quarta-feira, julho 13, 2016

19

Teste de DNA - Quem é o pai do ROCK, afinal?



Por Hermes C. Fernandes

Hoje se comemora o Dia Mundial do Rock, instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU) como uma homenagem ao megaespetáculo Live Aid, ocorrido nesta mesma data em 1985, com o fim de arrecadar fundos para combater a fome na África.

Muito se tem dito acerca do Rock, e alguns chegam atribuir sua paternidade ao diabo. Por causa disso, nem todos olham com bons olhos a influência que o rock tem exercido na música cristã contemporânea.

Afinal de contas, o diabo é ou não o pai do rock?

Para respondermos a esta questão, que tal apelarmos a um exame de DNA?

Vamos examinar as origens deste ritmo que tem embalado jovens por várias gerações.

Apesar de no decorrer de sua história o rock and roll ter ficado mais marcado por astros brancos, deve-se aos negros, escravos trazidos da África para as plantações de algodão dos Estados Unidos, a criação da estrutura rítmica e melódica que seria a base do rock. Os cantos entoados pelos negros durante o trabalho, no início do século XX dariam origem ao Blues (do inglês azul, usado para designar pessoa de pele escura, bem como tristeza ou melancolia). Focado basicamente no vocal, o blues era geralmente acompanhado apenas por violão.

Enquanto o blues se desenvolvia nos campos e pequenas cidades, nas grandes cidades por sua vez tocava-se o jazz, baseado na improvisação e marcado por bandas maiores e arranjos mais elaborados, com percussão e instrumentos de sopro.

Por um outro lado, nas igrejas evangélicas desenvolvia-se a música gospel negra, que embora obedecendo as escalas de blues, caracterizavam-se por ritmo frenético, canções de redenção e esperança para um povo oprimido. A música era acompanhada por piano ou órgão.

A economia de guerra e o desenvolvimento da indústria havia levado mais gente dos campos para a cidade, forçando o relacionamento entre brancos e negros e a tensão social e racial mas também favorecendo a influência mútua entre a música negra (blues e seus derivados) e a música branca (principalmente country e jazz). Da fusão do blues original com os ritmos mais dançantes dos brancos surgiu o rhythm and blues, que levou a música negra ao conhecimento da população consumista.

No início da década de 50, com o final da Segunda Guerra Mundial, os Estados Unidos despontavam como grande potência mundial. A população de maneira geral (inclusive as minorias) pela primeira vez tinha dinheiro para gastar com supérfluos como música. Com o anúncio da explosão de bombas atômicas pela União Soviética e um possível "fim do mundo" a qualquer momento, a ordem geral era aproveitar cada momento como se fosse o último.

Em pleno crescimento econômico capitalista o consumo era considerado fator primordial para geração de empregos e divisas, bem como o melhor antídoto contra o comunismo, e a busca por novos mercados consumidores era incessante. Obviamente a parcela mais jovem da população rapidamente se mostrou mais facilmente influenciável e ao público adolescente pela primeira vez foi dado o direito de ter produtos destinados ao seu consumo exclusivo, bem como poder de escolha.

Estranhamente, porém, os jovens brancos, em grande parte, se negavam a consumir a música normalmente consumida pela maioria branca. Começaram a buscar na música dos guetos algo diferente.

A aceitação deste tipo de música pelo público de maior poder aquisitivo levou a incipiente indústria fonográfica da época a investir na evolução do estilo e procura e contratação de novos talentos, principalmente na procura de um jovem branco que pudesse domar aquele estilo aliando a ele uma imagem que pudesse ser vendida mais facilmente. Tornaram-se comuns os relançamentos de versões de músicas dos negros regravadas por artistas brancos, que terminavam por tirar os verdadeiros criadores do estilo do topo das paradas.

A mistura explosiva da empolgante música negra com o consumismo branco adolescente havia sido feita... a explosão era questão de tempo.

