sexta-feira, junho 24, 2016

70

Para onde vão os animais ao morrer?



Por Hermes C. Fernandes

Para alguns, trata-se de uma questão descabida, sem qualquer pertinência. Mas para quem já teve ou tem um animal doméstico quase membro da família, o assunto é de extrema importância. Creio que se dependesse de muitos dentre nós, os animais compartilhariam conosco o mesmo destino eterno. Porém, se almejamos por respostas, devemos examinar o que dizem as Escrituras.

Não somos melhores do que os bichos!

E não sou eu quem diz isso, mas o sábio Salomão:
“Disse eu no meu coração: Isso é por causa dos filhos dos homens, para que Deus possa prová-los, e eles possam ver que são em si mesmos como os animais. Porque o que acontece aos filhos dos homens, isso mesmo também acontece aos animais; a mesma coisa lhes acontece. Como morre um, assim morre o outro. Todos têm o mesmo fôlego, e nenhuma vantagem têm os homens sobre os animais…” Eclesiastes 3:18-19
Alguém poderá objetar: Os seres humanos temos espírito, os animais não. Será? Então, Salomão errou ao dizer que não temos qualquer vantagem sobre eles. E veja o que ele diz mais:
“Todos vão para o mesmo lugar; todos são pó, e todos ao pó tornarão. Quem sabe se o espírito dos filhos dos homens vai para cima, e se o espírito dos animais desce pra terra?” (vv.20-21).
Então, os animais também têm espírito, certo? Corretíssimo! Pelo menos é o que acabamos de ler. O amor de Deus não se limita ao ser humano. Deus ama a todas as Suas criaturas, racionais e irracionais. Ele é quem “dá mantimento a toda a criatura, porque o seu amor dura para sempre” (Sl.136:25).

Davi entendia isso perfeitamente, e declara de maneira poética em seu salmo de número 104. Como que em êxtase, o rei salmista declara: “Ó Senhor, quão variadas são as tuas obras! Todas as coisas fizeste com sabedoria; cheia está a terra das tuas riquezas. Há o mar, vasto e espaçoso, onde se movem seres inumeráveis, animais pequenos e grandes (…) Todos esperam de ti que lhe dê o seu sustento em tempo oportuno” (v.24-25,27). Até os leõezinhos “de Deus buscam o seu sustento” (v.21). Era como se Davi mergulhasse no fundo do oceano e se maravilhasse com o que visse ali.

Tive uma sensação de deslumbramento semelhante ao visitar o maior aquário do mundo no SeaWorld em Orlando. É de cair o queixo! Foi deveras emocionante poder tocar nos golfinhos, assistir aos espetáculos com as baleias, adentrar o ambiente artificial reproduzindo o ártico e ver onde descansa o urso polar, assistir ao balé dos pinguins como no filme Happy Feet. Minha mulher e eu fomos literalmente às lágrimas. Disse aos meus filhos que aquele entrosamento entre o homem e os animais era uma amostra grátis do que será na Terra restaurada.

Ou será que seremos a única espécie que desfrutará dos novos céus e da nova terra profetizados pelas Escrituras? O que será das inúmeras espécies animais e vegetais, frutos do gênio divino? Terá Deus criado todas elas apenas como figurantes da trama cujo protagonista é o ser humano? Recuso-me a crer nesta hipótese.

Se Deus não se importasse com os animais, por que os teria poupado no dilúvio?

Seria um desperdício enorme de espaço se somente nós, humanos, habitássemos a Nova Criação. Engana-se quem pensa que nosso destino final será vivermos num céu etéreo, como fantasminhas angelicais tocando suas harpas. Não! Seremos seres humanos completos, dotados de todas as nossas faculdades originais.


A hostilidade que o reino animal nutre contra o homem se deve ao pecado. Deixamos de ser os guardiões do jardim de Deus para sermos sua maior ameaça. Toda a natureza geme na expectativa de ser libertada do cativeiro imposto pela vaidade humana. Quando os filhos de Deus se manifestarem, a natureza será finalmente livre (Rom.8). A Terra não caminha para uma catástrofe final, mas para a libertação. Quando isso ocorrer, a hostilidade terminará, e o homem voltará a integrar-se à criação.

Enquanto não chega o grande dia, devemos zelar pela vida de todos os seres com os quais compartilhamos a Terra. Deus no-los confiou. Tanto os selvagens quanto os domésticos.

Hoje, depois de minha caminhada diária, parei à margem de um lago para fotografar alguns animais (tartarugas, pássaros e patos). Recentemente descobri este novo hobby: fotografar a natureza. Um rapaz americano chamado John me abordou. Ele estava acompanhado de um cão branco a quem chamava carinhosamente de pig (porco). Conversa vai, conversa vem… ele me contou de um acidente automobilístico que sofreu há dois anos, me disse que perdera seus amigos, e que estava perdendo sua casa (por sinal, uma linda casa à beira do lago). A única coisa que lhe restara era seu cão. Mas pra completar seu sofrimento, seu cão, agora com doze anos, estava prestes a morrer. Teria que gastar 8 mil dólares para tentar salvar-lhe a vida numa cirurgia. Por estar financeiramente quebrado, não lhe restou alternativa senão deixá-lo partir. 

Embora não fosse cristão, e de ter-me confidenciado sua ojeriza a religião, John demonstrava um grande amor por seu bicho. O que me remete ao que diz Salomão: “O justo olha pela vida dos seus animais” (Pv.12:10a). Desejei do fundo d’alma que Deus restaurasse a saúde daquele animal. Lembrei-me de Franscisco de Assis que tinha o hábito de orar pelos animais.

Recentemente o SeaWorld foi cenário de uma tragédia envolvendo uma Orca e sua treinadora. Apesar do entrosamento entre eles, a treinadora veio a falecer afogada, depois de ter sido arremessada pelos cabelos num ato aparentemente de fúria do animal.

A AFA (American Family Association), criada pelo reverendo Donald Wildmon defendeu o apedrejamento até a morte da orca. A influente entidade cristã cita passagens da Bíblia para justificar a morte do animal, cuja carne, diz, não deve ser consumida por ninguém. Organizações de defesa de animais de todo mundo reagiram à proposta do apedrejamento. Se depender da AFA, até o proprietário do parque aquático deve ser morto a pedradas, também de acordo com o que manda a Bíblia, argumenta a entidade.

Este é um tipo de fundamentalismo que deve ser rechaçado por cristãos conscientes, que entendem que vivemos sob a égide da Graça e não da Lei.

Uma das mais impressionantes imagens pintadas no livro de Apocalipse está registrada no capítulo 5, do verso 11 ao 14:
“Então olhei, e ouvi a voz de muitos anjos ao redor do trono, e dos seres viventes, e dos anciãos; e o número deles era milhões de milhões e milhares de milhares, proclamando com grande voz: Digno é o Cordeiro, que foi morto, de receber poder, e riqueza, e sabedoria, e força, e honra, e glória, e louvor. Então ouvi a TODA CRIATURA QUE ESTÁ NO CÉU, E NA TERRA, E DEBAIXO DA TERRA, E NO MAR, e a todas as coisas que neles há, dizerem: Ao que está assentado sobre o trono, e ao Cordeiro, seja o louvor, e a honra, e a glória, e o poder para todo sempre. E os quatro seres viventes diziam: Amém. E os anciãos prostraram-se e adoraram.” 

Repare a forma como o céu e a terra são apresentados unindo-se para formar um enorme coral em adoração ao Cordeiro. Gradativamente, todas as coisas vão sujeitando-se a Cristo. Não só as invisíveis, mas também as visíveis, não só as pertencentes ao mundo espiritual (anjos, querubins e cia), mas também as do mundo animal.

