quinta-feira, agosto 13, 2009

7

Político cristão arrependido pede perdão publicamente

Ontem recebi este e-mail do Cabo Julio, vereador no Estado de Minas Gerais. Embora não o conheça pessoalmente, tomei a liberdade de publicar seu e-mail, uma vez que ele mesmo pede que se estenda seu pedido de perdão à toda a igreja.

Seria este um bom começo? Sua atitude poderia estimular a outros a fazerem o mesmo?

Leiam e tirem suas conclusões.


CARTA A IGREJA


"Se dissermos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e não há verdade em nós. Se confessarmos nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça. ( 1 João 1,8,9)


Pedido de perdão


Pequei contra Deus, contra a igreja do Senhor, contra meu Pastor e contra aqueles que confiaram em mim. Com estas palavras inicio esta carta que tem a finalidade de pedir perdão a igreja e aos seus líderes em Minas Gerais. Para muitos é uma loucura fazê-lo publicamente através de uma carta, mas para mim, é o certo a fazer, é o que o Espírito Santo me impulsionou a fazer. Cada um julgue-a conforme o Senhor falar em seu coração.

Em 1997 Deus me tirou de uma viatura policial e de uma barraca de camelô e me fez assentar entre os grandes como Deputado Federal. Foram muitos sonhos realizados e outros frustrados.

Em 2002 na minha primeira reeleição recebi indevidamente (ilegalmente, pecaminosamente) cerca de R$ 118.000,00 doados para a campanha eleitoral, de dois empresários que quatro anos mais tarde viriam a ser presos na chamada operação sanguessuga.

Em 2006 sai na primeira página dos jornais 16 vezes. Ou seja, fui execrado publicamente. Eu dei margem para que isso acontecesse com meu pecado. Mesmo tendo quase 60 mil votos perdi a eleição. Deus usando de misericórdia, me permitiu que em 2008 fosse eleito vereador em Belo Horizonte.

O Senhor me colocou em lugar de destaque, e eu desonrei o nome do Senhor fazendo o que não devia fazer. Deixando de lado, em segundo plano, o plano e projeto de Deus em minha vida. "Um abismo chama outro abismo" (Salmos 42.7). Mesmo sendo teólogo e pastor, o mandato e o esconder dos erros diante de todos e da igreja, esfriaram a minha fé. Já não orava, nem buscava como fazia antes. Vivia uma vida fria espiritualmente.

As conseqüências dos meus erros vieram na família, nas finanças, no mandato e no ministério. Agora em 2009, a justiça me condenou na ação civil pública impetrada pelo Ministério Público Federal ao pagamento de multas e perda dos direitos políticos por 10 anos. Mesmo cabendo recurso ao TRF e sabendo que as provas são frágeis e a decisão pode ser mudada, reconheço que errei, não na proporção apresentada na ação, mas errei, e pequei. Pecado é pecado e tem nome. Para ser perdoado é preciso ser confessado.

Acho que nunca fiquei tão amargurado como fiquei com esta notícia. Tive vontade de morrer, de gritar, de largar tudo, de fugir, de desistir de tudo. E Deus é testemunha de tudo que estou escrevendo aqui. Sei que o Espírito Santo vai testificar aos leitores desta carta se o que eu estou escrevendo é verdade ou mentira.

Tem momentos na vida que tudo de ruim resolve acontecer em um dia só. Me senti assim. Não tinha força sequer para orar, nem que fosse aquela oração de um minuto.

Me arrastando consegui chegar ao monte Palmares em Ibirité, local onde nos tempos do primeiro amor, fiz várias campanhas de oração. Quando eu entrei ali, o Espírito Santo me disse: te quero aqui. Foi um ato de misericórdia de Deus ter quebrado o silêncio e ter falado comigo. Chorei, gritei, pedi perdão a Deus por tudo de errado que fiz, por ter desonrado o nome de Jesus, por ter jogado fora a oportunidade de engrandecer o nome D'Ele por onde estive.

Eu creio que o mundo espiritual é real. Meus pais eram feiticeiros que se converteram ao evangelho do Senhor Jesus. Me converti depois de tentar o suicídio na Policia Militar por duas vezes. Creio que as nossas ações e também nossas omissões influenciam o mundo espiritual. Sei que podemos esconder nossos erros de todos, mas do Senhor nada fica escondido ( Os olhos do Senhor estão em todo lugar, contemplando os maus e os bons - Pv 15.3 ) e a conseqüência vem. Os erros ficam escondidos, mas um dia eles aparecem.

Destruí muitas coisas que Deus me deu: a família, as finanças, o ministério pastoral e a intimidade com Deus que tive no passado. Infelizmente eu só acordei na dor, apesar de ter tido a oportunidade de acordar no amor, nas várias vezes em que estava na igreja e o Senhor falou comigo e fingi que aquela palavra era para outra pessoa,que não era para mim.

Fiz um voto com Deus de recomeçar a minha vida fazendo o certo. E a primeira coisa é reconhecer o erro, o pecado, ainda que traga vergonha. Me sinto aliviado com isso. Sei que esta carta politicamente é uma confissão de erro, e me trará muitos prejuízos políticos, até irreversíveis, mas não importa. O que me importa agora é estar no centro da vontade de Deus, com ou sem mandato, com ou sem dinheiro, com ou sem emprego, em quaisquer circunstâncias quero servir ao Senhor e voltar ao primeiro amor.