Mas quem teria sido o homem que mereceria ser coroado como responsável pela "criação" do rock and roll? Obviamente um estilo musical tão complexo não poderia ter sua invenção atribuída incontestavelmente a apenas um indivíduo ou grupo de indivíduos. Mas se alguém merecesse ter seu nome associado à "criação" do rock como o conhecemos este alguém não seria Elvis ou Bill Haley ou Chuck Berry ou nenhum outro cantor ou band leader. O "inventor" do termo rock and roll e grande responsável pela difusão do estilo foi o disk jokey Allan Freed, radialista de programas de rhythm and blues de Cleveland, Ohio, que primeiro captou e investiu na carência do público jovem consumista por um novo tipo de música mais energética e primeiro percebeu o potencial comercial da música negra.

Portanto, apesar de muitos terem usado o ritmo para fins pouco louváveis, o rock não é filho do diabo, mas a fusão de várias influências musicais, entre elas, o gospel.

***

Abaixo, um vídeo do Rebanhão, pioneira do rock cristão no Brasil. Quem viveu aquela época lembra o impacto feito por esses rapazes sob a liderança do poeta Janires. Embora esta canção não seja propriamente um rock, ajuda a matar saudade.


19 comentários:

  1. Bah, como falamos aqui no sul, que legal ver alguém lembrar do Rebanhão, do Carlinhos, do Janires (que morreu pobre e no ostracismo, apesar da obra infinitamente melhor do que ouvimos por aí), esses sim foram precursores e desbravadores. Eu era criança, e lembro de ouvir meu pai, dizer a mim e a meu irmão, músico, "minha filha isso aí é "hino" mesmo?" rsrs. Obrigada Pr. Hermes pela lembrança subversiva.

    ResponderExcluir
  2. Barbosa10:32 PM

    IRMÃO HERMES,GRAÇA E PAZ DAQUELE QUE VIVE E REINA PARA TODO SEMPRE,"JESUS CRISTO DE NAZARÉ".
    NÃO POSSO DEIXAR DE PASSAR EM BRANCO,O IRMÃO NO POST ANTERIOR MENCIONOU MEU NOME.
    MEU IRMÃO,É EU QUE TENHO QUE LHE AGRADECER pelo o espaço que o irmão me tem propocionado,em que eu tenho falado a Palavra poderosa de DEUS que nos dá Vida e libertação atráves de JESUS.
    Muito obrigado por publicar meus comentários.
    QUE DEUS CONTINUI TE USANDO COM GRAÇA E PODER DO ESPÍRITO SANTO,NAS PREGAÇÕES DO EVANGELHO DE SALVAÇÃO DE JESUS CRISTO.
    Mas lembre-se: Meu irmão,nunca deixe de FALAR A VERDADE deste evangelho gloriosos de JESUS CRISTO DE NAZARÉ,que Ele salva vidas,e as levam para a Vida Eterna.
    Lembre-se,a Palavra do nosso DEUS não foi feito para agradar aos homens,mas sim,para Salvação das almas que estão em trevas,libertação dos homens perdidos sem Salvação,e para cura dos enfermos,ATRAVÉS DO NOME SANTO DE JESUS CRISTO.
    TODA A HONRA E GLÓRIA SOMENTE SERÁ E É DADA A JESUS CRISTO O REI DOS REIS.
    E TODOS OS JOELHOS TERÃO QUE DOBRAR PERANTE JESUS,E CONFESSÁ-LO QUE ELE É O SENHOR. OH! GLÓRIAS!
    EM BREVE,FALTA POUCO TEMPO,JESUS CRISTO VOLTARÁ,E NOS LEVARÁ PARA REINARMOS COM ELE PARA TODO SEMPRE AMÉM.
    DEUS TE ABENÇÕE IRMÃO HERMES! SERVO FIEL,PREGADOR DA SANTA PALAVRA DO DEUS VIVO.

    ResponderExcluir
  3. Bons tempos do Rebanhão, Vencedores, Grupo Logos etc.