Aos poucos o caos vai se tornando em harmonia; o barulho se transforma numa fenomenal orquestra! Cada evento vai encontrando o seu lugar na majestosa sinfonia composta pelo Cordeiro. Nada fica de fora de escopo desta restauração! O reino animal, o reino vegetal, e o reino mineral se unem para saudar o Rei dos Reis.

No capítulo anterior, João diz que viu um trono, e Alguém assentado sobre ele, e “ao redor do trono havia um arco-íris” (4:3). Este arco-íris nos remete ao episódio em que Deus fez uma aliança com Noé, e estabeleceu o arco-íris como símbolo dessa aliança. O que poucos observam é que aquela aliança de preservação não se limita ao ser humano, mas abrange toda a criação. Assim afirmou o Senhor: “Agora estabeleço a minha aliança convosco e com a vossa descendência depois de vós, e com TODOS OS SERES VIVENTES que convosco estão; assim as aves, os animais domésticos e os animais selvagens que saíram da arca, como todos os animais da terra (...) Este é o sinal da aliança que ponho entre mim e vós e entre todos os seres viventes que estão convosco, POR GERAÇÕES PERPÉTUAS; O meu arco tenho posto nas nuvens, e ele será por sinal de haver uma aliança entre mim e a terra (...) O arco estará nas nuvens, e eu o verei, para me lembrar da ALIANÇA ETERNA entre Deus e todos os seres viventes de todas as espécies, que estão sobre a terra” (Gn.9:9-10,12-13,16).

Esta aliança jamais vai caducar. Não tem prazo de validade a ser vencido. Por ser eterna, ela não perdeu a validade com o lançamento da Nova Aliança, antes foi confirmada. Oséias, profetizando acerca da Nova Aliança, disse: “Naquele dia farei por eles aliança com os animais do campo, com as aves do céu e com os répteis da terra” (2:18). A Nova Aliança diz respeito à salvação do homem, e, por conseguinte, à restauração da ordem criada. O coral só estará completo quando as vozes angelicais, e as vozes humanas unirem-se às vozes de toda criatura, incluindo os pássaros, os répteis, os mamíferos e os peixes."Tudo o que tem fôlego louve ao Senhor!" (Sl.150:6).

70 comentários:

  1. Se Deus tivesse uma profissão Ele seria jardineiro - a primeira coisa que Ele faz é plantar um Jardim no Edem - no NT Jesus após a ressureição é confundido com jardineiro... compartilho dessa ideia.

    ResponderExcluir
  2. Gordom9:05 AM

    Meu irmão Bispo Hermes, a bíblia não fala específicamente, mas dá a entender que não vai ter animais no meu entender.
    Embora a natureza agora esteja maculada pelo pecado e no céu não entra pecado.
    Pelo que a bíblia diz, só nos os homens, teremos um corpo glorificado sem pecado para encontrar e habitar na Cidade Santa, A Nova Jerusalém com Jesus Cristo, e não se refer em parte alguma da Palavra de Deus, que os animais serão gloricado, e encontraram com Deus, na Nova Jerusalém Cidade Santa.
    Mas, este mistério pertence a Deus, não sabemos se vai ter animais ou não, ele é Deus e faz o que quer.
    Os versículos que vc diz em Gêneses 9.9 Diz: E eu, eis que estabeleço o meu concerto convosco, e com a vossa semente depois de vós.
    No versículo 17 diz: E disse Deus a Noé: este é o sinal do concerto que tenho estabelecido entre mim e toda a carne que está sobre a terra.
    Estes versículos falam do concerto que Deus fez com a humanidade e com a natureza, pelo qual Deus prometeu que nunca mais destruirá a terra e todos os seres viventes com um dilúvio, está em Gn 9.11-15.
    No versículo 13 diz: O meu arco tenho posto na nuvem; este será por sinal do concerto entre mim e a terra.
    O arco-íris foi o sinal de Deus e o memorial perpétuo da sua promessa, no sentido de nunca mais Deus destruirá todos os habitantes da terra com dilúvio. O arco-íris deve nos lembrar da misericórdia de Deus e da sua fidelidade à sua Palavra. No livro de Ap 21.3 diz: E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles e será o seu Deus.
    Então que vemos, que, a terra renovada se tornará a habitação dos homens e de Deus.
    Não menciona os animais.
    Fique na paz meu irmão Hermes.
    O mais importante é que temos a certeza, que os nossos nomes está escrito no Livro da Vida, e encontraremos com Jesus e reinaremos para todo sempre com o Senhor.
    Mas, nunca devemos parar hora alguma de pregar o evangelho aos homens perdidos, e santificarmos as nossa vidas, porque sem santificaçao ninguém verá o senhor.
    Se vai ter animais, isto é com Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo1:16 AM

      Entao,se vc acha que nao havera animais no ceu,vide Jo 5,22 e 23,Isaias 65,25,Genesis 9,12,entre outros.
      Que a graça do Senhor seja convosco!

      Excluir
    2. Anônimo3:26 AM

      Sim,claramente Deus afirma animais no ceu, Jó 5:22,23,Isaias 65:25,Oseias 2:18,entre outros,e Apocalipse 19:11,garante que Jesus vira em um cavalo branco, e no versiculo 14 garante que os exercitos que ha no ceu viram montados em cavalos brancos, e no versiculo 17 mostra que todas as aves vao participar da grande ceio do Todo-Poderoso DEUS,e Apocalipse 5:11 ao 14,fala que todos os seres viventes louvarao ao Cordeiro de Deus

      Excluir
    3. Sr. Gordom , paz coisa nenhuma, quer um mundo só para você? Se acha superior aos animais? muito presunçoso de sua parte. Gente mesquinha como você é que vai ter um mundo só para gente que pensa como tu!

      Excluir
    4. Os animais são purinhos demais e por isso acredito que vai ter mais animais que humanos dignos, pois temos que imitar os animais para sermos purificados, eles são o nosso exemplo, crianças já não são tão puras para servir de modelo mas os animais são. Jesus nasceu perto deles e não de humanos!

      Excluir
  3. Esse artigo é muito esclarecedor para mim. Confesso que era ignorante sobre o assunto, mas agora não sou mais.

    Obrigado pastor Hermes,e parabéns pelo blog, tem me abençoado muito.

    ResponderExcluir
  4. Anônimo4:54 PM

    Ótimo texto pastor, não consigo ver tanta frieza em Deus para com as suas criaturas.
    Seja como for, confiaremos no nosso Criador, ele sabe o que faz.
    Continue orando por eles sim, pois involuntariamente auxilia na vida de seus donos.
    Precisamos de pessoas amorosas que se voltem contra a maldade para com animais humanos ou não humanos.

    ''E morará o lobo com o cordeiro, e o leopardo com o cabrito se deitará, e o bezerro, e o filho de leão e o animal cevado andarão juntos, e um menino pequeno os guiará.
    A vaca e a ursa pastarão juntas, seus filhos se deitarão juntos, e o leão comerá palha como o boi. Isaias 11, 6, 7.

    ''Em nenhum reino humano aconteceu o descrito na pergunta, mas no Reino que será estabelecido pelo Rei dos reis, isso acontecerá - figurativamente ou não.

    ►Isso quer dizer que a paz será estabelecida para sempre.

    ResponderExcluir
  5. Anônimo5:12 PM

    Uma das mensagens mais relevantes nos tempos atuais. Como precisamos cuidar da Criação obra prima do Criador. Toda criação aguarda a revelação dos filhos de Deus.
    Hermes, Essa mensagem soou como uma poesia DIVINA. Inexplicável.

    ResponderExcluir
  6. Anônimo4:50 PM

    E agora Hermes? Já que animais tem tudo isso que você citou, quer dizer que teremos que nos tornar vegetarianos? Não sei... pra mim, não é bem assim...

