terça-feira, março 10, 2015

41

Ordenação Feminina – Respondendo às Objeções

 Por Hermes C. Fernandes

Devo confessar: não podia supor que meu artigo sobre ordenação feminina provocaria tantas reações. Só no facebook foram mais de cem comentários. Preferi não respondê-los através de comentários, mas através de um segundo artigo.

Há várias passagens usadas como objeção à ordenação feminina. Examinemos duas delas:

1 – Paulo dá instrução apenas a bispos e diáconos homens

A passagem mais usada para esta objeção é a de 1 Timóteo 3:1-13.  Paulo diz que quem quer que aspire ao episcopado “excelente obra deseja.” Em seguida, ele apresenta alguns requisitos básicos para quem pretenda exercer tal ministério. Entre eles, o bispo deveria ser “irrepreensível, marido de uma só mulher, temperante, sóbrio, ordeiro, hospitaleiro, apto para ensinar; não dado ao vinho, não espancador, mas moderado, inimigo de contendas, não ganancioso; que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com todo o respeito {pois, se alguém não sabe governar a sua própria casa, como cuidará da igreja de Deus?}; não neófito, para que não se ensoberbeça e venha a cair na condenação do Diabo. Também é necessário que tenha bom testemunho dos que estão de fora, para que não caia em opróbrio, e no laço do Diabo.” Critérios semelhantes são adotados na escolha dos diáconos, que deveriam ser “sérios, não de língua dobre, não dados a muito vinho, não cobiçosos de torpe ganância, guardando o mistério da fé numa consciência pura. E também estes sejam primeiro provados, depois exercitem o diaconato, se forem irrepreensíveis.” Se a recomendação paulina terminasse aqui, poderíamos supor que tais ofícios só poderiam ser exercidos por homens. Entretanto, Paulo prossegue: “Da mesma sorte as mulheres sejam sérias, não maldizentes, temperantes, e fiéis em tudo.” Preste atenção nisso: Paulo não mudou o foco. O assunto continua sendo o exercício do ministério, seja como bispo (ou pastor, se preferir), ou como diácono. A expressão “da mesma sorte” indica continuidade de raciocínio. Após este verso, Paulo prossegue falando do ofício diaconal, e termina seu raciocínio afirmando que seu objetivo era que Timóteo soubesse como proceder na Casa de Deus.

Todos sabemos que Paulo jamais trabalhou sozinho. Ele sempre reconheceu a ajuda recebida de seus “cooperadores no Evangelho”. Homens do quilate de Tito e Timóteo, ambos pastores, receberam esta alcunha. Repare nas passagens abaixo:

“E enviamos Timóteo, nosso irmão, e ministro de Deus, e nosso cooperador no evangelho de Cristo, para vos confortar e vos exortar acerca da vossa fé”. 1 Tessalonicenses 3:2

“Quanto a Tito, é meu companheiro, e cooperador para convosco; quanto a nossos irmãos, são embaixadores das igrejas e glória de Cristo.” 2 Coríntios 8:23

O mesmo adjetivo usado para esses dois pastores, fora usado também para designar mulheres que cooperavam com Paulo na propagação do Evangelho:

“E peço-te também a ti, meu verdadeiro companheiro, que ajudes essas mulheres que trabalharam comigo no evangelho, e com Clemente, e com os outros cooperadores, cujos nomes estão no livro da vida.” Filipenses 4:3

Que tipo de cooperação essas mulheres davam? Apenas recursos materiais? Assistência aos cultos? Distribuição de folhetos? Regência de corais? Secretaria? Creio que não. No dizer do apóstolo, elas trabalhavam com ele no evangelho.

2 – A ordem bíblica é que as mulheres se mantenham caladas na igreja

"Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos, mas (como convém a mulheres que fazem profissão de servir a Deus) com boas obras. A mulher aprenda em silêncio, com toda a sujeição. Não permito, porém, que a mulher ensine, nem use de autoridade sobre o marido, mas que esteja em silêncio. Porque primeiro foi formado Adão, depois Eva. E Adão não foi enganado, mas a mulher, sendo enganada, caiu em transgressão. Salvar-se-á, porém, dando à luz filhos, se permanecer com modéstia na fé, no amor e na santificação.” 1 Timóteo 2:9-15

O verbo hesuchazo, traduzido aqui como “estar em silêncio” (também traduzido como ‘descansar’) é usado cinco vezes no Novo Testamento, e expressa três ideias básicas: a primeira é guardar silêncio para evitar uma confrontação direta (Lucas 14:4); a segunda, guardar silêncio para pôr fim ou manter sob controle uma discussão (Atos 11:18; 21:14); a terceira tem o sentido de permanecer inativo, isto é, em descanso. Esse é o significado da palavra em Lucas 23:56, em que as mulheres “descansaram [ficaram em silêncio] no sábado em obediência ao mandamento”. Paulo usa esta palavra num sentido mais ético, como uma virtude cristã, algo que todos os crentes deveriam cultivar. Em I Tessalonicenses 4:10b-12, por exemplo, lemos:

“Exortamo-vos, porém, irmãos, a que ainda nisto abundeis cada vez mais, e procureis viver quietos, tratar dos vossos próprios negócios, e trabalhar com vossas próprias mãos, como já vo-lo mandamos, a fim de que andeis dignamente para com os que estão de fora, e não tenhais necessidade de coisa alguma.”
A vida cristã, portanto, deveria ser tranquila/silenciosa, isto é, livre de controvérsias inúteis. Na maioria das vezes, o verbo é utilizado em situações nas quais existem tensões e/ou controvérsias. Portanto, ele aponta para um tipo específico de silêncio, e não necessariamente a ausência de palavras. Um exemplo disso é o episódio em que a igreja de Jerusalém ouve a explanação de Pedro sobre a polêmica introdução do evangelho aos gentios. Repare o que diz o texto:
“Ouvindo eles estas coisas, apaziguaram-se (hesuchazo/silenciaram-se) e glorificaram a Deus, dizendo: Assim, pois, Deus concedeu também aos gentios o arrependimento para a vida.” Atos 11:18
Como eles puderam glorificar a Deus estando calados? O estar em silêncio aqui significa tranquilizar-se acerca de um assunto. Cessou-se a polêmica, e como resultado, todos começaram a glorificar a Deus.

A forma substantiva hesuchios, que aparece duas vezes no NT, é usado basicamente da mesma forma. Indicando, em primeiro lugar, o silêncio que põe fim a uma discussão (Atos 22:2). Em segundo, evitando declarações controversas e ofensivas (1 Timóteo 2:11-12). Por fim, ele designando a calma da vida cristã que evita dividir a comunidade dos fiéis.