    ResponderExcluir
  4. Bispo Hermes, mas esqueceram de mencionar o verdadeiro louvor que é: "O CANTOR CRISTÃO", que jogaram definitivamente para o lado de fora das igreja de tijolos.
    MUITAS MÚSICAS QUE ESTÃO NO CANTOR CRISTÃO FORAM ESCRITAS DEPOIS DE UMA TORTURA, PRISÃO E ATÉ MORTE FÍSICA, FORAM ESCRITAS COM LETRAS DE SANGUE POR AMOR A JESUS CRISTO E SUA PALAVRA ORIGINAL DE VIDA ETERNA.
    Mas,o interessante que nesta época o Rebanhão era considerado,pelos santões líderes de igrejas, um conjunto muito avançado para o meio cristão, e suas músicas era críticadas por a maioria das igrejas.
    E hoje o que vemos é: Me desculpe as palavras mas não dá para ficar calado: Merda misturado com fezes são estas podres músicas que ouvimos hoje, ninguém fala nada? E os líderes evangélicos, se omitem a criticar? Com toda certeza isto virou fonte de renda para o enriquecimento de pastores.
    Até tem a Som Livre da Rede Globo que é descaradamente do diabo, onde a macumba reina com todo vapor, está dentro da igreja Batista da Lagoinha em BH, patrocinando a insuportável Ana Paula Valadão, e aí? Como fica isto?
    O Pai dEla o pastor Márcio Valadão, era um que criticava o rebanhão na época, eu estava lá na época.
    E agora o pior disto tudo,é ter que aguentar-mos esta ridícula Ana Paula, com seus luxos a custas dos outros porque ela não tinha nada, como seu pai o pastor Márcio Valadão também não tinha nada na vida.
    Hoje? Há! Procurem saber como vai os patriMônios do pastor Márcio e família.
    Cresceram e tem boa vida a custa da igreja!
    Falo porque o conheço deste o seu ínicio que entrou para a igreja Lagoinha, andava só pé.
    Teve uma irmã que ficou com dó dEle, O Márcio, lhe emprestou um fusquinha branco para ele não andasse mais a pé.
    Não tinha nada vezes nada na vida.
    Agora te pergunto, salário de pastor de uma igreja dá para ter pratimônios luxuosos de padrões de ricos?

    ResponderExcluir
  5. Respostas
    1. Tanto que até tem aquela música...
      NHOQUE, NHOQUE, NHOQUE na casa da vó! (Knock,knock,knocking on heaven's door)

      Excluir
  6. De uma coisa eu sei e estou certo que vai acontecer queira o homem ou não queira vai acontecer.
    Jesus Cristo virá, Jesus está voltando em breve, muito breve mesmo para buscar sua igreja seu povo santo que não se prostaram aos prazeres do mundo e santificaram suas vidas na Palavra de Deus e no sangue do Cordeiro, de sendo fiéis em Cristo.
    E tú amigo, estás pronto para encontrar com Jesus Cristo?
    Olha nem todos os homens ão de vê-lo, voce verá? Pense bem nisto! Isto é real e vai acontecer a qualquer momento.
    Amigo! Arrependa de seus pecados e santifique em Jesus Cristo, e principalmente renuncie este mundo e seus prazeres enganosos que levam a morte física e espiritual, e achareis vida eterna e desanço em Jesus Cristo para vossa alma.
    O grande dia do arrebatamneto de Jesus a sua igreja se aproxima, prepara-te ó Igreja do Deus vivo, será breve!

    ResponderExcluir
  7. Anônimo4:09 PM

    Hermes eu que não sou ok?
    Pergunte ao diabo que ele sabe quem é ok?

    ResponderExcluir
  8. Anônimo5:54 PM

    Hermes, eis a resposta.
    O cantor Rau Seixas disse em sua música que o diabo é o pai do Rock, então para que esta sua pergunta, se o próprio cantor já disse isso que vc pergunta, ele não é cristão não .

    ResponderExcluir
  9. o diabo só é pai da mentira e mais nada!!!

    ResponderExcluir
  10. com tanta musica legal do rebanhão, vc coloca uma versão de uma musica americana. nessa época janires já não estava mais no rebanhão e o grupo já seguia outros caminhos.

    ResponderExcluir
  11. Bispo, graça e paz! Certamente Deus criou o Rock porque Dele, por Ele e para Ele são todas as coisas. Assim como tudo que há, o diabo no máximo deturpou/deturpa ou usurpou/usurpa o Rock and Roll mas glória a Deus pelas Guitarras com captadores ativos e pelos pedais de distorção (principalmente os pedais high gain). Abraços.