    ResponderExcluir
  7. Graça e paz!

    Muito bom o tema!

    Penso que o excesso de mitologização a respeito do "céu" e do "inferno", que foram metáforas usadas para os tempos bíblicos, acabam dificultando a nossa compreensão acerca da vida eterna.

    O texto de Eclesiastes que citou é para mim um dos mais explicativos na Bíblia acerca da eternidade da alma e destas questões relativas ao pós morte.

    Ao morrermos (e isto vale para todos os seres), o corpo volta para a terra e o 'ruah', isto é, nosso fôlego de vida, nosso ânimo, nossa energia, retorna para Deus. Ou seja, esta energia vital que anima tanto a nós quanto aos bichos simplesmente retorna para o cosmos e fica com o Deus Eterno que está em todos e no qual todos estamos.

    "Porque nele vivemos, e nos movemos, e existimos" (Atos 17.28a; ARC)

    Acontece que pela nossa recusar em aceitar o desfazimento do corpo, bem como pela dificuldade em explicarmos na nossa linguagem os acontecimentos espirituais, constantemente tentamos usar comparações de coisas do nosso mundo terreno afim de expressarmos as revelações divinas que ocorrem no inconsciente humano.

    Até mesmo quando os textos mais primitivos da Bíblia como a Torah faz menção ao 'ruah', que significa sopro, faz-se uma comparação de acordo com as cosmovisão dos homens de 3000 mil anos atrás que, no meu ponto de vista, aproxima-se bem mais da visão científica que temos hoje onde tudo, inclusive a matéria, é entendido como energia segundo a Física.

    Então o que difere a minha energia da energia dos animais, senão o fato de ser eu consciente?

    Ora, com todo o cuidado para não ser arrogante e me considerar membro de uma espécie superior, não vejo nenhuma outra explicação para nos diferenciarmos dos demais seres senão o fato de termos a consciência, falarmos e, segundo aprendi na escola, a capacidade de realizarmos trabalho. Do mais, somos criaturas semoventes que receberam o mesmo fôlego de vida.

    ResponderExcluir
  8. Continuando e comentando trechos do texto...

    "Engana-se quem pensa que nosso destino final será vivermos num céu etéreo, como fantasminhas angelicais tocando suas harpas. Não! Seremos seres humanos completos, dotados de todas as nossas faculdades originais."

    É bem possível que sim porque se Deus faz novas todas as coisas (a vida sempre se renova e já se renovou por diversas ocasiões no nosso planeta e no universo), significa que poderemos ter um novo corpo habitando um novo planeta (ou quem sabe este mesmo) sem a desconexão com a Vida causada pelo conhecimento do bem e do mal quando o homem decidiu ser dono de si mesmo.

    Eu não acho que, antes do evento do Éden, o qual pode ser mitológico, que a morte física não existisse. Olhando para a natureza, comrpeendemos que a morte física é indispensável para a própria renovação da vida. Porém, quando o homem bebeu do veneno do bem e do mal, passou a querer controlar todas as cosias ao seu modo, inclusive a vida individual. Então ele passou a ter medo de unir-se novamente com o universo e com o todo pelo desfazimento deste corpo físico. Sua vida reduziu-se porque ele separou-se da verdadeira Vida.

    Mas com Jesus, somos novamente colocados na videira e o Mestre nos ensinou que aquele que quiser ganhar a vida perde-la-á. Mas quem resolver perdê-la (ou sacrificá-la, ou não se apergar-se) iria encontrá-la.

    Neste sentido, compreendo quando Schopenhauer diz que "o que existe mesmo na realidade é a espécie que é a 'coisa-em-si', sendo que cada individuo seria apenas o fenômeno".

    Ora, interessante que Jesus nos mostrou que nós encontramos a Vida indo para a cruz. É pela morte de cruz, dando a si mesmo em favor de muitos, que o Filho do Homem (e todos os homens) podem se reconciliar com a Vida. Pois para Viver, devo morer para mim mesmo, o que seria a "negação da vontade pela própria vontade", segundo o Schopenhauer.

    ResponderExcluir
  9. "A hostilidade que o reino animal nutre contra o homem se deve ao pecado. Deixamos de ser os guardiões do jardim de Deus para sermos sua maior ameaça. Toda a natureza geme na expectativa de ser libertada do cativeiro imposto pela vaidade humana. Quando os filhos de Deus se manifestarem, a natureza será finalmente livre (Rom.8). A Terra não caminha para uma catástrofe final, mas para a libertação. Quando isso ocorrer, a hostilidade terminará, e o homem voltará a integrar-se à criação."

    Bem, o que me parece é que não há uma hostilidade do Reino Animal contra o homem, mas sim o contrário, mas talvez venhamos falar uma mesma linguagem. É o nosso pecado civilizacional (talvez a nossa dificuldade em lidarmos com a tomada de consciência) que causou tanta desarmonia. Contudo, vejo que a nossa expulsão do Paraíso, ao invés de ser vista como um terrível castigo, quando se diz "Com o suor do teu rosto comerás o pão", pode significar uma nova oportundiade que é oferecida ao homem para que construamos um novo mundo. E para tanto a Palavra nos foi revelada e o mundo foi caminhando até que o Messias veio nos ensinar com praticidade o Caminho pela sua própria Vida.

    O amar uns aos outros seria, em outras palavras, a retomada desta profissão de jardineiro e aí o mano Valdecy teve uma boa sacada quando lembrou de que esta teria sido uma das visões do Jesus ressuscitado segundo relatos dos Evangelhos. Porém, sendo Jesus o Filho do Homem e chamado por Paulo como o segundo Adão, penso que tal profissão aplique-se a todos os homens que são chamados.

    Confesso, irmãos, que cada vez mais tenho me distanciado daquela visão de que as coisas só vão piorar, o mundo será dominado pelo anticristo e, finalmente, destruído, como se não tivéssemos uma missão de restaurá-lo pelo Evangelho de Jesus Cristo. Pra mim estas doutrinas escatológicas que circulam pelo meio evangélico acabam por cegar muitos entendimentos para um chamado mais amplo que é agente arregaçar as mangas e lutar pela transformação do planeta, o que, certamente, deve levar a Igreja para interessar-se mais pelas questões sociais e ambientais que afligem a Terra.

    Na boa, não cho que vá ser nenhuma batalha cósmica entre anjos tipo o filme Guerra nas Estrelas que vai caracterizar a luta da Igreja contra o mal. Mas será o enfrentamento do egoísmo humano, do próprio comodismo e corrupção dos religiosos, bem como políticos, o combate à exploração do trabalhador, o consumo perdulário de energia, a indiferença pelo ser humano, a exclusão de pessoas que este sistema vil tanto pratica.

    Neste sentido, posso dizer que ainda sou timista quanto ao ser humano e acho que Deus também. Pois não vai ser quando virarmos anjinhos e sem o gene do pecado de Adão, vivendo na imagística Nova Jerusalém, que tudo será perfeito a ponto do lobo morar com o cordeiro, a vaca e a ursa pastarem juntas, o leão comer palha com o boi ou a criancinha meter a mão na toca da serpente. Pois isto só foi mais uma metáfora do que representa o mundo de paz que NÓS precisamos construir seguindo a referência divina em Jesus Cristo.

    Na boa. Esta é para mim a manifestação dos filhos de Deus. É isto que realmente desperta a consciência humana ao invés de alienar milhões de crentes que vão ao domingos para o seu culto (ou missa) reduzindo seu relacionamento com Deus a uma frequência tradicional aos cultos semanais.

    ResponderExcluir
  10. Concluindo...

    "Este é um tipo de fundamentalismo que deve ser rechaçado por cristãos conscientes, que entendem que vivemos sob a égide da Graça e não da Lei."