Nesse mesmo sentido encontramos o adjetivo hēsychios, traduzido como “tranquilo, quieto”. Pedro faz uso dele ao recomendar que as mulheres se adornassem com um “espírito dócil e tranquilo” (1 Pedro 3:4). Já Paulo recomenda que este tipo de docilidade e calma seja característica de todos os crentes (1 Tm. 2:2) Todos, independentes de gênero, devem buscar “uma vida tranquila e sossegada, em toda a piedade e honestidade”. Tendo isso em mente, concluímos que em 1 Timóteo 2:11-12,  Paulo demonstra estar preocupado em poupar a igreja de controvérsias desnecessárias. No verso 8, Paulo exorta os homens a orarem “sem ira nem contenda”. Concernente às mulheres, sua preocupação era com as reações e atitudes que provocassem divisões. A fim de evitá-las, ele as admoesta a “aprender em silêncio, com toda a sujeição”, algo que era esperado de um discípulo, independente de ser homem ou mulher. O que Paulo proíbe é a fala de uma estudante que possa interromper ou atrapalhar o processo do aprendizado, garantindo assim o direito dos outros de ouvir e aprender. Algo semelhante ao que um professor faz em nossos dias, exigindo disciplina de sua classe. Portanto, a frase “esteja em silêncio”  não significa que elas devessem permanecer mudas, e sim que declarações controvérsias seriam inaceitáveis. E por que Paulo referiu-se especificamente às mulheres? Possivelmente porque algumas delas já haviam se tornado o alvo de falsos mestres e seus ensinamentos, conforme conferimos em 2 Timóteo 3:6. Como resultado, elas estariam promovendo controvérsias na igreja.

Creio que o mesmo princípio se aplique perfeitamente a 1 Coríntios 14:34-35:
“As vossas mulheres estejam caladas nas igrejas; porque não lhes é permitido falar; mas estejam sujeitas, como também ordena a lei. E, se querem aprender alguma coisa, interroguem em casa a seus próprios maridos; porque é vergonhoso que as mulheres falem na igreja.”
Se, de fato, fosse vetada a participação feminina nos cultos, não faria qualquer sentido Paulo recomendar nesta mesma epístola que as mulheres, ao profetizarem, o fizessem com a cabeça coberta (1 Co.11:4-5). Nesta passagem, fica claro que tanto homens quanto mulheres tinham o direito a falar. A menos que alguém profetizasse usando linguagem de sinais.

O que Paulo busca salvaguardar neste texto em particular é a honra dos maridos, que, de acordo com a etiqueta vigente naquela sociedade, seria questionada caso a mulher manifestasse publicamente suas questões. Porém, o texto deixa claro que elas tinham o direito de questionar, em vez de engolir a seco qualquer coisa que lhes fosse dita. Isso por si só já representava um grande avanço para as mulheres. Porém, suas questões deveriam ser expostas no ambiente doméstico, a fim de poupar seu marido do vexame público. Portanto, tratava-se, sobretudo, de um problema cultural.

Estou ciente de que meus argumentos não calarão a voz dos que se contrapõem a eles. Espero que, ao menos, levem-nos a refletir. Muitos dos que defendem que a mulher jamais deve ser alçada a uma posição de liderança eclesiástica, também defendem a escravidão como algo justo e um direito dado por Deus. É tarefa sobremodo difícil argumentar com os tais. E o que mais me incomoda é saber que muitos jovens pregadores tendem a comprar pacotes teológicos fechados, sem darem-se o trabalho de examinar item por item. Se Calvino falou, está dito. Não há o que discordar. Se Lutero falou, assunto fechado. Todos estes grandes homens (a quem admiro de verdade) foram filhos do seu próprio tempo, e suas exegeses estavam cativas dos paradigmas culturais e sociais de então. Mesmo atribuindo-lhes honra, ousemos discordar de qualquer coisa que não coadune com o espírito do Evangelho.

Bem, conhecendo o Deus da Bíblia, que tem como costume usar os fracos para confundir os fortes, os loucos para confundir os sábios, não é de se duvidar que Ele seja capaz de levantar mulheres para fazer o que muitos homens se negam a fazer.


Lembro-me de Raquel, pastora das ovelhas de seu pai, a quem outros pastores esperavam para que juntos pudessem remover a pedra que estava sobre a boca do poço, impossibilitando que o rebanho saciasse sua sede (Gn.29:1-10). O mais importante não é o gênero de quem conduz as ovelhas e sim a que fonte elas têm sido conduzidas.

41 comentários:

  1. Anônimo8:31 PM

    Por isso este é um dos poucos blogs que paro para ler, o Senhor realmente sabe como usar as palavras, um silogismo extraordinário.
    Mas meu querido pastor é como no caso do codigo da bíblia se apresentar 200 razões favoráveis, te *arrumo* 300
    Mas respeito muito o Senhor para entrar neste joginho,já passei dessa fase.
    Mas respeito profundamente, aliás sou *subordinado* a uma Pastora, a quem admiro e respeito profundamente...
    Carlos

    ResponderExcluir
  2. Anônimo10:01 PM

    sou a favor sim a ordenação.. pq não. elas são bençãos.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo10:21 PM

    Não deu para entender nada do que foi dito pelo Sr Carlos, acima (14/mar - 16h31).

    ResponderExcluir
  4. Anônimo7:57 AM

    Como disse o amigo acima o silogismo foi fantástico, mas as premissas... Creio que esta discussão se encaixa em "vãs discussões"... Deus é o Deus que pode tudo e faz tudo conforme lhe apraz, portanto, se Ele quiser levantar pastoras como já tem acontecido, Ele o fará, mas creio que analisando toda a história de Israel e mesmo da igreja pós Pentecoste a maioria esmagadora, quando o assunto é liderança, Deus deu aos homens, porém Ele também levanta mulheres como Ele quer.

