de Deus.

    ResponderExcluir
  106. Anônimo9:16 PM

    Por que não ordenar pastores homossexuais? Crianças? Mulas (afinal, Deus usou uma para falar Sua palavra)? Devo rasgar da minha bíblia I Corintios 14 (ou ela é uma mera curiosidade da época?)?

    ResponderExcluir