    A meu ver, este tipo de fundamentalismo tem colocado boa parte da Igreja em pecado contra Deus.

    Lembro-me que, no começo dos anos 90, fui orientado na escola bíblica dominical contra o movimento de Nova Era, em que os movimentos ecológicos chegavam a ser demonizados. Como se, por trás das ONGs e dos ecologistas, estivesse um plano arquitetado pelos seguidores do anticristo afim de propagarem um movimento de adoração à natureza e de ecumenismo. Até a homeopatia, acupuntura e coisas que lembrassem culturas do Oriente eram vistos como sendo do diabo.

    Por esta causa, demorei alguns anos para finalmente aproximar-se dos ambientalistas, o que só veio a acontecer entre 1999/2001.

    Hoje, porém, tenho compreendido a questão ecológica sob outros pontos de vista de modo que o cuidado com a natureza integra-se plenamente ao Evangelho de Cristo Pois se trata da sobrevivência do planeta, da defesa da vida, da inclusão de todos os seres como nossos irmãos criados do pó da terra e do entendimento de que o homem é feito de húmus e que 'Adam' foi tomado de 'adamah', o que nos faz filhos da Terra, compreensão esta que é comum a diversas culturas do planeta. Assim como é comum a crença na existência do Ser transcendente que uns chamam de Tao, outros de Olorum e o hebraico de Iahweh. Bendito seja Ele!

    Ora, será que a Carta do Cacique Seatle foi coisa daquilo que os fundamentalistas bitolados entendem como a "nova era do anticristo"?

    Sinceramente, penso que não. Pois aquele velho índio, quando argumentou sobre a proposta de venda de suas terra aos norte-americanos, estava divinamente inspirado e deu para aquela geraçao e a nossa um recado bem profético.

    Portanto, é mesmo um absurdo o apedrejamento da orca. Pois um julgamento deste só pode ser coisa de quem não conhece a essência da Torah.

    ResponderExcluir
  11. Desculpe se eu me estendi nos comentários. Espero que o irmão não fique aborrecido comigo. Mas resolvi também aproveitar para desabafar o que sinto em relação à ignorância que tanto encotnro nas igrejas cristãs onde muitas pregações ouvidas por aí negam frontalmente o Evangelho.

    Um abraço e tenha uma semana abençoada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rodrigo, concordo c/ tudo q vc escreveu. E DIGO MAIS. MORTE É MORTE MESMO. CÃO,HOMEM, GALINHA TODOS TEM O MESMO FÔLEGO DE VIDA. O ESPÍRITO Q VOLTA A DEUS(q é o sopro de Deus. GENENIS DIZ Q O HOMEM SE TORNOU ALMA VIVENTE, E NÃO Q TEM UMA ALMA VIVENTE DENTRO DELE. É IGUAL AO ANIMAL SIM. E OS SALVOS NÃO VIVERÃO COMO UM FANTASMA NO CÉU, MAS NA TERRA TRANSFORMADA, JUNTO C/ ANIMAIS. AGORA EU CREIO Q PODERÃO VIAJAR PELO UNIVERSO A VONTADE, VISITANDO AS IMENSIDÕES Q DEUS CRIOU. Me chamo Maria Jemima.

      Excluir
  12. Eu compartilho a idéia de que nos Céus como na Terra restaurada existem animais.

    ResponderExcluir
  13. Anônimo8:11 AM

    De fato um assunto bem atual o que me deixa em atraso é perceber como utilizam a Bíblia como referencias afirmativas e ao mesmo tempo faz uso dela para descrédito como acreditar que o édem pode ser uma mitologia. Quem tem essa ótica logo não precisa se preocupar pois se não houve queda, então não houve erro e se não houve erro não há essa história de bem e mal,
    Mas sabendo que ou acredito nas Escrituaras até em seus pontos ou não acredito em nada porque o meio termo é reprovável por Ela mesma, e a resposta de tudo isso logo logo teremos querendo ou não saber. o mais importante nesse assunto é todos lutarmos pela vida seja de nós pensantes ou dos animais irracionais que muitas das vezes até parecem ser mais pensantes que o ser humano

    ResponderExcluir
  14. ''E vi o céu aberto, e eis um 'cavalo branco'; e o que estava assentado sobre ele chama-se Fiel e Verdadeiro; e julga e peleja com justiça. ''Apocalipse 19:11

    O''cavalo'' e não nuvem, disco voador, etc, h animais sim ,mas não como os conhecemos...leia mais um pouco da bíblia...

    ResponderExcluir
  15. Cleber8:10 AM

    Hermes, não é gozação, mas por favor enclua a mula sem cabeça.
    Me poupe!
    É claro que não vai ter animal!
    Somente os santos vão habitar na Nova Jerusalém, pois estão imaculados sem manchas e lavados no sangue do Cordeiro Jesus Cristo, os animais não.
    Os animais não vão ser glorificado, portanto todos os animais na terra estão contaminados pelo pecado como o homem.
    Meu irmão se no céu não entra pecado como um animal vai.
    Me mostra na bíblia que na Nova Jerusalém vai ter animal hermes!
    Se vc provar eu concordo com vc, sei que nunca vai provar esta tese sua!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo11:48 PM

      É incriível a estupidez, e a capacidade de certos animais humanos de querer ser melhor que os outros usando chacótas, esse tipo de animal não vai ao céu .

      Excluir
    2. Anônimo12:39 PM

      Os escarnecedores não herdarão o Reino de Deus!!!!!

      Excluir
    3. Anônimo6:52 PM

      Animais não sabem ler e a Bíblia foi escrita para os homens. Os animais não precisam ser santificados. Não imagino um céu sem natureza e não há natureza sem animais.

      Excluir
  16. Anônimo4:36 PM

    Claro que sim. Animais vão sim pro céu.

    ResponderExcluir
  17. Cleber8:41 PM

    ô anônimo me prove na bíblia por favor!
    Que animais vão para o céu.
    Primeiro que este céu que tem hoje não vai existir, será novos céus uma cidade que descerá que é a nova Jerusalém.
    Então por favor anônimo, me mostre na bíblia que animais vão habitar na nova Jerusalém.
    Agora se tiver um animal específico como eu disse, deve ser a mula sem cabeça.
    Que enteresse é este de saber se vai ter animais na nova Jerusalém, deixem isto para Deus, que não quer revelar ao homem, o mistério de Deus pertence a Ele, e não a nós criaturas.
    Vcs tem que pensar se seus nomes estão escritos no livro da vida, e se estão prontos para o arrebatamento de Jesus cristo, isto que é mais importante.

    ResponderExcluir
  18. Anônimo12:49 PM

    Cleber me responde uma coisa, qual seu entendimento da frase que Jesus disse para o ladrão q estava na cruz." hoje mesmo estarás comigo no paraíso". Pra onde Jesus iria depois da sua ressurreição? eu tenho a certeza que pro céu. E se ele iria, e foi; aonde estaria esse paraíso? me responde por favor.

    ResponderExcluir
  19. Cleber, meu caro, onde está na Bíblia que os animais pecam? Somente seres morais pecam. Os animais são dotados e guiados por instinto, e não por uma consciência moral. Se não fossem preciosos para o Senhor, Deus não os teria poupado do Dilúvio.