    ResponderExcluir
  5. César8:37 AM

    Hermes, voce será reponsável por brigas entre casais.
    Porque?
    Porque se tiver briga, com este assunto que não é bíblico que voce tanto ensiste de mulheres pastoras, vai acontecer uma tragédia nos lares.
    As mulheres dos maridos vão se irar, e quem vai lavar nosssas roupas, passar nossas roupas, fazer comida, arrumar a casa, este é o trabalho das esposas dentro do lar, aí como ficamos meu caro Hermes.
    Eu não sei faze comida, não sei lavar roupa etc não!
    Agora as mulheres nas igrejas, seu dever é: arrumar a igreja cuidando do jardim, lavando o chão o banheiro, qual o problema nisto? Não vejo problema nenhum! Quem vai fazer isto? Eu não! Pois tenho mais o que fazer! Só pode ser para a maioria das mulheres que não fazem nada, e tá bom demais, ajuda bastante na obra do evangelho.
    Agora pastorear e ser líder de igreja deixa por favor para os homens como Deus o constituiu.
    Não vamos mudar as coisa que já estão mudadas demais em mentiras de homens nas igrejas evangélicas; o mundo já está profundo demais dentro delas os dois andam juntos a igreja e o mundo, e não vamos mais aprodrecer o
    as igrejas com mais heresias e falsos ensino do evangelho da Nova Era do Anticristo.
    Eu tô fora! Meu negocio é a Bíblia, e a sigo o que não está na bíblia eu deleto!
    Etá povo sem sabedoria!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. César, Cleber,Cacá e a manifestação continua..
      Bom pelo menos você reconhece sua incompetência!

      A situação da igreja,não está ruim por causa de pastoras, más por causa de crentes como você que são lobos em pele de cordeiro tem aparência de crente más o coração é apodrecido se tirar a pedra é só mal cheiro!

      Você não esta no nível de discutir assuntos de tal" valor" aconselho que comece, se convertendo de suas cruéis palavras e "comece pelo inicio" como por ex. o mandamento de Jesus de amor ao próximo, tome leitinho aprenda a fazer a cama e ai parta pra assuntos que no momento estão além de sua capacidade!
      Anteriormente sugeri aos seus colegas que lessem Tiago, más acho melhor começar por todo novo testamento entender e ai sim, opinar !

      Ahh, e não me venha com a ordenança de Paulo pra ficar quieta, pois não sou pastora não estamos na igreja e você graças a Deus, não é meu marido!
      Dani Lima

      Excluir
    2. Anônimo9:18 PM

      César, você é tão ignorante (quero dizer: Leigo) quanto aos imperadores romanos que também se intitularam "César". Que Deus tenha misericórdia da sua alma.

      Excluir
    3. César, vc então acha que a mulher não passa de uma faxineira, escrava, ela serve é para lavar, passar, cuidar de jardim...(só faltou falar"e parir um imbecil como vc). Pois creio que todos essas trabalhos são honrosos, mais o que me incomodou foi o fato de vc chamar as mulheres de desocupadas. A casa de Deus deve ser cuidado por todos i dependentes de posição social, sexo ou cor. Deus chamou a todos para servir. Mais uma coisa deve ser por causa da disposição das mulheres se obedecer ao Senhor que Ele está colocando as mesmas em outras funções entre elas pastora de um rebanho. (seja fiel no pouco que no muito de colocarei). Já que infelizmente muitos como vc tem mais o que fazer, não tem tempo para servir o Senhor no pouco não é mesmo. Glorias as Deus pelas mulheres, homens e crianças que tem um coração no Senhor, que não se colocam acima de Deus, pois Ele é o dono de tudo e faz o que quiser inclusive usar quem Ele que, menino, homem ou mulher. Pra ser usado por Ele tem que permitir, não temos culpa de ter o coração mais quebrantado e obediente a Ele. Agora só te peço uma coisa respeite as pessoas, respeite a vontade de Deus, vc não e Ele, respeite a mulheres porque foi graças a abnegação de uma delas que vc existe

      Excluir
  6. Amado Hermes. É muita coisa para ler. Estou quase por lançar um livro sobre a mulher, que creio será extremadamente esclarecedor e abençoador, além de libertador das amarras que levam a muitos à discriminação absurda, até querendo fazer à Bíblia dizer o que as suas teologias dizem.
    Apenas li integralmente o teu primeiro artigo e superficialmente os subtítulos desta segunda matéria, e muito mais superficialmente alguns comentários. A totalidade dos meus comentários, publiquei na página A MULHER de www.cesbal.com Estou resistindo a tentação de ler tudo quanto vi que é muito bom no teu blogue, porque não quero ser influenciado na escrita do meu livro (segundo em português, número 39 somado aos de língua espanhola), porque entendi que Deus está me dando um discernimento extraordinário, que logo veremos quanto coincidimos, mas, com certeza, no fundamental não há diferenças, para gloria do Criador e Redentor Jesus Cristo. Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Irmão Hermes...
    Dentre, minhas dificuldade com a ordenação feminina é que mais parece um cabo de "guerra feminista"!
    Não é o caso e do seu texto e sua defesa que visa informar a igualdade que Cristo ensinou e viveu .
    Amo Paulo e como mulher não vejo nada que deponha contra seu amor a nós, pois sei que seu contesto o levou a palavras mais duras.

    A questão principal pra mim, é que Jesus sempre foi tão inovador e nunca se adequou a nenhuma regra imposta, que venha de preconceito ou coisa parecida, na pratica Jesus nós incluiu!

    Entendo, que se fosse algo que de fato importante, Ele teria escolhido uma discípula e não colocado entre linhas como podemos argumentar .

    Vejo claramente em família, nosso verdadeiro ministério, nossa família são nossas ovelhas !
    Que prédio pode ser erguido sem uma boa base, tudo que tira o tempo para formação da base atrapalha a igreja e por conseqüência a sociedade.
    Mesmo o trabalho tem feito isso, e que igreja dá pouco trabalho?! Não conheço. Muitas esposas de pastores já exercem o "pastorado" em apoio ao seu marido, pra que querer o titulo, deixemos o titulo pra lá, já que traz tanta confusão!

    CONCORDO em gênero, n° e grau quando diz que alguns que não defendem o pastorado feminino são os mesmos que defendem injustiças como a escravidão, é que os mesmos não tem o amor pra os mover e vivem movidos pela lei, fazendo dela uma desculpa para odiar e segregar! Veja alguns comentários do 1° texto .

    Resumindo sinto-me, extremamente amada por Jesus e acho que a mulher deveria ver com outros olhos o fato, de termos sido desobrigadas de tal responsabilidade que vem junto com o titulo !
    No mais uma abraço e até o próximo post!
    Dani Lima

    ResponderExcluir
  8. Irmã Dani Lima. Me solidarizo com a irmã em tudo. Há meninos na fé que se metem a opinar entre maduros, e não convertidos entre cristãos genuínos, e religiosos entre irmãos que amam e obedecem ao Senhor.

