segunda-feira, novembro 30, 2009

2

Exmos e Revmos Corruptos

Gostaria de agradecer aos excelentíssimos deputados e reverendíssimos pastores que protagonizaram mais um escândalo de corrupção, desta feita em Brasília, nossa Capital.

O povo que vos elegeu está muito orgulhoso de vós. Foi para isso que fostes levantados nesta nação! Para honrar a confiança de vossos eleitores e glorificar o nome de vosso Senhor. Pois o nome de Jesus foi mais uma vez exaltado (ou seria "achincalhado"?).

Pedro já nos havia advertido acerca de vós:"...por causa deles será blasfemado o caminho da verdade. Por ganância farão de vós negócios, com palavras fingidas" (2 Pe.2:2-3). Pena que a maioria não deu ouvidos à esta admoestação.

Que coisa linda foi ver-vos orando, agradecendo a Deus pela propina que recebestes, e ainda por cima, rogando a Deus para que tratasse com vossos adversários. Que lástima! É assim que aliviais a vossa consciência?

Este é o cristianismo dos meus pesadelos! Uma caricatura barata e mal acabada. Uma versão forjada nos infernos!

Quem é esse "deus" a quem vós orastes, afinal? Seria o Deus das Escrituras? Acredito que não! Pois vede o que Ele mesmo diz sobre o que tens feito:

“Os teus príncipes são rebeldes, companheiros de ladrões; cada um deles ama o suborno, e corre atrás de presentes. Não fazem justiça ao órfão, e não chega perante eles a causa das viúvas.” Isaías 1:23

“Também suborno não aceitarás, pois o suborno cega os que têm vista, e perverte as palavras dos justos.” Êxodo 23:8

O ímpio aceita o suborno em secreto, para perverter as veredas da justiça.” Provérbios 17:23

Não, meus caros! Vosso deus é Mamom. Deus vos chama de "ímpios", como podemos considerar-vos "justos", ou mesmo "cristãos"?

De fato, nada há oculto que não seja revelado; chegou a vossa vez de serdes expostos à avaliação daqueles que vos elegeram.

E quanto aos líderes que vos empurraram guela dentro de seus fiéis para que vos desse o voto? Como se explicarão agora? Como encararão seu rebanho depois de lhes hipotecar a palavra?

Não esquetem, não! O de vocês está guardado: "Para eles o juízo lavrado há longo tempo não tarda, e a sua destruição não dorme" (2 Pe.2:3).

Vocês podem até escapar ilesos da justiça humana, principalmente num País onde tudo acaba em pizza. Mas não escaparão da justiça divina.

Se Deus não poupou nem os anjos que pecaram, vocês acham que serão poupados?

Veremos.

Do jeito que as coisas estão, eu não duvido que alguns desses deputados/pastores já até deram testemunho em suas igrejas das vitórias financeiras (propinas) que receberam em nome de Gizuz. Já assisti a uma cena dessas... acreditem. E o povo só dizia "aleluia"!

Que o precioso óleo de peroba reluza em vossos rostos, revelando vossa verdadeira face.

2 comentários:

  1. Simplesmente vergonhoso! Como reformado defendo a separação total entre igreja e estado; mas defendo também que homens de Deus (não necessariamente postores) devem assumir cargos publicos. Contudo, a experiência tem demonstrado o seguinte: l)A esmagadora maioria da bancada evangélica está envolvida em escândalos e agora mais esse. 2) Não basta ser "evangélico" para fazer um bom trabalho em cargos públicos. Max Weber, cientificamente comprova que os protestantes calvinistas promovem justiça social e desenvolvimento econêmico e intelectual. Portanto, caros calvinistas, esses corruptos nojentos travestidos de "crentes" estão lá por causa de nossa omissão.

    ResponderExcluir
  2. Texto sensacional!!! Parabéns pelo blog e principalmente por essa postagem!!!

    Que Deus continue o abençoando e usando dessa forma...

    A Paz

    ResponderExcluir