    ResponderExcluir
  20. Tremendo post!
    Amei a abordagem do irmão li, tudo que encontrei na busca, vou reproduzir no meu blog.
    É incrivel a vontade "humana EVANGÉLICA maligna" de condenar ao inferno, tudo que é diferente de sí!
    Porque, porque declarar "Jihad" até aos animais=criação, porque crer que a graça é melhor que desgraça é condenavel?!
    Dani Lima

    ResponderExcluir
  21. Anônimo12:58 PM

    Esse é um dos textos mais maravilhosos que você escreveu, Hermes.
    Desde criança fui levado a crer em um céu exclusivo para a única espécie merecedora: os crentes evangélicos.
    Foram anos e anos para mudar minha concepção sobre quem é verdadeiramente filho de Deus e, de quebra, tudo o que induzia a esse pensamento.
    Mas foi esse texto que finalmente preencheu as lacunas das minhas teorias.
    E mais.
    Tenho que te agradecer pois esse texto já me ajudou duas vezes.
    Ano passado (2011), em agosto, a cachorrinha basset dachshund da minha irmãzinha morreu de pneumonia viral no inverno com apenas 6 anos.
    Minha irmã tem apenas 11 anos e sentiu demais a perda de sua mascote.
    Imprimi esse texto e passei à ela. Quando ela terminou de ler, estava com lágrimas nos olhos mas com um sorriso de agradecimento no rosto.
    Hoje de manhã passei pela mesma situação. Alguns cachorros invadiram o quintal da casa da minha namorada e mataram sua coelhinha.
    Novamente, foi esse texto que conseguiu trazer algum consolo à ela.
    Não consigo mais crer em um novo céu e nova terra exclusivo à uma 'raça' de crentes.
    Também sei que a criação foi criada para louvor à Deus e o Pai sempre dará seu auxilio àqueles que Ele criou com todo o amor.
    Queria escrever mais coisas, mas já me estendi demais e você já escreveu tudo o que precisa ser escrito sobre o assunto.
    Um abraço
    Héber

    ResponderExcluir
  22. lindo demais o texto e repliquei no meu blog ih é claro postando a fonte...que Deus continue inspirando para belas postagens.

    ResponderExcluir
  23. Anônimo7:32 AM

    Despropósito esse texto... JESUS amado.. agora só falta fundar uma igreja pra pregar salvação dos bichinhos..
    E do jeito que a coisa anda vão vender pedaço de PETSHOP no céu dos bichinhos.. tsc..tsc....
    Quanta bubiça!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sueli Azevedo3:06 PM

      Realmente na primeira vez que o mundo foi destruido pelo dilúvio Deus "salvou" os animais na arca preservando as espécies, porém, o mundo será destruído novamente e dessa vez definitivamente e a terra será purificada de todo o pecado. Tudo será destruído e não ficará nem raiz nem ramo de acordo com apocalipse, inclusive os animais. Eles de fato não subirão ao céu como o homem salvo do pecado. Mas depois, o céu vai descer e irá ficar aqui na nova terra que Deus irá criar, assim como criará novos animais, dessa vez sem a selvageria que de uma certa forma representa a influência do mal, pois a bíblia afirma em Isaías 65:25
      O lobo e o cordeiro se alimentarão juntos, e o leão comerá feno, do mesmo modo que os bovinos se alimentam, e ainda O lobo conviverá com o cordeiro e o leopardo repousará junto ao cabrito. O bezerro, o leão e o novilho gordo se alimentarão juntos pelo campo; e uma criança os guiará.Is 11:6

      Excluir
  24. Anônimo1:41 AM

    Não sei porque algumas pessoas insistem em querer ser mais que os animais?! Ora,eles são criaturas de Deus e Deus não é como o homem que descarta as coisas,tudo o que Ele faz,Ele faz com propósitos.Com essa atitude,só me faz confirmar ainda mais algo sobre ALGUNS seres humanos: Como são egoístas,não?!!!! Se Deus prometeu o céu para nós (que somos imperfeitos,por que não haverá um lugarzinho para eles que em sua pequena passagem só nos ensinou o que é o amor?! Me expliquem pessoas sem coração?!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso aê!
      essa gente aunda vem pra cá querer evangelizar , falar do amor de Deus..
      Deus tenha piedade deles.

      Excluir
  25. Anônimo12:16 AM

    Após choro e triteza , estou toalmente triste por ser defençora de animais , e saber que a alma deles talvez não seja salva , estou muito mesmo , muito , muito mesmo triste e lagrimas correm com vontade em meu rosto ...

    ResponderExcluir
  26. Anônimo3:32 PM

    Olha amor incondicional mesmo fora o de Deus é dos animais para com seus donos.

    ResponderExcluir
  27. Ótimo blog!
    Excelente postagem!

    ResponderExcluir
  28. Anônimo9:39 PM

    Não sou erudito e nem teologo mas, eu creio que os animais não vão para o céu.
    No conhecimento q tenho da bíblia, esta escrito em quando ela fala que Jesus virá em cavalo branco nao quer dizer que terá animais no céu, mas, representa a glória do Senhor quando Ele voltar.
    E quando fala em Isaías 11.6-8 é somente uma comparação que no reino do Senhor haverá paz, e nao literalmente. A Bíblia é literária, mas também poetica.
    E quando Adão e Eva pecaram até mesmo a terra foi amaldiçoada, e o pecado cobriu toda a terra e tudo quanto nela há, quanto ao cuidado de Deus sobre os animais é o mesmo cuidado q tem por nós, sendo nós falhos e pecadores Ele cuida de nós como filhos por amor pois somos criatura sua.
    Mas não se pode definir que terá ou não terá, tem certas coisas q nos não convém saber, pensem, se a Bíblia afirmasse que os animais iriam ou não para o céu, que diferença faria para nós.
    O errado é discutirmos com nossos irmãos, ate mesmo brigar uns com os outros por uma coisa q nao nos edificara em nada.

    ResponderExcluir
  29. Leia Apocalipse 5 versiculos 11 e 13

    ResponderExcluir
  30. Maravilhosas e esclarecedoras observações embasadas na Palavra de Deus... Foi enriquecedor, e confortante, ler este artigo... Graça e paz, em nome de Jesus! Muito obrigada!

    ResponderExcluir
  31. Maravilhosas e esclarecedoras observações, baseadas na Palavra de Deus... Foi enriquecedor e gratificante ler este artigo! Muito obrigada! Graça e paz, em nome de Jesus!

    ResponderExcluir
  32. Prezado pr Hermes

    Fico consternado ao perceber seus artifícios para legitimar uma heresia, a começar pelo título da postagem: "Haverá animais no céu". Inteligente e perspicaz como você é, deve ter percebido que o papa afirmou que os animais irão para o céu, que é uma proposição muito diferente. Haver animais no céu é até aceitável se pensarmos que no novo céu e terra Deus irá criá-los novamente. Mas o conceito da ida do animal para o céu, conforme disse o papa, pressupõe a imortalidade da alma do animal, juntamente com suas lembranças, para posterior ressureição, o que é inaceitável do ponto de vista bíblico e teológico. Mas você não se importa com isso, e acaba, de alguma forma ratificando a heresia do papa, pois nem se dá ao trabalho de esclarecer que a presença de animais no céu é diferente da ida da alma dos animais para o céu. Certamente esse foi o seu propósito pastor Hermes. Concordar com o papa, mas de uma forma bem sutil. É uma tática bem característica daqueles que gostam de legitimar heresias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O ÚNICO HEREJE AQUI É VC CRISTIANO SANTANA, Q FAZ ESCÁRNIO DO PASTOR HERMES. DEUS DIZ Q ESCARNECEDORES NÃO SE SALVARÃO. E TAMBÉM, TRATA ANIMAIS COMO ALGO SEM VALOR PRA DEUS. VC NO FUNDO NÃO SABE O Q É SER CRISTÃO. NÃO É DE SE ESPANTAR COMO A MAIORIA DOS CRENTES SÃO PRESUNÇOSOS FEITO VC.E VC NADA ENTENDE DA BÍBLIA, DE FATO É UM CRENTE PRESUNÇOSO. O HOMEM NÃO POSSUI 1 ALMA IMORTAL. se fosse assim, ele se lembraria de coisas antes de nascer. GENESIS DIZ Q O HOMEM SE TORNOU ALMA VIVENTE, E NÃO Q ELE TEM 1 ALMA DENTRO DELE DEPOIS Q ELE MORRE. É COMO SALOMÃO DIZ; MORRE 1 CÃO É IGUAL COMO MORRE UM HOMEM. O SOPRO, OU FOLEGO OU ESPÍRITO VOLTA PRA DEUS. E O CORPO SE TORNA PÓ.