    Tem um tal de ENIO que perambula por aqui, e me enviou esta sua mensagem, sem endereço de e-mail dele, e quando quero responder, o mail é: nãoresponder@hotmail.com

    DENUNCIO esse tal de Enio que não dá a cara e fica insinuando idéias dele, por meio das mensagens alheias. Isto é crime!

    Sou Jornalista, Escritor membro da Academia de Letras, Tanatólogo, Gestor em Empreendimentos, Mediador, Pastor, Apóstolo, Capelão e Sociólogo, com 48 anos pregando o mesmo Evangelho de Jesus Cristo, sem alterar, e tendo exemplos por todos lados de genuíno servo de Deus. Hoje, tenho 59 anos.

    Não sou tradicionalista nem ortodoxo, sou muito aberto e simples, por isso mesmo amo e respeito às Mulheres de Deus, qualquer seja a sua função na vida, desde dona de lar ou diarista, até a Presidenta da Nação. Se fosse errado mulher ser líder, Deus não tivesse nos mandado orar por ela. Lhe abençoo no Nome do Senhor Jesus, o Descendente da Mulher que veio a derrotar ao Acusador da Mulher e opressor do Homem. Em Cristo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Irmão Titoberry@hotmail.com...
      Obrigado, pelo apoio!
      É cada coisa que acontece em" nosso meio", que não vejo a hora de ser vilipendiada por causa do nome de Cristo pelo mundo, pois até agora, somos difamados, pelos da "casa"mesmo, se algo foi dito,fora de contexto neste email , Jesus me fará justiça!
      Quanto a minha opinião sobre o tema já faz algum tempo que tenho este entendimento, no ano passado escrevi um post sobre o assunto, deixarei o link abaixo, quando terminar, o livro deixe recado em meu blog ou mande uma email, terei prazer em ter um exemplar.
      É possível discordar, e, em amor ainda mais, sobre pontos não fundamentais!
      Grata Dani Lima, aquela que tem nome vida real e SABE que é conhecida e observada por aquele que conhece TODOS os anônimos!
      Obs. exclui e juntei os comentários anteriores em um novo, pois fiz uma retificação

      Link do meu blog
      http://berearepreciso.blogspot.com/2011/10/principios-eternos-em-um-mundo-relativo.html

      Excluir
  9. Irmão Titoberry@hotmail.com...
    Obrigado, pelo apoio!
    É cada coisa que acontece em nosso meio, que não vejo a hora de ser vilipendiada por causa do nome de Cristo, pelo mundo, pois até agora, somos difamados, pelos da "casa,"mesmo se algo foi dito, que me depreciasse, Jesus me fará justiça!
    Quanto a minha opinião sobre o tema já faz algum tempo que tenho este entendimento, no ano passado escrevi um post sobre o assunto, deixarei o link abaixo, quando terminar o livro deixe recado em meu blog ou mande uma email, terei prazer em ter um exemplar.
    É possível discordar, e em amor, ainda mais sobre pontos não fundamentais!
    Grata Dani Lima, aquela que tem nome vida real e SABE que é conhecida e observada por aquele que conhece TODOS os anônimos!
    Obs. exclui e juntei os dois comentários em um novo, pois fiz uma retificação

    Link do meu blog
    http://berearepreciso.blogspot.com/2011/10/principios-eternos-em-um-mundo-relativo.html

    ResponderExcluir
  10. MENSAGEM AUMENTADA E CORRIGIDA:

    Amada. 99% de acordo, ainda que isto pouco importe. Só não concordo com o assunto da ordenação. Mais adiante desenvolverei este belo assunto na Bíblia, do qual os homens fizeram primeiro, "modus operandi", logo isto terminou em "modus vivendi", quer dizer, do que era no inicio um acontecimento, virou doutrina inflexível da DIVISÃO, e hoje, quem não passa pela ORDENAÇÃO da Divisão, não é ninguém, mas a Bíblia não ensina ordenação, por isto mesmo nem faz jus e necessário que alguém (homem ou mulher) seja ORDENADO pelos homens, nem diminui que eles não o sejam. A Palavra grega que se justapõe à ORDENAÇÃO, mas com outro significado muito melhor, profundo e necessário, é a que aparece no que aconteceu com o Jesus-carne ao ressuscitar, em Romanos 1: "DESIGNADO PELO ESPÍRITO", por tanto, DESIGNAÇÃO. Por último, agrego. A irmã parece deixar no ar a idéia que os homens estavam bastante 'vagos' e então por isso, Deus incumbe a doze homens a ser seus primeiros apóstolos, e vocês mulheres já possuem muitas obrigações que cumprir. Não podemos negar que vocês têm e fazem o que nenhum homem pode fazer, e a mais nobre das missões divinas no plano humano, a de gerar filhos, mas, cadê as solteiras, viúvas, estéreis, ou simplesmente devotadas a não casar, a fim de se dedicarem ao Senhor totalmente? Ademais, não deveriamos ver a igreja tanto desde a ótica do Governo (o que tampouco lhe é incompatível à Mulher), e sim muito mais (como a mais profunda revelação bíblica nos faz ver) desde a ótica da vida. Tanto homens quanto mulheres, anciões, adultos, jovens e até crianças (humanamente falando) podem gerar vida de Deus nas pessoas na vida da igreja (Joel 2:28) Então, que impede elas ocuparem lugares de destaque? Não acontece muitas vezes que um menino é colocado como líder de um grupo de estudo na igreja, como fizeram comigo aos onze anos? Timóteo não tinha entre 20 e 30 anos de idade (provávelmente) quando Paulo o denomina ANCIÃO na igreja? Com o raciocinio da irmã a respeito das múltiplas responsabilidades das mulheres, e que essa seria uma das razões porque Jesus não escolheu uma mulher para Apóstola, ao meu ver, não é coerente, porque então, Timóteo não devia ser "sobrecarregado" com tanta responsabilidade em tão breve idade que tinha, e até podertiamos afirmar que Timóteo fora eleito Pastor equivocadamente, posto que Jesus mesmo esperou até os trinta anos para se manifestar pastor das multidões. Agradeço a sua ajuda e peço-lhe tolerar as minhas, que sempre são e serão altamente perspicazes em ver todos os lados não para criticar, senão ajudar a que todos vejamos melhor as coisas.

    Lhe comunico que estarei copiando esta matéria e o meu comentário, e publicando no Facebook, com citação da Fonte como é devido. Muito agradecido pela sua cooperação no Reino de Deus.