Sei que minha vida incomoda o inferno. Minhas batalhas contra os projetos de homofobia e o centro de recuperação de dependentes químicos que desde 2000 vem tirando jovens das drogas e do álcool, me trazem muitas lutas espirituais. Mas o problema não são as lutas, e sim o erro e o pecado. Usamos muitas vezes as desculpas em dizer que somos perseguidos, que são laços do diabo, etc. Mas no meu caso não foi isso, foi erro, foi pecado. Quero tirá-los da minha vida.

Me perdoe, ore por mim. Libere o perdão sobre a minha vida. Gostaria que essa minha confissão fosse, se possível estendida a igreja para que todos me perdoassem e usassem de misericórdia comigo, que orassem pela minha vida e pela minha família.

Só quero recomeçar a minha vida e reconquistar tudo que perdi com meus erros.

A paz do Senhor

"O que encobre suas transgressões nunca prosperará; mas o que as confessa e deixa alcança misericórdia" ( provérbios 28.13 )


Cabo Júlio

Servo do Senhor

7 comentários:

  1. Caro irmão Hermes,

    Queira Deus que o arrependimento do Cabo Júlio seja autêntico (assim espero), mas este é um exemplo que deve ser valorizado, respeitado e divulgado, já que é um fenômeno raríssimo no meio político e evangélico brasileiro, o de alguém que erra, peca, e reconhece que errou e pecou. Chega a deixar até a gente com um pé atrás pelo inusitado da situação. Lamentavelmente, nos acostumamos com o engano, a decepção, o falso testemunho, as falsas profecias, a mentira como arma política e instrumento de púlpito. Não sei se é possível, mas gostaria que o irmão autorizasse a divulgação deste pedido de perdão em outros blogs e sites, para que este exemplo seja o mais amplamente conhecido por toda a sociedade brasileira (evangélicos ou não).
    Que Deus abençoe o Cabo Júlio e a nós todos.
    Graça e paz!

    ResponderExcluir
  2. Caro Hélio, acredito que não haja problema algum em divulgar o pedido de perdão do Cabo Júlio. Mesmo porque, partiu dele o pedido para estendêssemos tal pedido à todos.
    Fique à vontade.
    Também espero que isso estimule a tantos outros a reconhecerem seus erros, confessando-os e abandonando-os. Afinal, a Escritura diz que quem confessa e abandona o pecado, alcançará misericórida.
    Abraços fraternos.

    ResponderExcluir
  3. Olá amado Hermes. parabéns pelo Blog, cada dia melhor, com conteúdo excelente. Espero não ter problema em ter republicado alguns de seus textos no blog Bereianos.

    Sobre esta carta do Cabo Júlio, eu verifiquei no blog do mesmo e não encontrei nenhuma mensão sobre a referida carta.
    http://blogdocabojulio.blogspot.com/

    www.cabojulio.com.br

    Será que a veracidade da carta procede? Estou com receio em colocar no Bereianos por causa disso.

    No mais, deixo-lhe um grande abraço, em Cristo!

    Ruy Marinho
    Blog Bereianos
    www.bereianos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Caro Ruy, também tive a mesma preocupação. Porém, o e-mail que recebi foi enviado por cabojulio@cabojulio.com.br,
    e no rodapé do e-mail vem escrito: Câmara dos Vereadores de Belo Horizonte - Gabinete do Vereador CABO JÚLIO Líder do PMDB

    Email: cabojulio@cabojulio.com.br site: www.restaurandovidasmg.com.br

    Por conta disso, achei que não era apócrifo, e resolvi publicar como exemplo para outros políticos cristãos que deixaram seu primeiro amor, para dançar conforme a música.

    ResponderExcluir
  5. Não me convenceu.

    O que cara confessa corromper-se desde 2002. De lá até 2008 faturou o que pode e só se arrependeu quando a casa caiu em 2009. O sujeito termina o texto dizendo: "Só quero recomeçar a minha vida e reconquistar tudo que perdi com meus erros". Ora, a maior parte do que ele perdeu foi o que ganhou ilegalmente. E ainda quer reconquistar tudo? Que arrependimento é esse? Francamente, isso não passa de choro eleitoreiro. No meu blog não. Vai te converter. Voltar pra viatura, cabo xará.

    ResponderExcluir
  6. Hum, a mim não convenceu,alguma coisa nas entrelhinhas que não me agrada,depois outra ,fica pedindo pra liberar perdão,esse negócio de liberar isso e aquilo ,
    Ah! sei lá , não dá

    ResponderExcluir
  7. As misericordia de DEUS se renova a cada manhã, aquele pecador que foi justifica na cruz do calvário pecou toda sua vida,e teve uma chance, a palavra diz que o espirito santo veio convencer o homem do pecado, e juizo,, sempre e muito facil julgar, esse cancer esta se espalhando, ferozmente, na internt por meio de blog e outros tantos meio!! as vezes muitos esquece que somos salvos pela graça, porque todos nós erramos e somos pecadores, o apostolo JOÃO diz que aquele que dizer que não tem pecado é mentiroso,,, é quem é o homem para dizer que um ser humano não se arrpendeu,, por acaso agora estão no lugar do onipotente, do onisciente, ou se esquece , que o Leão da tribo de juda ele que é o legislador futuro.. para que haja mudanças devemos ter muito cuidado nas criticas ,, para não dar tiro nos proprios pés,, Hermes Cheguei até aqui atravéz do Pr Julio soder, parabéns pela sua postagem, traz muitas coisas a ser meditada, e acima de tudo um testemunho de arrependimento,, amigo DEUS seja contigo e bom final de semana !!!

    ResponderExcluir