      Excluir
  33. Parabéns! Ótima hermenêutica pegar um texto poético e fazer uma doutrina! Eu aprendi no curso teológico que não se faz doutrina de textos poéticos, e basear em somente um texto para afirmar que os animais tem espírito é bem complicado, creio que haverá animais no milênio, mas não vejo razão de haver animais doméstico na Jerusalém celestial, onde será morada da igreja!. Temos que cuidar dos animais, da natureza e da criação, mas tentar fazer uma doutrina para provar que os animais tem espírito é uma grande eisegese!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ANDERSON, VC PRECISA ESTUDAR MAIS A BÍBLIA.E SER MAIS HUMILDE. VCS CRENTES ACHAM Q SABEM DE TUDO. O HOMEM NUNCA POSSUIU UMA ALMA IMORTAL. O HOMEM NÃO POSSUI 1 ALMA IMORTAL. se fosse assim, ele se lembraria de coisas antes de nascer. GENESIS DIZ Q O HOMEM SE TORNOU ALMA VIVENTE, E NÃO Q ELE TEM 1 ALMA DENTRO DELE Q SAI DEPOIS Q ELE MORRE. É COMO SALOMÃO DIZ; MORRE 1 CÃO É IGUAL COMO MORRE UM HOMEM. O SOPRO, OU FOLEGO OU ESPÍRITO VOLTA PRA DEUS. E O CORPO SE TORNA PÓ.

      Excluir
  34. O que vou relatar aconteceu a um bom tempo atrás.
    Lembro-me que certo dia, quando saia da minha casa, deparei com uma cachorrinha de cores malhadas de branco e preto, tamanho médio, deitada em minha calçada. Logo que a vi me apaixonei por ela. Havia uma certa ternura em seu olhar e uma certa delicadeza em seu porte. Me aproximei dela, e ela veio em minha direção abanando o seu rabinho, toda feliz como se nos conhecêssemos há muito tempo.
    Logo tratei de alimentá-la e lhe dar àgua. E assim fiz por alguns poucos dias. Quando saía para as compras, ela vinha atrás de mim toda satisfeita. Só que às vezes não permitia e ralhava com ela para ficar, pois ia atravessar avenidas perigosas e receiava de que fosse atropelada. Ela então, submissa, voltava e ia ficar deitadinha na calçada em frente ao meu portão, esperando até eu voltar.
    Tinha grande desejo de pegá-la para criá-la, mas não podia de jeito nenhum. Tenho um filho que sofre de renite alérgica. Ele tem forte alergia a mofo, àcaros, poeiras e pelos de animais, e quando entra em crise, seu quadro complica, surgindo outros tipos de doenças. Tanto que no seu quarto não se tem cortinas e suas cobertas têm que ser somente edredons.
    Do lado de minha casa há uma cobertura e durante a noite ela ia dormir lá. Era época de tempo quente.
    Até que um dia, preocupada com a situação daquele bichinho, conversando com uma amiga, perguntei-lhe se ela conhecia alguém que estivesse disposto a criar uma cachorrinha. Ela me respondeu que talvez uma conhecida sua iria interessar por ela.
    Dias depois, sua amiga apareceu aqui em casa para ver a cachorrinha e acabou levando-a para criar. Levou-a em seus braços, e pude sentir em seu olhar a tristeza da despedida. Mas mesmo assim fiquei contente, pois ela ia ter um lar para ficar.
    Passados uns dias, resolvi passar na rua daquela moça, aonde estava a cachorrinha, só para vê-la. Mal cheguei em frente ao portão, quando ouvi o barulho das suas patinhas pularem no portão, já pressentindo a minha presença. Fiz carinho nela, e ela toda feliz abanando o seu rabinho, correspondia ao meu carinho.
    Confesso que passei por lá várias vêzes, mas de longe, pois queria que ela se acostumasse com a sua dona.
    Um dia não a vi lá na frente, na garagem, e pensei: "Vai ver que está nos fundos ou dentro de casa." Passei novamente lá, e ela não estava...
    Quando foi um dia, encontrando com aquela minha amiga, comentei com ela sobre a ausência da cachorrinha, e ela triste, não querendo me dizer, me contou algo que me deixou profundamente triste e isolada.
    Em frente à casa daquela moça há uma praça onde haviam alguns cachorros abandonados, e um grupo de pessoas cuidava deles com alimentos e até consultas com veterinário se fosse necessário.
    Num daqueles dias deixaram o portão aberto e a cachorrinha atravessou a rua e foi para aquela praça junto com aqueles animais. E justamente naquele dia haviam colocado veneno nos alimentos daqueles bichinhos, e ela acabou também comendo.
    Quando as pessoas perceberam que os cachorros estavam envenenados tentaram salvá-los correndo com eles para o veterinário. Alguns conseguiram escapar, mas ela não resistiu e veio a falecer.
    Aquela cachorrinha nunca saiu da minha memória. Todas as vezes que me lembrava do ocorrido, ficava muito triste.
    Até que, passados alguns anos, aconteceu algo que me deixou bastante surpresa:
    Estava deitada, acordada, quando derepente tive uma visão do mundo espiritual: via um ser, embora não pudesse ver a sua face, mas percebi que se tratava de um ser feminino, e aninhado em seus braços via uma cachorrinha de tamanho médio, nas cores preto e branco, toda feliz e confortável naquele aconchego. E imediatamente reconheci quem era ela: era a minha querida e amada cachorrinha que havia morrido envenenada. Ela estava em algum lugar e estava muito feliz!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu texto acalentou meu coração. Estou muito triste por ter pedido meu filhinho Mike mas nesse texto senti que ele não morreu e sim apenas mudou de lar. Obrigada!

      Excluir
    2. Sônia POR FAVOR preciso compartilhar algo com vc, li este testemunho e fiquei MUITO FELIZ passe seu e-mail

      Excluir
  35. O que vou relatar foi uma das coisas mais curiosas que me aconteceu no que se refere à animais . Aconteceu há mais de 15 anos , e acredito que não foi um simples sonho.
    Uma família conhecida possuía um cachorro o qual lhe darei o nome de Vic. Era um animal de porte grande de pelos cor castanhos. De vez em quando o via na frente de sua casa, no portão , observando o movimento da rua e latindo para as pessoas que passavam muito próxima ao portão. Quando não estava na frente , ficava nos fundos da casa.
    Bem , quando foi um dia , seus donos estavam chegando e ao abrirem o portão para colocarem o carro , Vic escapou subindo a rua num desespero , numa corrida desenfreada. Então , seus donos manobraram o carro e foram atrás dele. Passaram uns vinte minutos , quando retornaram , mas , sem o cachorro.
    Foi então que , sua dona me contou que, quando o alcançaram numa das travessas aqui do bairro , que foram em direção para pegá-lo , este com muita fúria , mostrando os dentes , começou a rosnar para eles , em sinal de querer atacar. Tentaram várias vezes , mas o comportamento foi o mesmo : de ataque! Até que o cachorro pôs se a correr , ficando longe do alcançe deles. Então desistiram e voltaram para casa um tanto ressentidos.Mas, uma pergunta me martelava: Por que ele fugiu?
    Passados não muitos dias , Vic apareceu no meu sonho. Foi muito real. Vi quando se aproximou de mim . Se ergueu e por ser de grande porte , colocou suas duas patas em meu ombro. Estávamos embanhados por uma certa claridade. Foi então que envolvida numa espécie de "compreensão" , sentindo seus sentimentos e compreendendo a sua "linguagem" , recebi a sua mensagem numa espécie de telepatia que " naquele dia havia fugido , por que não estava contente no ambiente que vivia. Sentia desprezado e tratado com uma certa frieza. Que queria mesmo viver na rua com liberdade e que tinha tentado várias vezes fugir , mas naquele dia tinha dado certo."
    Foi então que percebi no sonho que ele havia morrido!
    Acreditem se quiser , todos têm esse direito , mas houve uma comunicação entre meu ser e o espírito daquele animal! Abs.