    ResponderExcluir
  11. Meu caro, vc é um manipulador das escrituras. Vi seu texto no genizah e fiquei muito triste, com essa sua teologia da NOVA ERA, SECURALISTA, RELATIVISTA e TENDÊNCIOSA. É por pessoas como vc que a sâ doutrina esta sendo destruida.
    http://edgardpenalva.blogspot.com/2012/02/gravidas-no-pulpito.html

    ResponderExcluir
  12. Edgard,

    Obrigado pelas palavras de amor e respeito postadas aqui.

    N'Ele, dono da Igreja, que chama e qualifica quem quer para a Sua obra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deus não é incoerente com aquilo que ele mesmo estabeleceu. NÃO EXITE BASE BIBLICA PARA A ORDENANÇA DE MULHERES NO PASTORADO ETC. Seus textos estão sem nenhuma base exegetica para sua argumentação e isso é manipulação das escrituras. Não estou aqui para passar a mão na cabeça de niguem, e nem sou o dono da verdade mas, não vou admitir apologias e nem invencionices teologica para satisfezer o Antropocentrismo ritualista. Refaça seus conceitos. Você é um formador de opinião ! Tome cuidado ! Olhe e veja como Satanás esta manipulando as famílias com essa teologia suja e antibiblica. Tanto a mulher como o homem são iguais perante Deus pois assim os chamou de humanidade, mas Deus estabeleceu regras ministeriais porque, seus atributos são perfeitos, e quem somos nós para ir contra isso ? Por outro lado vejo isso como uns dos sinais da apostasia.

      "Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; e desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas." [2 Timóteo 4:3-4].

      Excluir
    2. Anônimo2:13 AM

      Babaca! Sabe de nada inocente!!!

      Excluir
  13. Amado Hermes. Quer saber uma coisa, nem olhei o teu perfil. Tampouco não sei se és pastor ou não. Mas, me atrevo te dizer uma coisa, mesmo que de repente não entendas totalmente, com todo respeito:

    O Espírito do Anticristo está trabalhando duro, e com muita raiva das pessoas como você e eu, dentre muitos outros, que damos TODO o valor que um humano pode entender, perceber e dar ao ATO REDENTOR DE CRISTO, e à OBRA DA CRIAÇÃO. Ambas COLUNAS que o Diabo odeia sobremaneira.

    Sabemos que Ele se veste como anjo de luz, sabemos da sua ousadia em tentar a Jesus com ofertas próprias de um esquizofrênico maldoso, e também sabemos que a sua metodologia é fingir ser bíblico, defensor do "CONHECIMENTO DO BEM", escondendo o MAL que vem junto, e que também é o Autor do atual RELATIVISMO e da recrudescida ORTODOXIA EVANGÉLICA, levando, ou jogando aos incautos, orgulhosos e rebeldes de um extremo para o outro.

    Hoje o âmbito "evangélico" está cheio de uns, ou de outros, e um dos sinais mais claros de que são estes os que o Diabo já enganou com a Nova Era, é que eles se ofendem, atacam, rebaixam aos demais, nos tratam de ignorantes, se jactam de títulos, igualzinho como fez o Diabo na Tentação a Jesus: "Eu", "Eu" e "Eu".

    Estes agentes do Anticristo -outrora cristãos- hoje já enganados pelo Espírito de Erro que opera nos que por não amarem a Vinda de Cristo não se santificam NO AMOR DA VERDADE (2a.Tes.2:7-12), têm uma dialética sempre incoerente: "Meu CARO, Você é um manipulador", e outras, e no fervor do engano cometem discriminação e ofensa às pessoas, imaginando estarem apenas defendendo as suas ideias.

    Tenho certeza, e oxalá esteja equivocado, assim fazemos mais pelo Senhor, que em breve vem uma perseguição muito sutil, disfarçada e obscura que nem saberemos por onde entrarão, mas eles nos enviarão flechas mara nos matar, porque nestes momentos o reino das trevas já começou a tremer pela igreja genuína se manifestando frontalmente contra ele.

    Não sai à sua defesa (o que não estaria mal, e até seria o justo), nem em defesa de qualquer doutrina ou nominação de liderança. Simplesmente cumpro com o meu ministério, avisando como está agindo o Espírito do Anticristo hoje.

    São os lacaios do Anticristo os que dividem casais, se opõem à igreja de Cristo e se manifestam contra a família, o matrimônio, a mulher, os pobres, os negros, os indígenas, os estrangeiros, e contra a própria vida, e imaginam que nós vamos deixar de vencer como Cristo, e suspeitam que ao não vencermos, não teremos o auxílio dos anjos como teve Jesus. Letal engano! Deus tenha misericórdia destes "crentes", e que ainda, enquanto não negaram totalmente ao Cristo de Deus indo trás os milagres e os poderes do Anticristo, possam se arrepender e voltar a Deus!

    ResponderExcluir
  14. Pelos comentários machistas que vemos, deve-se entender que são o "machões" da igreja, sabem acusar, sabem bater, e xingar tudo o que não seja conforme sua doutrina "machista cristã", é de se lamentar mesmo que no Brasil ainda tenhamos mentes incapazes como estas ai de cima. Pelo pensamento desses caras as mulheres deles não podem votar, trabalhar, tem que ter salario diferente deles e assim por diante.
    Fiquem com Deus.

    ResponderExcluir
  15. Anônimo7:07 PM

    Bispo, eu tenho uma dúvida.

    No caso de um casal onde a mulher é pastora.
    No ambiente eclesiástico quem tem a autoridade e é o cabeça da relação?

    Ela poderia repreender o marido e ele deveria obedecer as
    determinações dela ? em casa seria diferente?

    ResponderExcluir
  16. Um dos argumentos mais usados contra a ordenação feminina é o fato de Jesus não ter escolhido nenhuma mulher entre os Seus 12 apóstolos. Ora, ora... se partirmos daí, então, deveríamos ser contra a ordenação de qualquer gentio, haja vista que só havia judeus entre eles. E será que havia algum apóstolo negro? Logo, não deveria haver pastores negros hoje? Também não havia escravos entre eles, logo um escravo não poderia ser ordenado? Retomo aqui o argumento de que em Cristo se desfez todas as distinções, sejam étnicas, sociais ou sexistas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido, Hermes , concordo com vc com a ordenação Feminina,mas com o pastoreio auxiliar e não pastoreio de governo.