    ResponderExcluir
  12. Anônimo8:00 PM

    Hermes publique isso o pessoal tem que saber quem é esse Fabio Jardim
    Esse Fabio Jardim aí em cima é membro da Igreja do Hermes a Reina é amigo pessoal do Hermes, ele sempre defende o seu guro Hermes com unhas e dentes tudo que ele escreve entenderam?
    Olha aí tanta besteira escrito por ele, Deus criou o Rock que absurdo ler isso.
    Fabio Jardim , mostre onde está na bíblia isto que vc falou que Deus é o pia do rock.
    Hermes, instrui seus seguidores membros da sua Igreja Reina a ler Bíblia, esse Fabio Jardim é um que precisa estudar a bíblia, porque pelo que vemos nos cometários o pessoal da sua igreja só falam
    asneiras, heresias que não está na Palavra de Deus a bíblia Sagrada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. “Quem vê, ouve, sente, e acima das sensações, crê que Deus é Aquele que inspira e assopra em cada ser humano (todos nós) a capacidade de gerar, gerir e digerir os seus frutos artísticos, a estes lhe são privilegiados a contemplar o elo entre Deus e a sua criação, onde se é evidenciado a beleza que está além da nossa compreensão e que irrompe nos poros da vida”.

      Como faz bem à mente saber que no meio dos Louvores Ele habita, e que o Espírito dEle é livre e inspira quem quer que Ele queira, em uma liberdade que vai além da minha presunção de entendimento, ótimo saber que todos que tem fôlego louvam ao Senhor pois assim Ele lhe aprouve, ótimo não ter a minha liberdade dada por Ele presa em um movimento religioso de facção, como também saber que a inspiração divina é livre e atinge a todos, bom discernir, perceber e saber que louvor nem sempre é o que se encontra no meio religioso, assim como saber que fora do meio religioso muito louvor é encontrado.

      Excluir
  13. Meu caro anônimo, graça e paz! João 1:3. Romanos 11:36. É só ler a bíblia sem utilizar os óculos da religião. Permita-se provar o fardo leve de Cristo. Deus o abençoe. Abraço, Fabio

    ResponderExcluir
  14. Mano Hermes, muito obrigado pela leitura e pela nostalgia embrenhada com Rebanhão... me lembrou meu tempo de criança quando meu pai colocava na vitrola os LP's, nossa que sensação boa de relembrar como a música era levada como arte da alma!

    ResponderExcluir
  15. Anônimo11:05 AM

    Meu caro Fabio Jardim, vc ainda não mostrou onde está na bíblia escrito que Deus fez o rock, que o que vc disse aí nesse versículos não consta que Deus fez o rock, fala que Deus fez todas as coisas etc, mas que Deus fez o rock, aí é demais para aguentar.
    Eu quero saber onde está escrito na bíblia que Deus fez o rock, me
    prove na bíblia onde Deus diz estas palavras, que Ele ( O SENHOR DEUS ) quem fez o rock.
    Por gentileza não me mande palavras infundadas não ok?
    Sou formado em Bacharel em Teologia e não gosto de que me faça de idiota, pois como mestre ensinador que sou, prego a Verdade com respaldo bíblico ok? O que falo tenho que provar dentro da bíblia o que falo.
    Hermes tenha paciência, e oriente seu seguidor aí o Fabio Jardim para parar de dizer heresias infundadas que não condiz hora alguma que ele disse que Deus fez o rock e outras aí que ele vem falando sem respaldo bíblico ok?
    Um abraço Hermes e Fabio Jardim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro anônimo, tu é que ta se fazendo de idiota, e ainda é teólogo? Deus fez vc! Então pode ter feito o rock. Me prova na Bíblia onde é que tem seu nome. Onde está (O SENHOR DEUS) criou o Anônimo da Silva? Não está! Amém?

      Excluir
  16. Meu caro anônimo, graça e paz! Não é uma questão de "está escrito" mas de "está dito". Está escrito eu, porém, vos digo... Disse Jesus no Sermão do monte. Na minha opinião é só se ater ao Espírito da Palavra. Não precisa estar escrito. Pra mim Deus criou tudo porque sem Ele nada do que foi feito se fez. Eu não credito nada ao inimigo. Como eu já disse ele no máximo deturpa ou usurpa mas não tem poder pra criar absolutamente nada. Nem o Rock! lml

    ResponderExcluir