    ResponderExcluir
  36. SE o Prof. Hermes permitir , quero pedi-lhe licença para o último relato:

    Caros leitores:
    Essa experiência que pretendo narrar é uma das quais mais relutava em compartilhar, devido à dificuldade de encontrar as palavras certas para descrevê-la, e talvez, porque alguns teriam dificuldades em acreditar; mas afirmo que foi verídico, e se alguém não crêr, não posso fazer nada.
    Embora tente descrevê-la da melhor maneira possível, creio que mesmo assim não conseguirei transmitir a beleza e o sublime do que vivenciei aquela noite no ano de 1997.
    Lembro-me que num certo dia levantei-me de manhã sentindo uma opressão inexplicável. Procurei motivos para tal situação, mas não encontrei nenhum motivo sério que pudesse estar desencadeando algum sentimento de preocupação, e com isso vir a me afligir. Aparentemente parecia que estava tudo bem.
    Passei o dia todo assim, sem entender o que estava acontecendo e não comentei nada com ninguém. Quando saía para a rua para fazer alguma coisa, me sentia bem, mas quando voltava para casa, começava aquela opressão. O problema era dentro da minha casa. Sentia uma tristeza profunda e não sabia a origem daquilo.
    Quando chegou a noite, lá para as 10 horas, coloquei o meu filho pra dormir em seu quarto. Após umas 3 horas também me diriji aos meus aposentos para dormir; meu esposo ficou na sala assistindo televisão.
    Fiz a minha oração ajoelhada como de costume, mas aquela opressão não me deixava de jeito nenhum.
    Em certo momento, ainda em oração, indaguei ao Senhor Jesus qual era o motivo de tudo aquilo e que Ele, por misericórdia, me mostrasse de onde provinha toda aquela tristeza que estava sentindo.
    De repente o véu é retirado, e tive a visão do mundo espiritual bem estampado na minha frente.
    Vi dezenas de aves semelhantes a morcegos e corvos voando em circulo, abaixo do teto do meu quarto. Fiquei olhando para aquilo sem poder fazer nada. Lembro-me que, diante de tal cena exclamei:
    - Ah, Senhor, então era isso? E agora, como vou espantar essas aves?
    Quase no mesmo instante, contemplei vindo do alto, em minha direção, uma ave de grande porte, extremamente bela e radiante, como nunca vi igual na Terra. Ela parecia ser toda feita de luz.
    Essa ave pairou sobre o meu quarto e começou a empurrar com suas asas brilhantes aquelas aves, como que dando ordens para que se retirassem da minha casa.
    Nisso, vi aquelas aves voando, indo embora à direita do meu quarto, e vem em minha mente que eles iam sobrevoar também o quarto do meu filho, e exclamei:
    - Meu filho!
    Aquela belíssima ave permaneceu no ar como que observando as outras se retirarem. Pouco depois a visão foi encerrada, e ainda me encontrando ajoelhada, agradeci à Deus pela sua bondade e misericórdia, por ter me mostrado aquela bela visão, embora não fosse merecedora.
    Me levantei da oração e quando olhei para a entrada do meu quarto vi o meu filho parado, com os olhos arregalados, pálido, sem dizer uma palavra.
    Preocupada, fui até ele, abracei-o e lhe disse calmamente que tudo estava bem, que já tinha passado... Ele foi ficando mais calmo, e voltou a dormir.
    No dia seguinte acordei com uma sensação maravilhosa de paz.

    ResponderExcluir
  37. Sinto falta dos vídeos #CÁENTRENÓS. :)

    ResponderExcluir
  38. Houve alguma proibição de Deus aos animais no Éden que eles tenham descumprido?

    Se não houve descumprimento de ordem não houve desobediência, logo não houve pecado.

    Se não pecaram, só estão nesse mundo em função do nosso pecado, ou seja, foram amaldiçoados por nossa causa. Se não pecaram não precisam de salvação, o lugar deles é no Paraíso!

    Diante disso, não nego que durante a história da humanidade tenha havido a necessidade de consumo de carne ou uso de cobaias, mas, hoje em dia, milhões de pessoas são vegetarianas ou veganas, nossa consciência cristã não deveria nos levar a pararmos de matar e torturar animais e obedecermos ao Criador que determinou que só nos alimentássemos de vegetais?
    Genesis 1.29 E disse Deus ainda: Eis que vos tenho dado todas as ervas que dão semente e se acham na superfície de toda a terra e todas as árvores em que há fruto que dê semente; ISSO VOS SERÁ PARA MANTIMENTO.
    A ausência de pecado nos animais me parece indiscutível, logo a inexistência da necessidade de salvação está dada pela ausência do fato gerador do erro ensejador da pena de morte a ser perdoada!

    ResponderExcluir
  39. Lalau3:51 PM

    Hermes! Primeiramente vc e seus seguidores incultos bíblico estão totalmente errados.
    A bíblia diz que no céu não entra pecado, e diz também que corpo e sangue herdará o reino dos céus, os animais tem corpo e sangue como fica isto aí hein? Hermes.
    Portanto seja lúcido Hermes, e veja que teremos novo céu e nova terra, então não é no céu como vc disse que os animais irão, olha aí uma controvérsia sua, teremos uma nova terra onde vamos morar, não vamos mora no céu, vamos morar na nova terra a nova Jerusalém que descerá do céu.
    Vc disse que os animais irão para o céu pelo que está escrito aí, a bíblia diz que ninguém subiu ao céu senão aquele que desceu, Jesus Cristo.
    Se vai ter animais no céu como vc disse, então no céu vai terá veterinário para cuidar deles, não é mesmo hehehe, quanta asneira escrita.
    Quanta bobagem falada aí!
    Eu não quero saber se no céu vai ter animais, tenho que saber se estou pronto e santificado para encontrar com meu Senhor Jesus Cristo. Se no novo céu e na nova terra terá animal, aí só saberemos quanto estivermos lá.
    Se alguém está querendo saber se no novo céu e na nova terra vai ter animais, pergunte a Deus que Ele vai te dar a resposta: Ó criatura! Podes tu contentar com teu criador? Eu sou Deus o criador do céus e da terra e tudo que nela há, e fica na sua.
    Hermes, os animais não pecam, mas estão contaminados pelo pecado do homem, toda terra está contaminada pelo pecado.
    É por isso que nosso corpo será glorificado.
    Se vai ter animais no céu o Hermes sabe que vai! Ele é o professor. Hermes, assim não dá! Heresia não! Escrever o que vc não sabe também não! Deixa isto para Deus, ele que fez a natureza os animais, o o lixo humano.

    ResponderExcluir
  40. Anônimo2:06 PM

    Escrevi e quero corrigir, acrescentar aí na frase que falei que: Corpo e sangue não herdará o reino dos céus.
    Os animais tem corpo e sangue ok? Portanto não herdará o reino dos céus.
    O ser lixo humano tem corpo e sangue certo?
    Mas somente herdará o novo céu e nova terra os cristãos que santificaram suas vidas na Palavra de Deus e no sangue do Cordeiro Jesus Cristo, que renunciaram totalmente o mundo e seus prazeres.
    Portanto Hermes e cia, vamos ser arrebatados e encontrar com Jesus nos ares, é por isso que nosso corpo será glorificado, no céu não entra pecado.
    Agora na nova terra a nova Jerusalém, aí será a nossa morada para sempre com a Trindade Santa.