      Excluir
  17. Cacá8:40 AM

    É minha querida Lalá, e Dane Lima, já que somos machista, que não somos! Somos realista no que a bíblia diz.
    Se voce acha que na bíblia tem ordenança de pastora mulher me prove por favor.
    Que na minha bíblia original e nos manuscritos originais não tem.
    Minha cara, sou formado em Bacharel em Teologia há 30 à atrás e nunca vi isto!
    Com toda certeza, este evangelho que está sendo pregado em certas igrejas, é o evangelho da Nova Era do Anticristo, do mundo disfarçado.
    Agora dizer que temos que tomar leite, me poupe por favor.
    Minha cara já rodei o mundo todo em missões até já fui torturado em um país por pregar o evangelho, e voces já foram torturadas por pregar o evangelho?
    Agora as mulheres tem um escape, podem ser missionárias, mas para ir para uma missão tem que ter o curso em Bacharel em Teologia que vejo que voces não tem!
    E outra coisa tem que ter o chamado de Deus porque lá não tem pastora nem pastor e etc não! Lá é luta contra as trevas 24h, é perseguição, prisões etc.
    Pastora é uma heresia do inferno.
    Sou com os demais colegas aí em cima, lugar de mulher é ficar calada e cuidar da casa e do marido, na igreja é auxiliar e só!
    Mas se quiser fazer a obra de Deus, faça com intercessão, ore para os pastores bispos etc.
    Voces as mulheres as paradinos da justiça, que voces me falam da sua guru a Senadora profissional do sexo a Marta suplicy, que está querendo acabar coma moral das famílias que apoia o aborto, e está apoiando a liberação da Pl122 sexo ao vivo dos gays e lésbicas.
    Aí voces apoioam firmimente não é mesmo? Porque tudo que é errado parece que voces apoiam, e gostam, como heresias que voces dizem.
    Aí vem dizer que somos infatil? Não dá!
    Se voces não aceitam o que o apóstolo Paulo escreveu, então parem de ler a bíblia por favor, ou aceite os conselhos do Papa da igreja Católica que parece que a bíblia que voces lêem deve ser de lá.
    Não venham querer deturpar o evangelho que já está defamado nas igrejas.
    Seja coeerente no que falam, e respeitem o apóstolo Paulo, que através do seu ministério, nos hoje os gentios, somos salvos através de Jesus Cristo.
    Vão fazer comida porque seus maridos estão com fome!
    Nos homens que não temos sabedoria! Há vão caçar o que fazer por favor!
    Porque o evangelho não é brinquedo como voces estão fazendo.
    Não brinquem com Deus e sua Palavra!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cacá e cia ...
      Vou desenhar pra você, já que não lê!
      Me mostre, qual foi meu comentário que disse que apoio pastorado feminino, não vai encontrar, porque não apoio, encontre onde disse que você era machista, não vai encontrar, porque não escrevi !
      Minha indignação é com sua falta de amor, e PALAVRAS, de quem não ama. Quem não ama "não é machista", SÓ NÃO É CRISTÃO!
      Ouviu, quer que eu repita?! NÃO É CRISTÃO se dizer cristão é fácil até Hitler se dizia cristão, sabia?!

      – Discurso do Adolf em 12 de abril de 1942, em Munique
      “Como um Cristão amoroso e como um homem, leio a passagem que nos conta como o Senhor finalmente se ergueu em Sua força e apanhou o azorrague para expulsar do Templo a raça de víboras. Como foi esplendida a sua luta em defesa do mundo e contra o veneno judeu. Hoje, depois de 2 mil anos, é com muita emoção que reconheço, mais profundamente do que nunca, o fato de que foi em nome disso que Ele teve que derramar Seu sangue na cruz. Como cristão tenho o dever de não me deixar enganar, tenho o dever de lutar pela verdade e pela justiça. E como homem, tenho o dever de zelar para que a sociedade humana não sofra o mesmo colapso catastrófico que sofreu a civilização do mundo antigo 2 mil anos atrás – uma civilização que foi levada a ruína por esse mesmo povo judeu.”
      12 de abril de 1942, em Munique
      A bíblia na mão de quem não ama é uma arma, perigosa !
      Obrigado, você me valeu uma reflexão excelente! Pode ler no meu blog
      http://berearepreciso.blogspot.com.br/2012/03/protestante-sim-pero-no-mucho.html
      Dani Lima

      Excluir
  18. Anônimo5:05 PM

    Sabe, eu nao quero ser machista e nem tao pouco fazer estudos para provar a minha tese. Mas nos temos, parece sempre, a tendencia de justificar na Bilbia nossos pensamentos e nossas vontades seja contra ou favor. Jesus escolheu 12 apostolos homem e nenhuma mulher. Mas como vi isto para o senhor nao significa nada pq nao tinha negro, gentios, nao tinha brasileiro, arvore rsrsrs. Mas o fato de escolhido apenas homens nao basta, o fato do homem ser o cabeca da casa nao basta... pq incomoda as mulheres que tem boa homeletica, boa lideranca, conhecimento da Palavra de Deus ou todos aqueles que as apoiam. Talves a mulher olhe pra ela e pense "eu falo tao bem quanto o Pastor da minha Igreja, lidero tao bem quanto, tenho conhecimento quanto, pq nao posso ser" entao vai procurar sua defesa na propria Biblia e fala " A Bilbia soh ordenou homens, mas nao fala que nao pode ordenar mulheres" ou "Encontrei uma passagem q conta de uma mulher diaconisa e uma pastora de ovelhas, o q me impede de ser pastora" e esquece de os outros pontos apontando para o homem. como chefe da casa da igreja. Desculpe-me se compreender a comparacao de modo errado, mas me faz lembrar da serpente conversando com eva no jardim Dizendo: Mas Deus nao disse isso... ou aquilo" e dizemos e verdade ele nao disse, entao o que impede se sermos.
    Sou contra a ordenacao de mulheres, mas nao duvido de suas capacidades e nao sou machista. Eu lavo roupas, limpo a casa, faco comida, nao sempre, mas faco, e tb dou palpite na decoracao da casa... mas continuo sendo o mantenedor e cabeca casa. A mulher pode fazer as mesmas coisas que um pastor faz na Igreja, mas o cabeca e o Pastor. Ou o titulo e o lugar eh mais importante que trabalhar na obra?
    Espero em Deus que tenha me entendido.
    Quero acreditar no evangelho simples e puro, firmando apenas no que a Palavras de Deus Fala e nos faz entender o que ele falou nos textos e contexto, do livro e da epoca.
    Graca e Paz!