    ResponderExcluir
  41. Irmão, o link abaixo mostra um ponto de vista interessante sobre esse assunto também:

    http://www.ensinamentosdabiblia.com/2015/12/os-animais-vao-para-o-ceu.html

    Que Deus abençoe você e sua família.

    ResponderExcluir
  42. Ola ,com base nisto me surgiu uma duvida. No céu os animais poderam falar?,nós seres humanos poderá entender o que os animais falam ?essa duvida não me deixa dormir,pois fico pensando o seguinte:tudo é possivel para deus e ele conhece o coração de cada um!e tudo que amamos estará lá !isso não tenho nenhuma duvida e é uma prova concreta que vai haver animais no céu!agora ele podera conceder o desejo do coração do justo!então se esse desejo for do coração sera que ele o concederá?sempre foi meu sonho poder comversar entender um animal isso é um desejo muito forte em meu coração!eu gostaria que o senhor pudesse tentar esclarecer essa duvida !com todo respeito com seu trabalho!

    ResponderExcluir
  43. Olá Isaque. É plausível supor que haverá a possibilidade de comunicação entre humanos e animais no porvir. Mesmo porque, já tivemos uma amostra grátis disso quando a mula de Balaão profetizou. Obrigado pelo comentário.

    ResponderExcluir
  44. Ednel Faria10:38 PM

    Meu Deus Amados quantas pessoas confundindo os acontecimentos Milenistas com os acontecimentos de Novo Céu e nova terra...
    Textos como Is 65 fala claramente do Milênio e não ditamente do Céu...
    Vamos ler o contexto do texto pra não propagar uma heresia...Deus é justo em tudo e Ele realizará sua vontade isso não cabe a nós seres humanos ficarmos alfinetando uns ao outros aqui querendo ser melhor que o outro...A Paz a Todos...

    ResponderExcluir
  45. Pastor muito inteligente ,sempre abordando temas interessantes ,vejo muitos crentes que amam seus animais e tem essa mesma dúvida,algo normal,eu tb sou evangelico, e para mim sempre foi muito estranho a maneira fria e a indiferenca q os crentes tratam de assuntos relacionados aos animais,me sentia decepcionado na verdade.Creio sim que Deus na sua infinita justica e bondade guardará um lugar para seus animais.Pena ,n ter uma igreja do senhor em São Paulo.

    ResponderExcluir
  46. Anônimo12:07 PM

    Pastor muito intelignte,sou evangelico e sempre ameis os animais,mas me sinto muito decepcionado com a indiferenca e frieza que os crentes tratam de assuntos referentes aos animais,sendo que muitos evangelicos amam os bichos e tb tem essa mesma dúvida,claro que Deus em sua infinita bondade guardará um lugar para seus animais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SIM ANONIMO EU TAMBÉM REPAREI ISSO. OS BUDISTAS E ESPÍRITAS DÃO MUITO MAIS VALOR AOS ANIMAIS DO Q OS DITOS CRISTÃOS.e só pra esclarecer: O HOMEM NUNCA POSSUIU UMA ALMA IMORTAL. O HOMEM NÃO POSSUI 1 ALMA IMORTAL. se fosse assim, ele se lembraria de coisas antes de nascer. GENESIS DIZ Q O HOMEM SE TORNOU ALMA VIVENTE, E NÃO Q ELE TEM 1 ALMA DENTRO DELE Q SAI DEPOIS Q ELE MORRE. É COMO SALOMÃO DIZ; MORRE 1 CÃO É IGUAL COMO MORRE UM HOMEM. O SOPRO, OU FOLEGO OU ESPÍRITO VOLTA PRA DEUS. E O CORPO SE TORNA PÓ.

      Excluir

  47. Parabéns por abordar um tema q para muitos cristaos é importante,pena n ter uma igreja assim em Sao Paulo

    ResponderExcluir
  48. Não comungo com os dogmas cristãos a cerca de céu e inferno, mas me aproximo bastante com a percepção do Hermes a cerca da natureza espiritual compartilhada entre as espécies, conclusão que eu chego apenas por raciocínio próprio, por não visualizar nenhum apoio lógico do postulado de um protagonismo antropocêntrico. Qualquer que seja a experiência metafísica que aguarde os cães ou os hominídeos, evidentemente que não serão discrepantes quanto a sua natureza.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O HOMEM NUNCA POSSUIU UMA ALMA IMORTAL. O HOMEM NÃO POSSUI 1 ALMA IMORTAL. se fosse assim, ele se lembraria de coisas antes de nascer. GENESIS DIZ Q O HOMEM SE TORNOU ALMA VIVENTE, E NÃO Q ELE TEM 1 ALMA DENTRO DELE Q SAI DEPOIS Q ELE MORRE. É COMO SALOMÃO DIZ; MORRE 1 CÃO É IGUAL COMO MORRE UM HOMEM. O SOPRO, OU FOLEGO OU ESPÍRITO VOLTA PRA DEUS. E O CORPO SE TORNA PÓ.os salvos viverão na terra renovada e não num céu como fantasmas. e na terra haverá animais. agora eu creio Rodolfo, q os salvos poderão conhecer a imensidão universo de Deus

      Excluir
  49. Carla Costa4:32 PM

    Nunca havia pensado dessa forma! E com tantos versículos contundentes, mostrando que sim, o céu tem animais! Ainda estrou processando a mensagem mas, sem dúvida, a sua abordagem está bem fundamentada na Bíblia. Parabéns pelo insight de desenvolver esse tema, tão pouco comentado por outros especialistas em Exegese Bíblica.

    ResponderExcluir
  50. Anônimo8:00 AM

    Gostei de seu texto, tem lógica. Parabéns!

    ResponderExcluir
  51. Anônimo2:32 PM

    Os animais partem maus cedo,porque são puros e acredito sim que teremos todos os nossos conosco.

    ResponderExcluir
  52. Os animais irracionais matam para sua sobrevivencia, enquanto o homem mata por nada...quem eh o irracional? Deus me livre de nao ter animais no ceu, meu maior sonho eh depois da minha morte fisica e se por merecimento for pro ceu, quero poder encontrar-me com meus bichinhos que ja se foram e afagar uma juba de leao e outros animais aqui considerados ferozes.

    ResponderExcluir
  53. Deus me livre de nao ter animais no ceu. Meu maior sonho quando da minha morte fisica e ter o merecimento do ceu, e encontrar meus bichinhos de estimaçao e afagar a juba de leao e outros animais. Alias, os animais considerados irracionais sao os unicos animais que matam para sua sobrevivencia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SANDRA; O HOMEM NUNCA POSSUIU UMA ALMA IMORTAL. O HOMEM NÃO POSSUI 1 ALMA IMORTAL. se fosse assim, ele se lembraria de coisas antes de nascer. GENESIS DIZ Q O HOMEM SE TORNOU ALMA VIVENTE, E NÃO Q ELE TEM 1 ALMA DENTRO DELE Q SAI DEPOIS Q ELE MORRE. É COMO SALOMÃO DIZ; MORRE 1 CÃO É IGUAL COMO MORRE UM HOMEM. O SOPRO, OU FOLEGO OU ESPÍRITO VOLTA PRA DEUS. E O CORPO SE TORNA PÓ. por tanto os salvos viverão é numa terra renovada e não no céu como fantasmas. haverá animais na terra renovada. e eu creio q os salvos poderão viajar pela imensidão do universo de Deus.

      Excluir