    Fabio de Britto

    ResponderExcluir
  19. "PORQUE NADA PODEMOS CONTRA A VERDADE, SENÃO EM FAVOR DA PRÓPRIA VERDADE"

    O Apóstolo Paulo, discipulador dos gentios, no versículo 11 do capítulo 2 da primeira carta a Timóteo, exorta as mulheres incultas por tradição e de pouco conhecimento das Boas Novas, a não fazerem perguntas na igreja durante o culto, mas que aprendessem em silêncio com toda submissão, e deixassem que suas dúvidas fossem tiradas pelo marido em sua própria casa, sendo ele mesmo (o marido) o sacerdote do lar.
    A proibição do Apóstolo de não permitir que a mulher ensine e nem exerça autoridade de homem na igreja (governo pastoral) é categórica, pois segundo o Espírito Santo através de Paulo, a mulher não tem autoridade espiritual para tal cargo ministerial, conforme fundamentações a seguir:


    1ª FUNDAMENTAÇÃO: ( I Timóteo 2. 11 )
    A mulher aprenda em silêncio, com toda a submissão.

    2ª FUNDAMENTAÇÃO: ( I Timóteo 2. 13 )
    E não permito que a mulher ensine, nem exerça autoridade de homem; esteja, porém, em silêncio.

    3ª FUNDAMENTAÇÃO: ( I Timóteo 2. 13 )
    Porque primeiro foi formado Adão e depois Eva.

    4ª FUNDAMENTAÇÃO: ( I Timóteo 2. 14 )
    E Adão não foi iludido (seduzido), mas a mulher, sendo enganada caiu em transgressão.

    5ª FUNDAMENTAÇÃO: ( I Timóteo 2. 15 )
    Todavia, será preservada (salva) através de sua missão de mãe, se ela permanecer em fé, e amor, e santificação, com bom senso.


    MODISMO: Nos últimos dias percebe-se um crescente modismo no meio cristão, que se constitui numa espécie de "carona ministerial" de esposas de novos ministros do evangelho, as quais são ordenadas de forma automática, quando na consagração de seus maridos ao Ministério Pastoral .
    Isto só demonstra falta de conhecimento ou descaso bíblico daqueles que promovem esse tipo de "consagração conjunta."


    FALTA DE ENTENDIMENTO: Gostaria de enfatizar que toda mulher tem seu valor, e é essencial no Corpo de Cristo; haja visto, a importância de suas orações intercessórias a partir de sua própria família e estendendo-se aos demais membros da comunidade cristã.
    Todavia, é falta de entendimento das Escrituras o querer auto denominar-se "pastoras", pois quem as consagrou não tem autoridade espiritual para tal ato, já que não se pode validar aquilo que a PALAVRA (N.T.) desaprova.


    SÍNDROME DE EVA : Existe uma tendência das mulheres (feministas e insubmissas) de não aceitarem que seus maridos atuem como cabeça do casal; promovendo desta forma uma verdadeira inversão de valores na autoridade familiar, que resulta em má criação dos filhos e consequentemente deformação cristã no caráter dos mesmos.

    CONCLUSÃO:

    Nos dias atuais parece está "fora de moda" fazer tal comentário; posto que, a mulher tem acesso a todo ensino e cultura, podendo exercer neste mundo qualquer função masculina, inclusive presidir nações.
    Entretanto, na Igreja de Cristo, trata-se de Governo Espiritual e não humano.
    O IDE de Jesus é para todos, porém o assunto em questão é Ensino e Governo na Igreja e não evangelismo pessoal.
    Portanto, a continuação deste modernismo religioso: mulheres exercendo Governo na Igreja, é no mínimo prevaricar e desobedecer ao Espírito Santo e o que a Palavra nos ensina no Evangelho de Cristo.

    EXORTAÇÃO:
    Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas:
    Ao vencedor dar-lhe-ei que se alimenta da árvore da vida que se encontra no paraíso de Deus.
    Apocalipse 2. 7

    Paz Seja contigo!
    J.C.de Araújo Jorge

    ResponderExcluir
  20. Amado J.C. de Araújo Jorge e a quem puder lhe interessar:

    Por favor, vejam o que contribuo para o entendimento correto das Escrituras sobre a MULHER PASTORA, nas páginas de Facebook A MULHER e MUJER Y HOMBRE (português e espanhol respectivamente).

    Breve será editado meu livro sobre o caso. Ficaria muito feliz que os sábios de Deus dedicassem o seu precioso tempo em esquadrinhar a luz que o Senhor está me dando, desde que percebi as intenções do Espírito do Anticristo atuando hoje contra a igreja. Agradecido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo2:17 AM

      quem vai comprar isso?

      Excluir
  21. Amai-vos uns aos outros e lançai de mão toda ira e toda a cólera. Amai não só os que vos amam, mas os que vos perseguem também. Abri mão das vossas ideias por amor aos fracos na fé, para que a unidade na igreja seja mantida.(I Co 10).

    Não apoio nem um nem outro, por que essa discussão não trás edificação alguma. Em TODAS as coisas a nossa lIBERDADE se encontra no amor ao nosso próximo (I Co 13)

    Quem for sábio que entenda e concilie ao que está posto em "discussão".

    Abraços irmãos, e que Deus abençoe a TODOS os que crêem que Cristo é abençoador e advogado de todos quantos têm fé na sua morte e ressureição, pois "todos pecamos e destuídos estamos da Glória de Deus.

    "Miserável que sou! Quem me salvará do corpo dessa morte??? Dou graças a Deus por Jesus Cristo que nos perdoa de todo pecado e ofensa". Por que não há distinção entre nós todos. Desde o "Machista" ao "feminista", ou sei lá que nome podemos atribuir a estas vertentes. Todos nós pecamos e carecemos da graça, então, por favor, amemo-nos, pois isso nos faz cristãos. E assim, o nosso amor limita as nossas ideias e ações

    A Paz reine em vós e em mim ^^

    Marcos Vinícius Costa.
    Facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=100003123949402

    ResponderExcluir
  22. Anônimo6:17 PM

    A verdade é que, estamos discutindo a nossa opinião, nosso "achado", e não a verdade realmente que Deus ordenou desde o inicio da biblia.
    Jesus não consagrou mulheres para ser cabeça,mas o homem pode consagrar, afnal de contas somos soberano,não somos?.

    ResponderExcluir
  23. Anônimo8:12 PM

    O X DA QUESTÃO É O QUE A BÍBLIA FALA SOBRE ORDENAÇÃO FEMININA.
    A QUESTÃO AQUI NÃO SE A MULHER TEM CAPACIDADE OU NÃO (PORQUE TEM SIM).
    E NO AT E NT TESTAMENTO PERCEBEMOS A AÇÃO DA MULHER NA OBRA. MAS A QUESTÃO É O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRE A ORDENAÇÃO FEMININA. TAMBÉM NÃO ADIANTA FALAR DE CULTURA, TRANSCULTURAÇÃO OU SE ISSO ERA NO TEMPO DO APOSTOLO PAULO.
    A VERDADE É QUE A BÍBLIA NÃO TEM NENHUMA PASSAGEM AFIRMANDO A ORDENAÇÃO FEMININA. SE TEM, QUERO QUE ME MOSTRE ONDE ESTÁ. FALEI DE MOSTRAR O TEXTO BÍBLICO E NÃO ARGUMENTOS. QUAL É A PASSAGEM BÍBLICA?

    ResponderExcluir
  24. Anônimo3:05 AM

    O mais engraçado dos machistas, é que tem medo das mulheres tomarem seus lugares. Irmãos há lugar na obra de Deus para todos. Se vc observar, Paulo manda a mulher calar, mais isso é um caso isolado em Corinto devido os irmãos daquela época ainda não terem entendido de fato o que era o Evangelho. As mulheres não entrava nos templo porque era só do homem a adoração (Lei de Moisés). Porém quando Jesus veio e morreu e ressuscitou, rasgou-se o véu e agora todos são chamados para grande obra não importando a posição no ministério. Essa chamada de atenção de Paulo para com as mulheres foi especifica e particular da igreja de Corinto não foi universal. Foi só para aquela igreja, porque elas sem querer e por estarem curiosas, porque nunca tinha entrado no templo para assistirem cultos, começavam a fazer perguntas aos maridos em pleno culto, daí o apostolo toma atitude de ensinar. Obs. Que para as outras igrejas da época não tem essa repreensão. Obs ainda que:Olhando por outro lado fazendo de conta que os machistas tenham razão há um amparo legal vejam "Se Paulo manda todas as mulheres calar. Jesus manda falar ;quando as mulheres vão ao túmulo e voltando vê Jesus ressuscitado ele manda elas irem falar com os discípulos etc... ENFIM PAULO MANDA AS MULHER CALAR E JESUS MANDA ELAS FALAREM. rsrsrs o que eu acho é que deveriam esta evangelizando ao invés de estarem enfraquecendo os ministério das mulheres. Se teu irmão esta errado ore por ele, não joga pedra. Porque o preço pode sair caro. O homem quer tomar o lugar de Deus! se deixa ser usado pelo inimigo de Deus para enfraquecer a obra que Deus tem na vidas das mulheres que são umas bênçãos. Glória a Deus!!!!

    ResponderExcluir
  25. magali quanto tempo perdido em debates se mulher pode ou nao pode ser pastora,o que eu tenho certeza absoluta sobre a palavra é q JESUS CRISTO passou por toda aquela humilhaçao emfavor de um povo pecadores para nos conduzir a salvaçao,JESUS deu uma ordem para ir por todo mundo pregar o evangelho,ele nao fala se para os homens ou mulheres,ele tambem nao fala se é só nos campos ou em pulpitos enfim ,pra DEUS ISSO NAO IMPORTA oque ELE quer é que o evangelho seja pregado nao importa se seja homem ou mulher q tenha titulos ou nao,ninguem sera salvo pelo titulo,parem de perder tempo com esse debate de tolo e IDE....

    ResponderExcluir
  26. Anônimo4:24 PM

    Hermes para acabar de vez com esse lenga lenga aí, Jesus Cristo não está preocupado com ordenação feminina de pastora e etc.
    Jesus Cristo quer que todos cristãos sem exceção homens e mulheres preguem o Verdadeiro evangelho de salvação de Jesus Cristo e dos apóstolos aos homens e mulheres perdidos sem Deus neste mundo.
    Deus usou uma mula um animal para falar com Balaão, então vejo que Deus usa quem Ele quer, na hora que Ele quer e como Ele quer e ponto final.
    Se o evangelho original de Jesus Cristo está sendo anunciado em todas as nações e está havendo conversões de pessoas a Jesus, para que saber quem pregou se foi homem ou mulher, quem convence o homem do pecado e do juízo é o Espírito Santo e não homens e mulheres.
    Se um homem ou uma mulher não pregar o evangelho, Deus pode muito bem usar um animal como usou a mula o jumento para falar com Balaão.
    Tomem vergonha na cara e preguem o evangelho de salvação e vida eterna que só encontra em Jesus Cristo de Nazaré.

    ResponderExcluir
  27. Anônimo4:34 PM

    Hermes! Digo com toda certeza que lugar de mulher é na cozinha, lavar roupa para o marido e arrumar casa.
    Portanto a mulher é submissa ao homem e ponto final.
    Se a mulher que ser pastora eu tenho uma fazenda cheia de ovelhas para ela pastorear, pois na igreja é pastor homem que é o líder que Deus constituiu.
    Não concordo com este seu texto de asneira antibíblica.

    ResponderExcluir
  28. Pra mim Galátas 3:28 basta: “Nisto não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.” Somos todos um em Cristo. Pastor ou Pastora? tanto faz... Somos um só. Eu lavo a louça após o almoço já que não sei cozinhar. É uma forma de ajudar minha esposa: ela e eu fazemos o que sabemos e juntos nos ajudamos. Se Deus quisesse que eu fosse superior a minha esposa não a fizessa da minha costela que fica ao lado do meu corpo. Se a criou a partir da minha costela podem ter certeza, é pra caminharmos juntos: um do lado do outro. Ser líder ou não são outros quinhetos. Falo isto com a consciência muito tranquila. Se a minha esposa me vê como líder pode ter certeza que não é porque sou o cara e mando mesmo é porque a amo e a sirvo mesmo. Assim como Cristo amou a igreja (pelo menos assim procuro fazer e até hoje minha consciência não me acusou de nada neste sentido). E assim vivemos em paz! Como eu gostaria que minha esposa fosse uma Pastora. Quem sabe um dia... Abc, Fabio

    ResponderExcluir
  29. Anônimo3:27 PM

    Li hoje seu post por acaso!
    Curti muito!
    Agradeci também por ter conhecido a Cristo e fazer parte de uma geração que ama as Escrituras e busca em Deus a revelação dela!
    Um forte abraço a toda sua família.
    Katia Garajau - Curitiba PR

    ResponderExcluir
  30. Anônimo10:47 PM

    Olha já vi tantos pastores homens pregando só asneiras que aff.

    ResponderExcluir